Megadeth: Mustaine chegou a pensar em procurar outro baixista

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruce William, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar Correções  

Dave Mustaine contou ao Full Metal Jack que achou que precisaria achar outro baixista durante as gravações do "Dystopia", primeiro álbum do Megadeth a contar com o baterista Chris Adler e o guitarrista brasileiro Kiko Loureiro.

"Foi realmente bizarra a maneira que tudo aconteceu, pois o processo de composição começou em 2013. Daí em 2014 tivemos aquele ano terrível (Nota: a sogra de Mustaine desapareceu e depois foi encontrada morta) e no final dele começarmos a juntar os cacos mas daí eu e minha família nos mudamos para Nashville. Veio 2015 e tudo estava meio que paralisado. No início do ano eu sequer tinha uma banda, mas tinha uma visão e estava determinado, apesar de estar sozinho - pois eu não sabia o que estava acontecendo com o Ellefson; ele estava tocando com o Metal Allegiance então eu pensei 'Talvez eu vá precisar de um novo baixista também'. Então quando começamos a gravar eu tinha composto dez músicas. E chegou o Chris, escolhemos duas covers. E quando veio Kiko, fizemos mais duas músicas em que ele esteve envolvido. E a última canção que fizemos foi 'Poisonous Shadows'"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Há quem goste: As 10 bandas mais odiadas do universoHá quem goste
As 10 bandas mais odiadas do universo

Sinceridade: e se as capas de discos dissessem a verdade?Sinceridade
E se as capas de discos dissessem a verdade?


Sobre Bruce William

Bruce William pensava em ser um motoqueiro rebelde mas descobriu que é um Wieder Blutbad nerd apaixonado por uma Fuchsbau. Avy jorrāelan, CatW!

Mais matérias de Bruce William no Whiplash.Net.

Goo336 CliIL