Rosa Tattooada: entrevista com Paulo Cássio, ex-guitarrista, no Heavynroll

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Geraldo Andrade, Fonte: Heavynroll
Enviar Correções  

Nesse ano, uma das melhores bandas de hard rock do Brasil, está completando 25 anos, a ROSA TATTOOADA.

E 2013 está sendo um dos melhores anos para banda, muitos shows, novo clipe e o tão esperado novo álbum.

O Heavynroll foi direto ao Brooklin, para buscar um presente para os fãs da banda.

Uma conversa com um dos nomes mais importantes da história da banda, um dos fundadores, o guitarrista PAULO CÁSSIO.

publicidade

Numa conversa muito legal, ele fala da história da banda, do que anda fazendo e de uma surpresa.

Vale conferir!

publicidade

HEAVYNROLL - Você ficou conhecido como o guitarrista original de uma das melhores bandas de hard rock do Brasil, a ROSA TATTOOADA. Hoje você vive nos EUA, o que anda fazendo o PAULO fora do Brasil?

PAULO - Em 2003 estava tocando em uma banda chamada PRIMITIVE, de São Paulo. Fizemos algumas apresentações em NYC (incluindo o Lendário CBGB's), e quando retornamos ao Brasil a banda acabou. Resolvi retornar e começar tudo de novo, formei então o JUNGLE JUNKIES... Tocamos em todos os lugares, varremos o circuito underground de NY, participamos de festivais (Warped Tour duas vezes), abrimos para o FASTER PUSSYCAT. Em 2010 gravamos nosso primeiro full álbum, mas antes de lançarmos demos uma "parada" por tempo indeterminado. Tenho um projeto acústico, FREEFLY, e continuo escrevendo letras e compondo musicas sempre, tocar guitarra é minha vida!

publicidade

HEAVYNROLL - Na época que você estava na banda, vocês tinham muitos shows fora do Rio Grande do Sul. Você lembra-se desses shows? Das tours?

PAULO - Vou ser sincero, viver os anos 80 intensamente não ajudaram a manter a memória, mas tenho boas lembranças, como o show do Aeroanta em SP, e quando batemos o Record de publico no Black Jack (SP). Foram momentos especiais. O show do Circo Voador no RJ também.

publicidade

PAULO - Um show hilário foi quando tocamos no aniversario da filha de um bicheiro no Rio, seguranças armados pra todo lado, uma produção de festival internacional, mas tocamos somente pra família, tias, avos e as amiguinhas (risos)! Os caras só falavam: "tem de tudo aqui, usa o que quiser, só não come nenhuma menininha senão morre!

HEAVYNROLL - E abrir para o GUNS N`ROSES, em 1992, como foi essa experiência?

PAULO - Cara, sem palavras, pra ser sincero meu sonho seria abrir para o MOTLEY CRUE ou o AC/DC, mas abrir para o GNR no auge da carreira deles não tem como descrever, fizemos parte da história, tenho muito orgulho disso, abrimos pra maior banda do mundo na época!

publicidade

HEAVYNROLL - Você está colaborando/participando do novo álbum da banda, vamos ter composições suas. O que você pode falar sobre isso?

PAULO - Infelizmente nossas "agendas" não permitiram uma participação maior, mas acho que reacendeu uma velha chama, tenho certeza que muita coisa boa vai rolar daqui pra frente.

PAULO - Nova mesmo, "Carta Marcada", escrevi a letra, algo que fizemos bastante, geralmente eu chegava com uma letra, ou pedaços de letras e um riff, e o Jacques costurava, soldava as partes, ele é craque nisso!

publicidade

PAULO - Outra é "Tão Longe", uma das nossas primeiras composições, que ficou FODA! Originalmente era violão e voz, esta versão com a banda esta matadora! E de bônus a clássica "Tardes de Outono", minha música preferida até hoje. Grande versão 2013!

HEAVYNROLL - Como você vê a banda hoje em dia? A atual formação?

PAULO - Conheço o DALIS há muito tempo, desde guri e sempre foi um grande baterista, em minha opinião um dos melhores bateristas de Hard Rock que já vi tocar.

publicidade

PAULO - O Valdi é um monstro, PQP! Conheci ele pessoalmente no show do Malvadeza, grande pessoa e musicalmente dispensa comentários!

PAULO - Ouvi quase todo o novo álbum, e só posso dizer que vai ser um dos melhores álbuns de Hard Rock já lançados, e o JACQUES esta na melhor forma, tanto na voz como na guita!

HEAVYNROLL - Será que um dia, PAULO CÁSSIO poderá voltar a tocar com a ROSA TATTOOADA? Como um componente fixo?

PAULO - Com certeza, um dia isto vai acontecer, mas ainda não sei quando.

Leia matéria completa no link abaixo:
http://heavynrollspace.blogspot.com.br/2013/10/rosa-tattooad...

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Jethro Tull: a fúria de Ian Anderson pra cima do Led ZeppelinJethro Tull
A fúria de Ian Anderson pra cima do Led Zeppelin

E-Farsas: Papa Francisco era fã do Black Sabbath?E-Farsas
Papa Francisco era fã do Black Sabbath?


Sobre Geraldo Andrade

Geraldo "Gegê" Andrade é blogueiro e colaborador no Blog Heavynroll, de Caxias do Sul/RS. Iniciou sua paixão pelo rock n roll, principalmente o heavy metal, nos anos 80, quando pela primeira vez, ouviu um álbum da banda KISS. Tem um currículo com mais de 150 shows, de bandas nacionais e internacionais. Já participou como jurado em festivais de rock na cidade de Caxias do Sul. Está se tornando um especialista em entrevistas, já tendo entrevistado vários músicos nacionais e internacionais. Apoia muitas bandas do underground, pelo Brasil inteiro. Estudante de Comunicação Social - Jornalismo, na Universidade de Caxias do Sul/RS.

Mais matérias de Geraldo Andrade no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin