Marilyn Manson: pensar em fanbase faz de você o garçom, não o cozinheiro

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Narcissus Narcosis, Fonte: Daily Star Sunday
Enviar Correções  

MARILYN MANSON toca no Download Festival, a Meca dos fãs de metal, esse final de semana.

Taylander8: O triste fim do polêmico Marilyn Manson (vídeo)Corey Talor: "Axl é um pau no cu e quem espera por ele é otário"

Depois de ser homenageado com o Kerrang! Award pelo conjunto de sua obra, o antichrist superstar me levou para o chuveiro para descarregar a sua cólera.

Ele jurou nunca abandonar o seu status cult juntando-se às massas em Glastonbury, como o Metallica fez há um tempo. Intransigente como sempre, MANSON disse-me "eu nunca faria, nem qualquer outra coisa para benefício do mainstream. Eu nunca tentei pensar pelo bem de uma fanbase, caso contrário, você se torna o garçom e não o cozinheiro."

De uma forma exótica, agora eu posso dizer que tomei banho com um rockstar, embora o MARILYN MANSON nunca estivesse no topo da minha lista. Assim, o que acontece no cubículo permanece no cubículo, mesmo ele tendo dito para colocar a mangueira embaixo depois.

Ser homenageado no Reino Unido significa muito para o homem criado à base de DAVID BOWIE e IRON MAIDEN: "a música britânica tem sido o mais influente em minha vida. Tudo era tão exótico. Até a Kerrang!, quando surgiu, vinha embrulhada em um saco plástico, como se fosse uma revista pornográfica."

MANSON achou irritante quando o THE DARKNESS surgiu dez anos atrás, transformando o metal em paródia. Ele disse: "as pessoas ouviam THE DARKNESS e não sabiam que o JUDAS PRIEST existia e, então, quando eles voltaram (JUDAS PRIEST) essas pessoas acharam engraçado."

"Eu estava louco há dez anos, mas as bandas de hoje são tão chatas de uma forma que eu não consigo compreender. Se o nome da sua banda tem quatro palavras, isso é muito: THE DOORS, THE BEATLES, MARILYN MANSON" - ele ainda tem a capacidade de chocar, mas MANSON tem definitivamente abrandado nos últimos tempos.

Ele explica o motivo: "2014 foi o ano em que eu percebi que não gostava do rumo que minha vida estava tomando nos últimos anos. Eu queria mudar. Era como se eu estivesse começando a minha carreira novamente. As pessoas lembram de mim por massacres em escolas ou canções de rock, mas eu quero me reapresentar ao mundo."

MANSON recentemente voltou à forma novamente com seu novo álbum, "The Pale Emperor".



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Taylander8: O triste fim do polêmico Marilyn Manson (vídeo)Taylander8
O triste fim do polêmico Marilyn Manson (vídeo)


Alguns dos maiores mitos do Rock n' RollAlguns dos maiores mitos do Rock n' Roll

Justin Bieber: popstar cultua Marilyn Manson e não teme SatãJustin Bieber
Popstar cultua Marilyn Manson e não teme Satã


Corey Talor: Axl é um pau no cu e quem espera por ele é otárioCorey Talor
"Axl é um pau no cu e quem espera por ele é otário"

Kerrang!: os 100 melhores álbuns de Rock em lista da revistaKerrang!
Os 100 melhores álbuns de Rock em lista da revista


Sobre Narcissus Narcosis

Narcissus Narcosis é fã de Marilyn Manson desde o final dos anos 90 e tirou o seu nome de uma música do cantor. Além do roqueiro, também é apreciador de literatura, cinema, filosofia, psicologia, teatro, shows, etc.

Mais matérias de Narcissus Narcosis no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin