Attomica: Guitarrista Marcelo Souza fala de saída da banda e novos projetos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rodrigo Rebechi, Press-Release
Enviar Correções  

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.

O guitarrista Marcelo Souza anunciou saída da banda de thrash metal Attomica, em meio a desentendimentos com vocalista da banda (André Rod) e a imersão em novos projetos. A Sinfonica Records conversou com o guitarrista, que detalhou sua saída e fala de seu novo álbum instrumental, pela própria Sinfonica.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sin – Como se deu essa saída da banda, de forma repentina?

MS - Desde que aceitei o convite para ingressar na banda em 2014, tínhamos um clima familiar e muito agradável que, aliás, faço questão ter em qualquer trabalho que faça parte e julgo essenciais. No início, todos que nos acompanham sabem que a banda tinha se rompido em meio a algumas brigas de ex-integrantes e confusões, mas enfrentamos aquele momento difícil com muita garra, união e determinação, construindo um time de primeira em todos os sentidos. Fizemos grandes shows, pelo Brasil e exterior, passando algumas dificuldades, mas também tendo momentos incríveis. Inclusive, sou muito grato por isso e faço questão de deixar claro sempre, que pra mim o mais importante é o ambiente de amizade, cordialidade e sinceridade. Há alguns meses, após a volta da turnê sul-americana, a administração mudou, nossos objetivos, filosofias de trabalho e foco começaram a ser diferentes, até por que temos fora da banda trabalhos importantes como professores de música, e outras bandas, agendas que respeitamos e tratamos com muita responsabilidade. Então, tivemos algumas reuniões, longas conversas e alguns pequenos desentendimentos que nos levaram (Argos Danckas e eu) a decidir sair antes de termos efetivamente maiores complicações em respeito a história do Attomica, ao André Rod (vocalista/baixista e fundador) e de sua forma de querer conduzir a banda e do nosso próprio bem-estar, seguindo a conduta que citei anteriormente e nossos caminhos como adultos e responsáveis pelos nossos próprios atos. A amizade e respeito continuam e desejo sorte e sucesso a todos daqui pra frente.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sin – Essa saída te amplia a perspectivas de novos projetos. Um deles é seu novo álbum instrumental pela Sinfonica. Fale mais sobre este projeto.

MS - Sim, na verdade estou trabalhando já há algum tempo no meu novo álbum solo que sairá pela Sinfonica em formato físico e em todas as plataformas digitais e pretendo lançar no primeiro trimestre de 2021. Já tenho o conceito, ideias para a capa, as faixas já estão definidas e tudo está em fase adiantada de pré-produção. Infelizmente, por conta desta pandemia, precisamos adiar os ensaios e gravações, mas retomaremos em breve.

publicidade

Depois de nove anos do lançamento do "Circle of Fire" (meu primeiro álbum/independente), este novo trabalho também será no formato power trio, desta vez com Lucas Barbosa no baixo e Argos Danckas na bateria e teclados, grandes amigos e músicos excepcionais. Breve divulgaremos o título e capa. O que posso adiantar é que seguirá uma linha hard rock/progressivo, mas com elementos de música erudita e umas pitadas de fusion, estilos que me influenciaram direta ou indiretamente. E claro, com a liberdade de interpretação dos meus parceiros. Deveremos ter algumas participações especiais também.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sin – Esse projeto solo te fará desistir de nova banda? O que os fãs podem esperar?

Antes, gostaria de agradecer a vocês, da Sinfonica, principalmente o Angelo Valle, pela amizade e parceria e todos os amigos e fãs (no Brasil e fora também) que vem me apoiando ao longo desses anos, em todos os trabalhos que faço a energia positiva de todos vocês tem sido um importante combustível e motivação, o mínimo que posso fazer é produzir um novo álbum com máxima qualidade com meus parceiros, por isso não medirei esforços para entregar esse trabalho o mais cedo possível e nos apresentarmos como trio em shows e eventos como Workshops e Feiras no futuro. Sobre estar em outra banda, ainda é incerto e cedo pra dizer, o foco agora é este novo trabalho com Argos e Lucas, entre outros projetos paralelos mais pontuais, além de lançar um curso online de guitarra e produzir o material de divulgação atrelado às marcas parceiras que já tenho feito.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

FONTE: Sinfonica Records
https://sinfonica.com.br/guitarrista-marcelo-souza-fala-de-novos-projetos-com-a-sinfonica-e-saida-da-attomica/




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Attomica: apresentados oficialmente os novos integrantes

Attomica: músicos Marcelo Souza e Argos Danckas não fazem mais parte da banda


Metal Brasileiro: 10 bandas recomendáveis fora o SepulturaMetal Brasileiro
10 bandas recomendáveis fora o Sepultura


Ozzy Osbourne: dando chega mais em Mônica Apor na coletivaOzzy Osbourne
Dando "chega mais" em Mônica Apor na coletiva

Mike Terrana: Malmsteen foi uma das piores pessoas que conheci!Mike Terrana
"Malmsteen foi uma das piores pessoas que conheci!"


Sobre Rodrigo Rebechi

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

CliIL Cli336 WhiFin Cli336 Cli336