Geoff Tate: "ser comparado ao Mötley Crüe era um insulto"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Igor Miranda
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 11/01/17. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O vocalista Geoff Tate disse, em entrevista ao Irish Examiner, que ver o Queensryche ser comparado ao Mötley Crüe era "um insulto". No início dos anos 1990, as bandas eram agrupadas no mesmo estilo: o hard rock, tão tocado em rádios e na MTV.

327 acessosMötley Crüe: como crianças de hoje reagem ao som da banda?5000 acessosOs roqueiros mais chatos das redes sociais

"Quando começamos, gênero musical não era algo muito comentado. Tínhamos bandas diferentes fazendo coisas diferentes e estava tudo bem", conta.

A situação foi mudando na indústria musical, segundo Tate. "A mentalidade do marketing chegou a este negócio. Eles começaram a quebrar tudo e colocar em caixas. Naquele ponto, escritores começaram a nos colocar na mesma caixa que Mötley Crüe. Não era sobre música, mas, sim, sobre a técnica usada para vender. Ser comparado ao Mötley Crüe... levo isto como um tipo de insulto, francamente", afirmou.

Comente: Você acha que tem a ver o som e estilo das duas bandas?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 11 de janeiro de 2017

Mötley CrüeMötley Crüe
Nikki Sixx anuncia aposentadoria

327 acessosMötley Crüe: como crianças de hoje reagem ao som da banda?1974 acessosMötley Crüe: John Corabi explica fiasco comercial do disco de 19940 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motley Crue"

Mötley CrüeMötley Crüe
"Ninguém consegue tocar como eu", diz Mick Mars

Motley CrueMotley Crue
"Buenos Aires foi o melhor show que eu já toquei!"

Collectors RoomCollectors Room
Uma impressionante coleção de ítens da banda Motley Crue

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Queensryche"0 acessosTodas as matérias sobre "Motley Crue"

HumorHumor
Os roqueiros mais chatos das redes sociais

MegadethMegadeth
Recadinho provocante da vocal do Huntress

ShamanShaman
Fernando Quesada desabafa sobre cena brasileira

5000 acessosHeavy Metal Fail: os Trues também saem mal na foto5000 acessosQuentin Tarantino: o Top 5 do rock n' roll na carreira dele5000 acessosLed Zeppelin: a inspiração por trás de "Kashmir"5000 acessosConjunto Alma Gaúcha: o Pink Floyd dos pampas!5000 acessosMegadeth: uma voz escondida em música de 2004 previa a entrada de Kiko na banda?5000 acessosJackie Brenston e seu Foguete 88

Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013 – apesar de ainda manter por lá uma coluna semanal, chamada Cabeçote.

Mais informações sobre Igor Miranda

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online