Matérias Mais Lidas

imagemPaul Di'Anno detona Regis Tadeu após vídeo em que critica seu encontro com Iron Maiden

imagem"A ingenuidade do fã do Iron Maiden é um negócio que beira o patético", diz Regis Tadeu

imagemBruno Valverde diz que preconceito contra ele veio mais da igreja do que dos metaleiros

imagemA dura crítica de Angus Young a Led Zeppelin, Jeff Beck e Rolling Stones em 1977

imagemFãs protestam contra Claustrofobia após banda fazer versão de música do Pantera

imagemStjepan Juras retruca comentário de Regis Tadeu sobre reencontro de Di'Anno e Harris

imagemGeezer Butler, Heavy Metal e a clássica canção do Black Sabbath inspirada por Jesus

imagemA banda de forró que uniu Nenhum de Nós, Legião, Titãs e Paralamas na mesma música

imagemIggor Cavalera manda ver em "Dead Embryonic Cells" ao vivo; confira drumcam

imagemComo era a problemática relação do Angra no "Aurora Consurgens", segundo produtor

imagemComo foram os últimos meses de Renato Russo e a causa da sua morte

imagemNovo álbum do Krisiun será lançado em julho; veja capa e tracklist

imagemJohn Bonham, Keith Moon ou Charlie Watts, quem era o melhor segundo Ginger Baker?

imagemTobias Forge, do Ghost, diz que ABBA deveria receber um Prêmio Nobel

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil


Alice In Chains: Staley conseguiu vaga cantando Mötley Crüe

Por Nacho Belgrande
Fonte: Playa Del Nacho
Em 15/05/13

Em 1984, o ALICE IN CHAINS ainda não existia, mas a procura de outra banda pelo vocalista certo começou a moldar naquele ano a banda mais forte e variada da cena grunge que despontaria no começo dos anos 90. O lugar dos testes era a casa dos pais de JAMES BERGSTROM, o baterista de uma banda chamada SLEZE, que ensaiava no porão. Eram todos jovens – ainda no começo do ensino médio e ainda aprendendo a tocar seus instrumentos e tocar covers. LAYNE STALEY eventualmente apareceria. Antes de tocarem juntos, os membros da banda notaram sua alta estatura, e seus trejeitos suaves, e ele estava vestido para desempenhar o papel de músico de rock, com nomes como ‘Ozzy’ e ‘Mötley Crüe’ escritos em suas calças com alvejante.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Layne era baterista, mas sempre dizia que queria passar para a posição de frontman, o que levou seu irmão a indicá-lo para o Sleze.

"Ele veio até nosso local de ensaio e era muito tímido, muito tímido", lembra o guitarrista Johnny Bacolas. "E tal como esperávamos, pensamos, ‘Aí sim! É assim que um vocalista deve parecer!’"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Depois das apresentações iniciais, o grupo começou a tocar. Bergstrom, os guitarristas Johnny Bacolas e Ed Semanate, e o baixista Byron Hansen todos tem certeza absoluta que a primeira música que eles tocaram com Layne foi um cover de "Looks That Kill", do Mötley Crüe. Eles de cara souberam que estavam no caminho certo.

O ALICE IN CHAINS – egresso do SLEZE – seria formado oficialmente em 1987.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

imagemMike Portnoy compara 5 de abril com 8 de dezembro e relembra rockstars falecidos

imagem5 de abril: uma das datas mais tristes da história da música pesada

imagemAlice In Chains: Jerry Cantrell diz que está 100% nem aí para os haters da Internet

imagemJerry Cantrell: confira vídeo animado de "Siren Song", lançado nesta quarta-feira

imagemAlice In Chains: como era a cena de Seattle na época do grunge, segundo Jerry Cantrell

imagemAlice In Chains: de Bee Gees até Iron Maiden, as bandas que influenciaram Jerry Cantrell

imagemJerry Cantrell elogia Elton John; "Um talento incrível e um ser humano lindo"

imagemAlice In Chains: todos os álbuns, do pior para o melhor, em lista da Metal Hammer

imagemLista: cinco bandas de rock e heavy metal que possuem mais de um vocalista

imagemTúnel do Tempo: 100 grandes músicas lançadas na inesquecível década de 90

imagemDream Theater: de U2 a Pantera, as influências de "Six Degrees Of Inner Turbulence"

imagemLoudwire: 50 álbuns de rock and roll e heavy metal que completarão 30 anos em 2022

imagemAlice In Chains: como a combinação entre Jerry Cantrell e Layne Staley deu tão certo

imagemDe Alice In Chains até Darkthrone, 15 álbuns que completarão 30 anos em 2022

imagemAlice In Chains: a curiosa origem do nome da banda, segundo Jerry Cantrell



Axl Rose: "ele é um fracassado", diz mulher de Slash


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande.