Metallica: Trujillo dá detalhes sobre processo de composição

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nathália Plá, Fonte: nathplarock.blogspot.com
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 01/06/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Muito tem se falado sobre o próximo álbum do METALLICA, tendo o vocalista/guitarrista James Hetfield dito que eles já têm um punhado de música e o baterista Lars Ulrich declarado que ele ficaria surpreso se o próximo disco saísse antes de 2015. Então o que eles estão esperando? Dave Basner, da VH1 Radio Network, perguntou ao baixista do METALLICA, Robert Trujillo, o que há no processo de composição da banda que demanda deles tanto tempo para criar suas músicas.

5000 acessosGhost: James Hetfield curte show da banda no meio da galera5000 acessosZakk Wylde: cinco momentos insanos do guitarrista

"Basicamente, fazemos jams por um período de tempo", disse Robert. "Temos uma sala em que tocamos quando estamos em turnê, e obviamente temos um estúdio e cada riff é gravado, cada idéia, cada padrão de acordes, cada progressão, cada batida de bateria, linha de baixo, temos isso, arquivamos isso e então passamos pelo processo de eliminação".

Trujillo então contou à VH1 Radio Network mais sobre os riffs em que eles estão trablhando.

"O James Hetfield tem, tipo, uns mil riffs e todos eles são ótimos", ele disse. "O pior riff dele poderia ser o melhor riff de alguma outra banda. Então somos abençoados... e benção é uma maldição também, porque nós temos tantas idéias legais que se torna um desafio decidir o que não deve subsistir, pelo menos para mim, na posição em que estou. Eu sempre digo 'Bem, esse é um bom riff!' e o James pode dizer, tipo, 'Ah, nem, eu não gosto'. Você me entende? Mas então, novamente, talvez umas duas semanas depois pode ser que ele goste. Mas tem de haver um tipo de processo de eliminação. Então é isso que temos feito".

Robert explicou esse processo de eliminação à VH1 Radio Network.

"O que se passa é que ouvimos as idéias, vamos ao nosso studio, na sala onde tocamos, e tocamos essa idéia, e talvez passamos um minuto tocando, talvez mais", disse ele. "Às vezes tiramos um arranjo inteiro e então o reservamos e então revemos isso tudo tipo uns oito meses depois para ver como ficou e então o reduzimos basicamente às melhores idéias para formular em torno de umas 15 músicas ou talvez mais".

Apesar do METALLICA não estar pronto para ir para o estúdio e começar a gravar seu 10º álbum, Trujillo diz que existe a possibilidade de trabalhar novamente com o produtor Rick Rubin. Rubin produziu o ultimo trabalho da banda, o "Death Magnetic", de 2008. Quando perguntado sobre possíveis produtores para o próximo trabalho, Trujillo disse à revista sul-africana, Muse, "Uma coisa de cada vez, temos de começar a preparar nossos esboços das músicas e certificar que eles são os melhores possíveis – e então veremos quais produtores estarão disponíveis. Fizemos um ótimo álbum com o Rick Rubin da última vez – assim esta é uma forte possibilidade".

Trujillo acrescentou, "Obviamente nada é garantido nos dias de hoje, mas se houver um grande produtor, que tenha algo a oferecer ao METALLICA, nós iremos investigar".

Enquanto o METALLICA se diz satisfeito com os resultados obtidos com Rubin, alguns fãs reclamaram que o som no "Death Magnetic" estava comprimido demais e com uma mixagem muito intensa, tornando a experiência auditiva desagradável.

Esta é uma tradução de matéria publicada no blabbermout.net que pode ser acessada no link abaixo.

http://www.blabbermouth.net/news.aspx?mode=Article&newsitemI...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

GhostGhost
James Hetfield curte show da banda no meio da galera

1293 acessosMetallica: veja filmagem profissional de "Hardwired" em Quebec1086 acessosMetallica: Cliff Burton VS Jason Newsted VS Robert Trujillo0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

Canal CMRCanal CMR
Os 10 melhores baixistas de todos os tempos

MetallicaMetallica
Robert Trujillo explica seu papel na banda

MetallicaMetallica
Hetfield é o mais influente da geração para Alex Skolnick

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"

Zakk WyldeZakk Wylde
Cinco momentos insanos do guitarrista

Gosto é gostoGosto é gosto
Quem ouve Heavy Metal ouve apenas Heavy Metal?

LoudwireLoudwire
As 10 melhores músicas do Nirvana

5000 acessosA História do Burzum5000 acessosIron Maiden: o pior momento de Bruce Dickinson no palco5000 acessosBlack Sabbath: mais uma do Tony Iommi pra cima do pobre Bill Ward5000 acessosAvenged Sevenfold: Johnny Christ responde se sente falta de Portnoy5000 acessosMustaine: 1ª impressão que teve de Kiko foi de que "ele é bonito"5000 acessosRita Lee: lambo o Serguei de graça!

Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online