Tesla: em 1986, "Mechanical Resonance" destoava da farofa

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar Correções  

Essa semana marca o vigésimo sétimo aniversário do disco de estreia do TESLA, "Mechanical Resonance". A discografia do grupo é muitas vezes associada com a de outras bandas que surgiram durante os dias áureos do metal farofa, mas a abordagem lírica simples, proletária e despretensiosa do Tesla era mais baseada em hard rock setentista e no blues contemporâneo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


A musicalidade de ‘Mechanical Resonance’ é magnífica, graças, em grande parte, ao vocal único de Jeff Keith e aos ALTAMENTE subestimados guitarristas Frank Hannon e Tommy Skeoch. E apesar de o disco ter vendido bem o suficiente para chegar a Disco de Platina em 1989, é difícil argumentar com o fato de que o Tesla nunca chegou nem perto de alcançar a fama que merecia. Ainda assim, ‘Mechanical Resonance’ é um dos álbuns mais fortes lançados nos anos 80 e uma audição essencial pra qualquer apreciador do hard rock mais direto e menos açucarado.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Guitar World: os 20 melhores álbuns de Hair Metal dos anos 80Guitar World
Os 20 melhores álbuns de Hair Metal dos anos 80

O tempo é implacável: a turma do rock/metal não sabe envelhecer?O tempo é implacável
A turma do rock/metal não sabe envelhecer?


AC/DC: as 10 melhores músicas da banda com Bon ScottAC/DC
As 10 melhores músicas da banda com Bon Scott

Metallica: ouça Nothing Else Matters em escala maiorMetallica
Ouça "Nothing Else Matters" em escala maior


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Goo336 Goo336