Exodus: Kirk Hammett estava "desesperado" para gravar com o grupo

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 29/10/14. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O guitarrista do EXODUS, GARY HOLT, diz que o ex-guitarrista da banda, KIRK HAMMETT estava ‘desesperado’ para participar do mais recente disco do grupo “Blood In, Blood Out”.

421 acessosMetallica: veja como fica "Sad But True" 2x mais rápida5000 acessosRock Brasileiro: uma lista das 10 maiores bandas

Apesar de ter até dado o nome ao grupo antes de deixa-lo para entrar para o METALLICA em 1983, Hammett nunca antes havia aparecido em nenhum disco do Exodus antes de seu solo em ‘Salt The Wound’.

Em agosto, ele disse: “Eu os conheço já pela maior parte de minha vida, então fico muito feliz por enfim gravar com eles.”

Agora Holt disse ao site Full Metal Jackie: “Kirk queria gravar esse solo mais do que ninguém. Eu acho que pra ele é como voltar pra casa – fechar o ciclo, finalmente tocar em um disco do Exodus com os caras com os quais ele começou tudo aos 16 anos de idade.

“Eu passei muito tempo com Kirk ao longo dos últimos quatro anos e realmente nos ligamos de novo. Passamos muito tempo fazendo que as pessoas mijassem nas calças, ouvindo a Kirk e eu contarmos todas as histórias criminosas de nossa juventude. Quando você está se referindo ao guitarrista principal da maior banda de metal do planeta e todo o tipo de merda que fizemos quando éramos moleques, é ridículo. Daí foi dai prali, e cresceu, e cresceu, até tipo, ‘Cara, você deveria gravar um solo’. E ele ficou tão animado em fazê-lo. Ele queria fazê-lo mais do que qualquer um. Foi demais.”

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 29 de outubro de 2014

Rock In RioRock In Rio
Medina queria Metallica e fala sobre ausência de metal

421 acessosMetallica: veja como fica "Sad But True" 2x mais rápida231 acessosMetallica: vídeo oficial de "Damage, Inc." em Amsterdã, Holanda1066 acessosMetallica: o mashup mais ridículo envolvendo a banda672 acessosMetallica: confira "ManUNkind" tocada ao vivo pela primeira vez0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

MetallicaMetallica
Tocar músicas raras ao vivo é um desafio para a banda

AnnihilatorAnnihilator
"A cena está crescendo, mas precisa de um novo Metallica"

MetallicaMetallica
Falha geral no sistema de som durante show no RIR

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Exodus"0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"

Rock BrasileiroRock Brasileiro
Uma lista das 10 maiores bandas

Heavy MetalHeavy Metal
10 músicas inspiradas em heróis de quadrinhos

Guns N RosesGuns N' Roses
"Quer ver algo cedo? Vá assistir Friends!"

5000 acessosCorey Talor: "Axl é um pau no cu e quem espera por ele é otário"5000 acessosSign of the horns: o sinal do Demônio5000 acessosIron Maiden: o passado vergonhoso registrado em fotos5000 acessosGuns N' Roses: a verdadeira história de "Rocket Queen"5000 acessosMustaine: revelando qual sua composição preferida do Metallica5000 acessosBill Ward: eu preferia Ozzy a Dio no Black Sabbath

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online