Judas Priest: Rob Halford e Faulkner comentam novo álbum

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: blabbermouth, Tradução
Enviar Correções  

Justin Tedaldi, do Examiner.com, conduziu recentemente uma entrevista com o vocalista do JUDAS PRIEST, Rob Halford, e o guitarrista Richie Faulkner. Um trecho desta conversa está disponível abaixo.

Motörhead: em 1995, Lemmy comenta versão do Sepultura

Max Cavalera: triste ver uma banda tão importante virar uma merda

Examiner.com: Para o próximo projeto, eu sei que vocês estão trabalhando em um álbum de estúdio. Como isto está saindo?

Halford: "Fantástico. Muito, muito bom. Nós estamos dizendo que isto é muito importante para o PRIEST, meio que reforçar vários dos elementos do que fazemos e daquilo que queremos manter do último álbum do grupo, "Nostradamus". Por mais que este tenha sido um ótimo momento da banda no mundo conceitual, nós queremos voltar às raízes do que fazemos por tantas décadas e mais uma vez construir um ótimo álbum de heavy metal."

Examiner.com: Há muitas músicas prontas neste momento?

Halford: "Sim. Temos quarto faixas praticamente prontas. Estamos meio que revendo-as para ver se há algo para melhorar, e a razão principal disto é porque temos Richie a bordo, e Richie trouxe uma grande vida, uma dimensão extra de energia que é realmente contagiante. Todos crescemos amando Richie como músico e compositor, então ele com certeza adicionou algo novo, e isso meio que reenergizou algumas áreas do trabalho. Nós estamos escrevendo uma tonelada de material. Temos muita coisa engatilhada. Nós estamos tendo calma. Estará pronto quando estiver, como falamos a todos, mas é uma boa mensagem aos fãs, avisar a todos que há um novo disco do PRIEST a caminho."

Examiner.com: Richie fará parte do processo de composição para o novo álbum do PRIEST?

Faulkner: "Sim. Eu levo um gravador aonde quer que eu vá. Você nunca sabe quando a inspiração vai bater. [...]. Nós nos juntamos algumas vezes em 2012, eu, Glenn [Tipton] e Rob, e jogamos ideias que tínhamos guardadas e partimos de lá. Eles foram ótimos, ele poderiam ter dito: ‘Este é nosso disco e queremos que você toque nele.’, Mas eles disseram: ‘Você está na banda, e queremos sua contribuição.’ A maioria das minhas ideias foram muito bem aceitas. Este é um time realmente criativo para se trabalhar. Não poderia pedir por mais."

Leia a entrevista completa, em inglês, em:
http://www.examiner.com/article/q-a-with-rob-halford-and-ric...




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Motörhead: em 1995, Lemmy comenta versão do SepulturaMotörhead
Em 1995, Lemmy comenta versão do Sepultura

Max Cavalera: triste ver uma banda tão importante virar uma merdaMax Cavalera
Triste ver uma banda tão importante virar uma merda


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin