Judas Priest: K.K. Downing diz que Scott Travis e Richie Faulkner não são membros

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Mateus Ribeiro, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar Correções  

O guitarrista K.K. Downing, que tocou por décadas com o Judas Priest (além de ter sido membro fundador), recentemente concedeu uma entrevista ao site alemão Bleeding4metal. K.K. falou sobre seu livro "Heavy Duty: Days And Nights In Judas Priest", suas influências, e obviamente, sobre o Judas Priest.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre seu livro, K.K. diz que sente se surpreso pela boa repercussão, e que por outro lado, não se surpreende com o fato de sua banda não ter reagido ao lançamento.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Questionado sobre como Jimi Hendrix o influenciou, K.K. respondeu que as apresentações de Hendrix o ensinaram que é importante ser enérgico em cima de um palco.

É claro que mais cedo ou mais tarde, o assunto seria o Judas Priest, e K.K. afirmou que o pior momento que viveu com a banda foi a saída do vocalista Rob Halford. Sobre voltar a tocar com a banda um dia, o guitarrista não deu muitas esperanças aos fãs. Segundo K.K., quando ele saiu da banda, tinha mais energia que qualquer membro, e essa foi uma das razões pelas quais não tocou mais com o Judas, já que os outros membros pareciam ter desacelerado. Inclusive, diz que seu retorno seria benéfico até mesmo para seu substituto, Richie Faulkner. O guitarrista completa sua opinião de forma polêmica, dizendo q que Scott Travis (baterista), o já citado Richie Faulkner e Andy Sneap (guitarrista de turnê) não são membros oficiais da banda, apenas músicos assalariados, e que o Judas conta apenas dois membros oficiais da banda no palco. Por fim, diz que mesmo com sua colaboração de 40 anos, os remanescentes não o querem de volta, e isso mostra a força da marca que o Judas Priest representa.

Pelo visto, essa história está longe de acabar.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


O Surto: Fora Queen, só nós fizemos 250 mil cantarem no Rock in RioO Surto
"Fora Queen, só nós fizemos 250 mil cantarem no Rock in Rio"

Andre Matos: o que ele faria se fosse mulher por um dia?Andre Matos
O que ele faria se fosse mulher por um dia?


Sobre Mateus Ribeiro

Fanático por Ramones, In Flames e Soilwork. Limeirense com muito orgulho (e sotaque).

Mais matérias de Mateus Ribeiro no Whiplash.Net.

Goo336 Goo336 CliHo