Soulfly: Max explica ausência das faixas do Sepultura nos sets

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar Correções  

JO SCHÜFTAN do site HORNS UP ROCKS, conduziu recentemente uma entrevista com MAX CAVALERA [SOUFLY, CAVALERA CONSPIRACY, KILLER BE KILLED, SEPULTURA] no último dia 13. O vídeo da conversa pode ser visto mais abaixo.

Comentando a respeito da atual turnê do SOULFLY pelos EUA, Max declarou: "É a primeira vez em que estamos tocando somente músicas do Soulfly no show. Sim, eu decidi experimentar isso e ver como vai ser, se as pessoas vão ficar bravas ou se as pessoas vão entender. E para a minha surpresa, as pessoas de fato entendem e realmente gostam disso. Algumas até comentaram comigo, elas dizem que queriam ver isso já fazia muito tempo, porque elas acham que o SOULFLY tem tantos discos. Temos nove discos lançados, então é muita música. E fazemos um set bastante recheado – uma hora e meia, tocando um pouco de cada disco, desde o primeiro até ‘Savages’. E esperamos nos divertir muito. A lineup é a mesma: eu, Marc Rizzo, Tony Campos e Zyon. E Zyon está botando pra fuder, se saindo muito bem à bateria. E estamos apenas nos divertindo, cara, tocando em lugares pequenos para os fãs mais ferrenhos, o que é o que gosto nessa turnê. É uma situação intimista onde você fica bem próximo aos seus fãs. Você até sente o cheiro deles e o suor deles pinga em você, e o microfone é derrubado de vez em quando. Mas é muito divertido, cara. Eu estou gostando para valer."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Heavy Metal: 25 bandas que fizeram o gênero ser o que éHeavy Metal
25 bandas que fizeram o gênero ser o que é

Doentio: Black Metal composto apenas com gritos de pacientes loucosDoentio
Black Metal composto apenas com gritos de pacientes loucos


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Goo336 Goo728