Estúdios: Os 10 que você deve conhecer antes de morrer

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Texto original elaborado por BOBBY OWSINSKI

[...]

Eu estava comentando com um amigo sobre o ramo dos estúdios musicais de Los Angeles dia desses quando a conversa tomou o rumo de um estúdio muito famoso que estava sendo lentamente posto fora de atividade [adivinhe qual dos abaixo]. Isso me fez pensar em alguns dos grandes estúdios nos quais eu trabalhei ao longo de minha carreira assim como outros que estão em minha lista de coisas a fazer antes de morrer. Eu decidi compilar uma relação dos 10 estúdios que eu acredito que todo mundo com alguma ligação à fonografia deveria visitar pelo menos uma vez.

Separados no nascimento: Edu Falaschi e Luciano HuckAndreas Kisser: "Eloy Casagrande talvez não seja humano"

Na verdade, havia bem mais de dez, mas esses são os que eu considero como o Top 10 que me vem à mente.

ABBEY ROAD [Londres] - O centro do universo das gravações por décadas, o estúdio que todos mais querem visitar, e que muitos tomam como o que sempre representou a epítome da excelência na fonografia.

CAPITOL RECORDS [Los Angeles] - Só o que você tem a fazer é andar pelo corredor e olhar para as enormes fotos de Frank [Sinatra] e Dean [Martin] e se dar conta de como a história do estúdio afeta você. Salas com excelente acústica, sem falar nas famosas câmaras de eco. As grandes obras na área podem atingir seriamente o estúdio em um futuro próximo.

SUNSET SOUND [Los Angeles] - Um dos primeiros estúdios independentes do mundo, este tem sido lar de fabricantes de sucessos desde o começo dos anos 60. Eu fui ao aniversário de 25 anos dele muitos anos atrás e eles tocaram os sucessos que haviam sido gravados lá como música de fundo por quatro horas e não repetiram nenhuma.

EAST WEST [Los Angeles] - Outrora parte integrante do complexo de estúdios United Western de Bill Putnam [também um dos primeiros independentes], os estúdios tem permanecido basicamente inalterados desde que Bill os projetou.

OCEANWAY [Los Angeles] - A outra parte dos United Western e, até recentemente, de propriedade de Allan Sides, o estúdio agora está sob a batuta da produtora cinematográfica Gower e seu futuro está em cheque. Visite-o enquanto pode.

ELECTRIC LADY [Nova Iorque] - O estúdio pessoal de JIMI HENDRIX. A vibração dele ainda ressoa por lá. Só isso.

THE RECORD PLANT [Los Angeles] - Não mais em seu endereço original, mas ainda uma lenda apenas por sua lista de clientes.

HENSON [Los Angeles] - Anteriormente chamados de A&M Studios, localizado no antigo cenário de externas de CHARLIE CHAPLIN, o Henson é uma das poucas instalações de grande porte restantes. Mais uma vez, lar de lendas.

CONWAY [Los Angeles] - Não tão badalado, o Conway tem sido um recanto de vários grandes nomes da música por décadas. Não há como superar os jardins tropicais que circulam o estúdio, o que o torna único.

AVATAR [Nova Iorque] - Antes batizado como Power Station, o Avatar é pico dos fabricantes de sucesso da Costa Leste dos EUA há dezenas de anos, assim como foi o local onde muitos dos engenheiros mais influentes começaram suas carreiras.

Essa foi uma lista com os 10 nomes mais fáceis de lembrar, e ainda nem chegamos a Nashville, Memphis e ao resto de Londres, assim como alguns dos estúdios mais famosos que agora são museus como o da MOTOWN, o da SUN e o STUDIO B da RCA. Além do mais, a lista ficou muito Los Angeles-cêntrica. Perdoem-me, meus amigos dos estúdios, se eu deixei algum favorito de fora. Se vocês gostarem dessa lista, eu postarei outra em breve. [...]




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção CuriosidadesTodas as matérias sobre "Indústria Musical"


Vinil: maior coleção do mundo está à venda - mas ninguém querVinil
Maior coleção do mundo está à venda - mas ninguém quer

Bandas: 12 motivos pelos quais vocês devem demitir um membroBandas
12 motivos pelos quais vocês devem demitir um membro

Postura: 12 coisas que você nunca deve dizer a um músicoPostura
12 coisas que você nunca deve dizer a um músico


Separados no nascimento: Edu Falaschi e Luciano HuckSeparados no nascimento
Edu Falaschi e Luciano Huck

Andreas Kisser: Eloy Casagrande talvez não seja humanoAndreas Kisser
"Eloy Casagrande talvez não seja humano"

Cradle Of Filth: Dani Filth explica seu conceito de religiãoCradle Of Filth
Dani Filth explica seu conceito de religião

Bandas Iniciantes: 11 cagadas que vocês NAO podem cometerBandas Iniciantes
11 cagadas que vocês NAO podem cometer

Capas de álbuns: 30 das piores artes da históriaCapas de álbuns
30 das piores artes da história

Heart: Barracuda, uma narrativa contra uma mentira sexistaHeart
"Barracuda", uma narrativa contra uma mentira sexista

Led Zeppelin: ruiva faz homenagem à banda em pole danceLed Zeppelin
Ruiva faz homenagem à banda em pole dance


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336