Gregg Allman: as 10 melhores músicas pela Ultimate Classic Rock

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Rodrigo Contrera, Fonte: Ultimate Classic Rock, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

A quase um mês de sua morte, Gregg Allman continua sendo lembrado por músicas que marcaram época e que constam do catálogo do Allman Brothers, em sua maioria. Mas ele também deixou músicas de destaque em sua carreira solo. O Ultimate Classic Rock listou 10 exemplos de faixas pelas quais o compositor, cantor e instrumentista será possivelmente lembrado no futuro.

96 acessosAlto Falante: tributo a Gregg Allman5000 acessosAs regras do Death Metal

Eis a lista:

10 - Floating Bridge
9 - Soushine
8 - Don't Mess Up a Good Thing
7 - Ain't Wastin' Time No More
6 - I'm no Angel
5 - Not My Cross to Bear
4 - Melissa
3 - Dreams
2 - Whipping Post
1 - Midnight Rider

Veja a matéria original, com link para as músicas, aqui:
http://ultimateclassicrock.com/gregg-allman-songs/

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Guns N RosesGuns N' Roses
Homenagem a Chris Cornell e Gregg Allman na Espanha

96 acessosAlto Falante: tributo a Gregg Allman1239 acessosGregg Allman: funeral será no sábado, será proibido usar terno609 acessosGregg Allman: canções maravilhosas que injetam alegria na alma0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Allman Brothers"

MulheresMulheres
10 músicas que ajudarão a conquistá-las

GuitarristasGuitarristas
As melhores duplas segundo a Ultimate Classic Rock

Pré-Clube dos 27Pré-Clube dos 27
10 astros do rock que morreram antes dos 27 anos

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Allman Brothers"

HumorHumor
Urros, raiva, dor, sangue! As regras do Death Metal!

VocalistasVocalistas
Belíssimos timbres de alguns cantores de rock

Elvis PresleyElvis Presley
De que ele morreu?

5000 acessosRolling Stone: as melhores músicas com mais de sete minutos5000 acessosMusas do Metal: as bandas que elas ouvem quando estão em casa5000 acessosOsama Bin Laden: O que havia na sua coleção de cassetes?5000 acessosBlack Sabbath: as 10 melhores músicas da carreira da banda5000 acessosNirvana: Um cover acústico e furioso de "Smells Like Teen Spirit"5000 acessosTop 5 Pantera: About.com elege os cinco melhores álbuns da banda

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Rodrigo Contrera

Rodrigo Contrera, 48 anos, separado, é jornalista, estudioso de política, Filosofia, rock e religião, sendo formado em Jornalismo, Filosofia e com pós (sem defesa de tese) em Ciência Política. Nasceu no Chile, viu o golpe de 1973, começou a gostar realmente de rock e de heavy metal com o Iron Maiden, e hoje tem um gosto bastante eclético e mutante. Gosta mais de ouvir do que de falar, mas escreve muito - para se comunicar. A maioria dos seus textos no Whiplash são convites disfarçados para ler as histórias de outros fãs, assim como para ter acesso a viagens internas nesse universo chamado rock. Gosta muito ainda do Iron Maiden, mas suas preferências são o rock instrumental, o Motörhead, e coisas velhas-novas. Tem autorização do filho do Lemmy para "tocar" uma peça com base em sua autobiografia, e está aos poucos levando o projeto adiante.

Mais matérias de Rodrigo Contrera no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online