Como em um Açougue: loja de discos vende vinil a quilo nos EUA

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Por Owen Smith para o Seattle Times

Quando Chris Campbell estava na faculdade, ele teve uma ideia única para um negócio: uma loja de discos de vinil que vendesse discos pelo peso.

Por motivos óbvios, a ideia nunca decolou, mas Campbell não a esqueceu. Agora sócio-diretor criativo da agência de publicidade Creature em Seattle, Campbell está tendo a oportunidade de ver sua ideia tornar-se realidade, ao transformar a seção dianteira da empresa em Capitol Hill em uma loja temporária, com data pra fechar.

"Eu percebi que não era uma boa ideia no mundo real, mas eu ainda queria fazer isso, e essa foi uma boa oportunidade", disse Campbell. "Eu pensei: 'Por que não realizar meu sonho e fazer um açougue de discos?' Essa é apenas uma loja temporária, vamos ficar abertos pras festas de fim de ano e daí faremos outra coisa."

A Creature - conhecida por seu trabalho com empresas do porte da Seattle's Best, Jansport e Hewlett-Packard - já usou sua fachada para outras ideias com prazo de validade, incluindo uma barbearia e uma cartomante. Graças à colaboração de Campbell com os colegas de trabalho Brian Bosworth e Christine Ogborn, a Creature pode acrescentar 'Açougue de Discos' à lista.

A loja fica no número 1517 da Avenida 12, com uma bela vitrine com discos em uma vitrine de vidro e um quadro negro listando os 'ofertas especiais' do dia. Tal como estivessem em um açougue, os clientes podem escolher entre diferentes 'cortes': ragu de carne picada a 43 centavos por meio quilo, 'batida de primeira' a 1.03 por meio quilo e 'cortes de primeira' a US$1.46 por meio quilo. Com mais de 1000 álbuns no estoque, há bastante oferta. Mas e quanto à qualidade?

"Na parte do picadinho, tem muito de Conway Twitty", disse Campbell. "Na carne de primeira tem de tudo desde Chaka Khan até os Everly Brothers e Ronnie Laws."

2 quilos e meio dão uns 10 discos, mas não espere poder escolher quais dez você quer levar.

"É meio como abrir um envelope de figurinhas", disse Campbell. "É um modo estranho de fazer isso, mas é muito excitante."

Com quase nenhuma divulgação, a Creature abriu a 'Elpee's Beat Shop' na última sexta-feira, mas graças aos passantes e ao boca-a-boca, ela já havia vendido 30 kilos na tarde de sexta. A loja está aberta das 9 da manhã até às 4 da tarde de segunda a sexta e também aos sábados das 10 às 3. Ela encerra suas atividades no dia 11 de Janeiro.

Até lá, Campbell poderá viver seu sonho de universitário.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Indústria Musical"


Dave Mustaine: a Internet mudou a indústria musicalDave Mustaine
A Internet mudou a indústria musical

Indústria: 17 coisas que bandas novas simplesmente não entendemIndústria
17 coisas que bandas novas simplesmente não entendem

Música ao Vivo: entenda como algumas casas a estão destruindoMúsica ao Vivo
Entenda como algumas casas a estão destruindo


Jim Morrison: ele está vivo e criando cavalos nos EUA?Jim Morrison
Ele está vivo e criando cavalos nos EUA?

Cristina Scabbia: Símbolo sexual? Fico surpresa com isto!Cristina Scabbia
"Símbolo sexual? Fico surpresa com isto!"

Contra Costa Times: Os 25 melhores guitarristas da Bay AreaContra Costa Times
Os 25 melhores guitarristas da Bay Area

Metallica: Casal toca Master no casamento e ganha encontro com a bandaMetallica
Casal toca "Master" no casamento e ganha encontro com a banda

MMA: os lutadores que curtem Rock e Heavy MetalMMA
Os lutadores que curtem Rock e Heavy Metal

Slayer: por que os primeiros discos estão fora dos remasters?Slayer
Por que os primeiros discos estão fora dos remasters?

Blaze Bayley: voz do Andre Matos é muito mais Maiden que a minhaBlaze Bayley
Voz do Andre Matos é muito mais Maiden que a minha


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336