Chris Cornell: vocalista do Soul Asylum participa de tributo

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Dane Souza
Enviar correções  |  Ver Acessos

A tradicional Whisky a Go Go recebeu um evento significativo na noite de terça-feira (23/05) em Los Angeles, California. Considerado um dos primeiros clubes noturnos dos Estados Unidos, a casa promoveu a 'Ultimate Jam Night - Hollywood', uma noite em tributo a CHRIS CORNELL com diversos músicos que se revezaram nos instrumentos e nos vocais.

Metal norueguês: as dez melhores bandas segundo o About.comIron Maiden: A tour de Powerslave quase acabou com a banda

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Destaque para a participação de DAVE PIRNER, vocalista e guitarista da banda SOUL ASYLUM, ativa desde a década de 80. Ele foi chamado para cantar três músicas ao lado de fuguras como MATT STARR (MR BIG e ACE FREHLEY), DUG PINNICK (KING'S X), STEPHEN CHESNEY (WAKING JONAH), MITCH PERRY (RATT e LITA FORD), CHRISTOPHER ALLIS (BE-BOP), KOKO POWELL (DISHWALLA) e WALTER INO (SURVIVOR).

Outra performance que chamou a atenção foi a de COREY GLOVER, vocalista do LIVING COLOUR, que cantou "Blow Up The Outside World" e brincou que CORNELL teria sido a 'Ursula' do rock and roll, personagem que rouba as vozes daqueles que tentariam chegar perto de seu tom, já que o evento teria reunido vários vocalistas que foram quebrando suas cordas vocais, um depois do outro.

Prova do que falamos acima você pode conferir no vídeo abaixo, capturado originalmente por Becks Chillibeck. Nele, PIRNER canta três faixas: "Outshined" e "Black Hole Sun" (SOUNDGARDEN), além de "Like A Stone" (AUDIOSLAVE).

O líder da banda que já lançou 12 discos de estúdio, o último de forma independente através de financiamento coletivo, e já regravou clássicos de MARVIN GAYE, ALICE COOPER e JOY DIVISION teve que se redobrar logo na abertura. Quem assistiu ao tributo prestado pelo MEGADETH concorda que a escolha dessa música não é tarefa fácil. PIRNER também integrou a BACKBEAT BAND para gravar a trilha sonora de 'Os Cinco Rapazes de Liverpool (1994)', onde rasga a voz com competência em "Long Tall Sally", "20 Flight Rock" e "C'Mon Everybody", mas teve que passar pela prova de fogo que é tentar prestar uma homenagem fiel a CHRIS CORNELL.

Acompanhe a apresentação abaixo.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Chris Cornell"Todas as matérias sobre "Soul Asylum"Todas as matérias sobre "Soundgarden"Todas as matérias sobre "Audioslave"


Chris Cornell: Alguns fatos sobre o músico que nem todos conhecemChris Cornell
Alguns fatos sobre o músico que nem todos conhecem

Chris Cornell: produtor vê Superunknown de outra forma após suicídioChris Cornell
Produtor vê "Superunknown" de outra forma após suicídio


Metal norueguês: as dez melhores bandas segundo o About.comMetal norueguês
As dez melhores bandas segundo o About.com

Iron Maiden: A tour de Powerslave quase acabou com a bandaIron Maiden
A tour de Powerslave quase acabou com a banda


Sobre Dane Souza

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adGoo336