Slipknot: Corey fala se Joey pode um dia voltar ou não

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruce William, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar Correções  

Em entrevista para o MusikUniverse, cujo vídeo pode ser visto mais abaixo, Corey Taylor fala sobre a recente mudança de formação do Slipknot; confira alguns trechos, transcritos pelo Blabbermouth.net:

Corey Taylor: Ele não tem mais nem as senhas de suas redes sociais

Felipe Andreoli: "Se você quiser se arriscar a ligar para o ex-cantor do Angra..."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Se os novos integrantes - supostamente o baterista Jay Weinberg e o baixista Alessandro "Vman" Venturella - são apenas músicos contratados ou se eventualmente se tornarão membros oficiais.

Corey: Ainda vamos ver isto. Quer dizer, ninguém ganha nada de mão beijada nesta banda. Todos tem que conquistar o seu espaço. É o que estou dizendo desde o início. Sei que muitos fãs ficaram chateados por não nos comprometermos com nada. É tipo, 'hey, calma lá!' Somos uma banda com 15 anos, fizemos muita coisa juntos. E isto não é algo que se ganha de graça, você tem que conquistar. Posso lhes dizer que eles estão indo muito bem. São fantásticos para se conviver, grandiosos no palco, soam muito bem, e estamos tendo uma convivência muito boa. Então vamos ver o que vai rolar.

Sobre a possibilidade de termos o baterista Joey Jordison retornando algum dia?

Corey: Não sei. Não sei. Quero dizer, é difícil saber! Um dos motivos pelo qual ele não está conosco é porque estávamos caminhando em direções opostas, e digo isto sob todos aspectos. Com respeito a ele, não direi mais nada. Mas o futuro guarda surpresas que nenhum de nós pode prever. Então tudo que posso dizer é que no momento 'eu não sei'.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Se o Slipknot exigiu que o novo baterista tocasse no estilo de Joey Jordison durante as gravações do ".5: The Gray Chapter":

Corey: "Não, não, o deixamos livre. O grande lance sobre nosso baterista é que ele é um fã, vêm a nossos shows desde bem jovem, então seu estilo aconteceu de ter esta vibe frenética. Foi um alívio; foi um dos motivos pelo qual ele está conosco. Não queríamos um clone do Joey, vamos dizer assim. Queríamos alguém que pudesse - tecnicamente falando - tocar o material antigo e que também tivesse estilo próprio. E ele tem tudo isto; um estilo diferenciado que se encaixa com tudo que fazemos. Mas o deixamos meio livre... nós o encorajamos, obviamente, a explorar coisas diferentes e levar tudo a um outro nível ao invés de fazer o que seria 'normal'.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280