Johnny Gioeli: "Levei 1, 2 segundos ou menos para dizer sim"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por André Luiz Paiz, Fonte: 80 Minutos
Enviar correções  |  Ver Acessos

Johnny Gioeli é uma das grandes vozes do Rock. O vocalista dos grupos Hardline e Axel Rudi Pell pede passagem agora com seu mais novo projeto: Gioeli-Castronovo, em uma reunião com o grande baterista Deen Castronovo (ex-Hardline, Journey, Revolution Saints, etc.).

Europe: toco de Lemmy, pito de Freddie, mijada com Axl RoseRaul Seixas: Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Johnny nos atendeu para dar mais detalhes sobre o novo projeto, mas não parou por aí. Conversamos sobre a sua carreira, suas demais bandas e sobre a música em geral.

Um bate-papo imperdível e exclusivo para o 80 Minutos.

Adquira a sua cópia de Gioeli-Castronovo aqui:
https://www.frontiers.shop/gioeli-castronovo

1. Olá Johnny, obrigado por falar com o 80 Minutos

Oláááááááá Brasil!

2. Você está com um novo projeto chamado Gioeli-Castronovo e um novo álbum saindo do forno. O que você pode nos contar sobre ele? Como este projeto surgiu?

Foi uma fantástica reunião com o meu irmão Deen. É interessante como aconteceu. Eu estava em uma entrevista em que um jornalista disse algo desagradável sobre o passado de Deen, e eu rapidamente lhe interrompi. Deen ouviu essa entrevista e me ligou para agradecer pelo apoio. Eu disse: "Deeno, eu conheço o seu coração e sei que todos nós temos altos e baixos em nossas vidas". Foi ótimo falar com ele novamente. Na semana seguinte, ele me ligou perguntando se eu estaria interessado em cantar com ele. Eu levei 1,2 segundos ou menos para dizer sim.

3. Eu vi os vídeos de "Through" e "Set The World On Fire" e ficou bem claro se tratar de um álbum cheio de energia e com melodias excelentes. Vocês conversaram previamente sobre o direcionamento do trabalho e qual caminho iriam percorrer?

Sim, nós conversamos. Nós queríamos ter certeza de que criaríamos músicas que contassem a nossa história. Nós também queríamos músicas que soassem como o AOR tradicional, com melodias marcantes e ótimo feeling. Funcionou! Yay para nós! (risos)

4. Johnny, além deste álbum, você lançou recentemente um projeto para um álbum solo de nome "One Voice", através da plataforma PledgeMusic. Como está indo e como os fãs brasileiros podem participar?

Sim irmão, o álbum será lançado em 7 de dezembro próximo e os fãs ainda podem participar deste projeto beneficente em www.pledgemusic.com/johnnygioeli.

É uma grande causa para um jovem que teve a sua vida mudada drasticamente após ficar paralisado devido a um acidente. Será lançado pela Frontiers Records e a imprensa já o definiu como "o álbum para se sentir bem do século 21". Estou realmente feliz quanto a isso e quanto ao trabalho que fiz criando um álbum divertido e positivo. Ótima mensagem, pensamento positivo e o desejo de escutá-lo o mais alto possível.

5. Você também está lançando um novo álbum com o Axel Rudi Pell chamado "Knights Call". O que encontraremos nele?

Ahhhhh, foi um álbum bem divertido de fazer, assim como todos os outros. Um belo mix de rock and roll bem old school. Magos e muitos dragões neste álbum (risos).

6. Com todos estes projetos em andamento, podemos dizer que você é algo como um workaholic? Você sempre está lançando algo novo e sempre de alto nível, o que merece elogios.

Eu sou! Sem dúvida. Eu tentei me aposentar quando estava com 39 anos e isso durou apenas 3 meses, até que fiquei muito entediado. Eu amo trabalhar. Amo ter um planejamento, principalmente na música. Até que ninguém mais queira me ouvir, eu decidi que continuarei até que as pessoas me peçam para parar (risos). Além disso, assim que eu não conseguir mais atingir as notas, seja por qualquer motivo, eu paro. Minha intenção é entregar quem eu sou e assim que isso não puder mais acontecer, acabou. Eu estou aqui pelo amor à música, mas especialmente por fazer os fãs felizes e orgulhosos pelo meu trabalho.

Gostou? Tem muito mais! Confira a entrevista completa no site do 80 Minutos clicando aqui:
https://80minutos.com.br/interview.php?interview=21

Aproveite para conhecer o site, dar nota aos seus álbuns favoritos e curtir/seguir a página no Facebook.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Gioeli-Castronovo"


Europe: toco de Lemmy, pito de Freddie, mijada com Axl RoseEurope
Toco de Lemmy, pito de Freddie, mijada com Axl Rose

Raul Seixas: Perguntas e respostas e curiosidades diversasRaul Seixas
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Guns N' Roses: melhores músicas segundo a Ultimate Classic RockGuns N' Roses
Melhores músicas segundo a Ultimate Classic Rock

Rock In Rio: por que ladrões agem menos no dia do Metal?Rock In Rio
Por que ladrões agem menos no dia do Metal?

Iron Maiden: Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo HorizonteIron Maiden
Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo Horizonte

Angra: A carta aberta de Edu Falaschi sobre a sua saídaAngra
A carta aberta de Edu Falaschi sobre a sua saída

Metallica: Lars Ulrich diz quem escolheria para substitui-lo na bandaMetallica
Lars Ulrich diz quem escolheria para substitui-lo na banda


Sobre André Luiz Paiz

André Luiz Paiz é formado em computação, funcionário público do estado de São Paulo e fanático por música. Criou o site colaborativo 80 Minutos para que os usuários se cadastrem e avaliem seus álbuns favoritos.

Mais matérias de André Luiz Paiz no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336