Alice In Chains: "está cada vez mais difícil manter este negócio"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Em setembro de 2013 Lisa Sanchez do KLAQ, conduziu uma entrevista com os membros do ALICE IN CHAIS, Sean Kinney (bateria) e William DuVall (vocal).

3674 acessosKurt Cobain: Com membros do AIC e Sepultura numa jam no Rio em 1993?5000 acessosAxl Rose: sugerindo prática oral sexual a Paul Stanley

Sobre o atual estado da indústria musical, como a Internet afeta os músicos e onde eles acham que o negócio de discos está indo:

Kinney: "Qualquer música que pode gerar dinheiro será burra, uma merda dublada que é feita para o mais baixo denominador comum, feita para as massas, simplesmente como reality shows - baratos, horríveis, burros e emburrecedores. "

"O próximo LED ZEPPELIN e todos os outros estão tocando agora mesmo, eles nunca vão ter uma chance, porque se você não apoia estas coisas, não há infra-estrutura para deixar uma banda se tornar uma banda, e amadurecer e crescer. É financeiramente impossível. Eu quero dizer, nós estamos lá fora fazendo isso, nós somos pagos pelo que fazemos, mas gastamos cada centavo para fazê-lo. Nós gastamos quase todo nosso dinheiro e isto é triste. Para mover seis caminhões e vinte ônibus, cada um deles custa 30.000 dólares por mês. Sem contar gasolina. Isto custa milhões de dólares para fazer as coisas em um certo nível, e é isto que amamos fazer. Somos sortudos por conseguir fazer isso funcionar."

"As companhias de discos foderam cada ser humano que jamais gravou música na história da música. Cada pessoa - desde os primeiros discos - está permanentemente fodida porque as gravadores não conseguiram se recompor e ninguém regulou nada e não descobriram uma maneira de distribuir música digital corretamente."

DuVall: "Está ficando cada vez mais difícil manter este negócio quanto mais este, tipo um efeito de ondas, vai se expandindo na cultura."

"As pessoas acham que estão fodendo "O Cara" por não pagar por um disco, baixá-lo por Torrent e todas estas coisas. Eles não estão fodendo os caras. Eles estão fodendo sua banda favorita, estão fodendo seus artistas favoritos, e ao final, estão se fodendo. Por que eventualmente estes artistas não conseguirão fazer mais turnês. Muitas das bandas vão se separar. Muitas bandas já se separaram."

"Quando você fala sobre estas bandas de primeiro escalão que ainda conseguem operar, nós estamos na categoria dos com sorte porque conseguimos ter uma conversa séria sobre mover todos estes caminhões e estas pessoas ao redor do mundo, levar cada instrumento para qualquer lugar e alimentar todos que trabalham para o grupo, e eventualmente nos alimentarmos. Nós podemos ao menos ter esta conversa, mas tem muitas bandas que conseguiriam sobreviver uns 15 ou 20 anos atrás em um meio termo - como suas bandas punk que estavam na Epitaph, estas bandas vendiam cerca de 100,000 discos e eles podiam ter a confiança de fazer estes discos de forma barata, podiam fazer turnês em um ônibus, eles conseguiam sobreviver. Agora estas bandas não mais o fazem. Todo este nível do meio, é como o que acontece em uma escala mais larga no país e no resto do mundo. Como esta coisa de que a classe média está sendo destroçada. Eles são aqueles sendo destroçados."

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 09 de abril de 2017

Kurt CobainKurt Cobain
Com membros do AIC e Sepultura numa jam no Rio em 1993?

1556 acessosHeart: "As bandas de Seattle festavam direto na minha casa"2556 acessosAlice in Chains: "a canção Would é em homenagem a Andy Wood"1815 acessosAlice In Chains: "abençoados" por terem William DuVall1364 acessosL7: apresentação ao vivo na Rádio Cidade, antes perdida, ressurge0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Alice In Chains"

Guns N RosesGuns N' Roses
Evitando o gigantesco vômito de Nicki Minaj no backstage

Alice in ChainsAlice in Chains
Spotify e Pandora estão roubando os músicos

VíciosVícios
As 10 melhores músicas sobre drogas

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Alice In Chains"

Axl RoseAxl Rose
Sugerindo prática oral sexual a Paul Stanley

Metal ProgressivoMetal Progressivo
Os melhores álbuns do estilo segundo o About.com

ListaLista
As dez melhores músicas para se ouvir na estrada

5000 acessosRobert Plant: "quase saí do Led quando meu filho morreu"5000 acessosMetromix: a lista dos vocalistas mais irritantes do rock5000 acessosGuitar World: revista elege os 50 guitarristas mais rápidos5000 acessosU2: banda manda caixa de cerveja Guinness pro alcoólatra Slash5000 acessosGuns N' Roses: leia a carta em que Axl rejeita nomeação ao Rock Hall5000 acessosAlice In Chains: 10 coisas que você (com certeza) não sabia sobre Layne Staley

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online