Metallica: os 50 anos de James Hetfield em cinco vídeos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Pedro Zambarda de Araújo, Fonte: Bola da Foca
Enviar Correções  

O guitarrista e cantor James Hetfield, frontman do Metallica, completou 50 anos no dia 3 de agosto de 2013. Ele nasceu em Downey, no estado americano da Califórnia. O artista foi um dos fundadores da banda de heavy metal em 1981, ao lado do baterista Lars Ulrich. Com cinco décadas de idade, o cantor começou no rock'n'roll em 1978, nos Estados Unidos.

Roqueiros conservadores: a direita do rock na revista Veja

Metallica: a lista de exigências da banda em 1983

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Para homenagear sua carreira e seu aniversário, selecionamos cinco vídeos que mostram sua relevância musical com o Metallica.

1º) O Metallica tocou de The Four Horsemen em 1986, na cidade canadense de Quebec. A música é a segunda do disco de estreia da banda, Kill'Em All, de 1983. O período era considerado de ouro da banda, mas tanto Hetfield quanto seus companheiros ainda eram iniciantes nos palcos, tocando de maneira mais crua. O vídeo está disponível apenas no YouTube, neste link (embed não está liberado).

2º) Em Seattle, no ano de 1989, a banda tocou a música Blackened, do disco ...And Justice for All (1988). James Hetfield ganhou mais qualidade técnica como guitarrista base, embora a composição ainda soe como uma porrada dos primeiros anos da banda. Confira abaixo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

3º) No MTV Awards de 91, o Metallica tocou Enter Sandman, de seu álbum preto lançado no mesmo ano. Apesar do peso, James toca de uma mais simples e até pop. Foi a fase de maior sucesso do cantor após o começo da banda, apesar de muitos fãs gostarem mais de composições antigas do grupo.

4º) Na Holanda, em 96, James Hetfield sozinho, com um violão, tocou Mama Said, música do disco Load (1996). Considerado um dos menos heavy metal da carreira da banda, o material é odiado por alguns fãs, mas tem seu valor no mercado musical. E mostra um Hetfield buscando novas influências.

5º) Em 2009, na cidade de Quebec, Canadá, James Hetfield tocou a música My Apocalypse, do disco Death Magnetic (2008). A música marca um retorno do Metallica ao som genuinamente pesado.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Roqueiros conservadores: a direita do rock na revista VejaRoqueiros conservadores
A direita do rock na revista Veja

Metallica: a lista de exigências da banda em 1983Metallica
A lista de exigências da banda em 1983


Sobre Pedro Zambarda de Araújo

Nascido em 1989. Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero, em São Paulo, Pedro foi apresentado ao heavy metal através da banda Blind Guardian, em meados de 2004. Ouve e aprecia outros estilos do rock, como o punk, o indie e vertentes mais variadas. Gosta de assistir e cobrir shows.Toca muito mal guitarra, mas aprecia vários tipos de instrumentos musicais.

Mais matérias de Pedro Zambarda de Araújo no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280 CliInline WhipDin