Roger Waters: em discurso, ele diz que Donald Trump é um assassino em massa

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Rolling Stone
Enviar Correções  

O vocalista e baixista Roger Waters, ex-Pink Floyd, realizou um discurso durante uma exibição privada, só para jornalistas, do filme-concerto "Us + Them". A produção estreou nos cinemas no fim do ano passado e trouxe registros da turnê que Waters realizou nos últimos tempos.

David Gilmour: músico do Pink Floyd lançará primeira canção inédita em 5 anosBlack Metal: o lado mais negro da cena brasileira

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Conforme transcrito pela "Rolling Stone", Roger Waters centrou sua fala em críticas contra o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. O político é retratado em alguns momentos do show, especialmente durante a performance da música "Pigs (Three Different Ones)".

"Estamos vivendo no inferno. Os Estados Unidos não são o paraíso dos tolos, são o inferno dos tolos", afirmou Waters, que, apesar de britânico, mora nos Estados Unidos há décadas.

O músico destacou que o filme-concerto o lembra da "grande batalha entre a propaganda e o amor - e a propaganda está ganhando. "Os botões da máquina da propaganda estão sendo pressionados em pessoas que estão doentes. São doentes, sociopatas filhos da p*ta, cada um deles", disse.

Em seguida, Roger Waters definiu Donald Trump como "um homem que falhou em tudo em sua vida a não ser em se tornar o maior tirano, assassino em massa e destruidor em massa de tudo que nós amamos no mundo todo, apenas por ter poder". "Infelizmente, ele tem o dedo no botão e ele está certo", disse o músico, em referência à fala de Trump sobre estar com "um dedo no botão nuclear maior que o da Coreia do Norte" para iniciar uma guerra.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O ex-Pink Floyd já anunciou que fará uma nova turnê, ainda mais política, chamada "This Is Not A Drill". A tour passará pelos Estados Unidos durante o período eleitoral de 2020, que escolherá o próximo presidente para os 4 anos seguintes. Ele revelou que pensou em não tocar a música "Wish You Were Here" no novo show, dado o contexto, mas desistiu porque realmente gosta da canção.

Waters refletiu sobre o trecho de "Wish You Were Here" em que canta "Did you exchange a walk on part in the war for a lead role in a cage?" ("Você trocou um papel de figurante na guerra por um papel principal numa cela?"). "Sim, nós trocamos um papel de figurante na guerra por um papel principal numa cela. Vivemos em uma p*rra de cela. Não será o oposto disso enquanto não falarmos: 'isso é bobagem'. Obviamente, conseguiram nos convencer de que não é uma boa ideia ir contra isso", declarou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Roger Waters e This Is Not A Drill

No fim de janeiro, Roger Waters confirmou a turnê "This Is Not A Drill". A expressão que dá nome à tour teria uma tradução próxima a "Isso não é um teste", sendo usada quando alguém quer mostrar que há perigo em uma área específica - algo como um alerta sobre um incêndio.

As 31 datas confirmadas contemplam parte do segundo semestre do ano, entre os meses de julho e outubro. Até o momento, os shows divulgados acontecem apenas nos Estados Unidos.

Em entrevista à "Rolling Stone", Roger Waters disse que a nova turnê terá abrangência política ainda mais forte do que a sua anterior, "Us + Them". O giro anterior passou pelo Brasil e gerou polêmica - logo no primeiro show, em São Paulo, o músico expôs a hashtag "#EleNão" em seu telão e incluiu o nome do então presidente Jair Bolsonaro em uma lista de políticos "neofascistas". Parte da plateia vaiou Waters, que substituiu o nome de Bolsonaro por "ponto de vista censurado" nas datas seguintes.

"A nova turnê será ainda mais política do que 'Us + Them' - mais política e mais humana", afirmou ele. Em um vídeo, o músico completou: "A medida que o relógio corre mais rápido até a extinção, parecia uma boa ideia fazer barulho a respeito. Por isso, vou para a estrada. Sendo franco, precisamos mudar a forma como nos organizamos como humanidade - ou morreremos".

Roger Waters destacou, ainda, que posicionou as datas da turnê pelos Estados Unidos de forma estratégica, pois acontecerá durante a corrida eleitoral dos candidatos à presidência para 2020. "Esta turnê fará parte de um movimento global de pessoas que estão preocupadas com os outros para atingir a mudança necessária. É por isso que estamos indo na estrada. É por isso que conversamos em pubs. É por isso que essa conversa deve estar na boca de todo mundo, constantemente, o tempo todo, porque é super importante. Espero que todos vocês venham aos shows. Isso não é um teste", afirmou.

Veja, abaixo, as datas confirmadas da nova turnê:

Julho

Dia 08 - Pittsburgh, PA @ PPG Paints Arena
Dia 10 - Philadelphia, PA @ Wells Fargo Center
Dia 14 - Detroit, MI @ Little Caesars Arena
Dia 17 - Toronto, ON @ Scotiabank Arena
Dia 21 - Quebec City, QC @ Videotron Centre
Dia 23 - Montreal, QC @ Bell Centre
Dia 25 - Albany, NY @ Times Union Center
Dia 28 - Boston, MA @ TD Garden
Dia 30 - Washington, DC @ Capitol One Arena

Agosto

Dia 01 - Cincinnati, OH @ Heritage Bank Center
Dia 05 - New York, NY @ Madison Square Garden
Dia 06 - New York, NY @ Madison Square Garden
Dia 11 - Raleigh, NC @ PNC Arena
Dia 13 - Orlando, FL @ Amway Center
Dia 15 - Miami, FL @ AmericanAirlines Arena
Dia 18 - Nashville, TN @ Bridgestone Arena
Dia 20 - Atlanta, GA @ State Farm Arena
Dia 22 - Milwaukee, WI @ Fiserv Forum
Dia 25 - Minneapolis, MN @ Target Center
Dia 27 - Chicago, IL @ United Center
Dia 29 - Kansas City, MO @ Sprint Center

Setembro

Dia 02 - Denver, CO @ Pepsi Center
Dia 04 - Las Vegas, NV @ T-Mobile Arena
Dia 10 - Los Angeles, CA @ STAPLES Center
Dia 11 - Los Angeles, CA @ STAPLES Center
Dia 14 - Vancouver, BC @ Rogers Arena
Dia 16 - Edmonton, AB @ Rogers Place
Dia 19 - Tacoma, WA @ Tacoma Dome
Dia 21 - Portland, OR @ Moda Center
Dia 23 - Sacramento, CA @ Golden 1 Center
Dia 25 - San Francisco, CA @ Chase Center
Dia 30 - Salt Lake City, UT @ Vivint Smart Home Arena

Outubro

Dia 03 - Dallas, TX @ American Airlines Center




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


David Gilmour: músico do Pink Floyd lançará primeira canção inédita em 5 anosDavid Gilmour
Músico do Pink Floyd lançará primeira canção inédita em 5 anos

David Gilmour: quando ele, por engano, foi barrado de um show de Steven WilsonDavid Gilmour
Quando ele, por engano, foi barrado de um show de Steven Wilson

Caetano Veloso: o que ele aprendeu vendo shows de Led Zeppelin, Hendrix e maisCaetano Veloso
O que ele aprendeu vendo shows de Led Zeppelin, Hendrix e mais

Protesto: indústria musical dos EUA fará dia em silêncio em homenagem a George FloydProtesto
Indústria musical dos EUA fará dia em silêncio em homenagem a George Floyd

Grana: os astros do rock mais ricos do Reino Unido, segundo jornalGrana
Os astros do rock mais ricos do Reino Unido, segundo jornal

Pink Floyd: Roger Waters detona David Gilmour por não deixá-lo usar redes da bandaPink Floyd
Roger Waters detona David Gilmour por não deixá-lo usar redes da banda

Pink Floyd: David Gilmour toca músicas solo de Syd Barrett em live familiarPink Floyd
David Gilmour toca músicas solo de Syd Barrett em live familiar

David Gilmour: show completo em Pompéia será exibido de graça nesta sextaDavid Gilmour
Show completo em Pompéia será exibido de graça nesta sexta

Roger Waters: assista à participação do músico na live do Dia dos TrabalhadoresRoger Waters
Assista à participação do músico na live do Dia dos Trabalhadores

Capas de discos: fãs estão recriando artes de álbuns clássicos durante isolamentoCapas de discos
Fãs estão recriando artes de álbuns clássicos durante isolamento


Rock Progressivo: Os 15 maiores guitarristas do gêneroRock Progressivo
Os 15 maiores guitarristas do gênero

Ninguém é perfeito: os filhos bastardos de pais famososNinguém é perfeito
Os filhos "bastardos" de pais famosos


Black Metal: o lado mais negro da cena brasileiraBlack Metal
O lado mais negro da cena brasileira

Astros mortos: como estariam alguns se ainda estivessem vivos?Astros mortos
Como estariam alguns se ainda estivessem vivos?


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280