Mike Portnoy: Kiss foi o Beatles da sua geração, as bandas eram muito parecidas

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruce William
Enviar Correções  

Mike Portnoy vem mostrando sua coleção de discos de vinil em uma série de vídeos, e no último ele dedicou um bocado de tempo para o Kiss, uma de suas bandas preferidas. Leia a seguir o trecho em que ele fala da banda, em transcrição feita pelo Ultimate-Guitar.com.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Sim, até hoje eu ainda sou louco e fanático pelo Kiss, me traz de volta a minha infância. Isto foi minha infância. Cresci com estes álbuns, tenhos os originais em minha coleção e comprei novamente todos os discos do início dos anos setenta. E ainda por cima tenho todos em fita de rolo, eles foram os grandes heróis de minha infância, entre 1975, 1976, 1977 e 1978, eu fui o maior fã do Kiss que você pode conhecer.

Comecei com os Beatles no final dos anos 60, início dos 70; era fanático por eles, mas quando estava com 9 ou 10 anos o Kiss se tornou o novo Beatles pra mim, e há muitas semelhanças entre eles, acredite ou não. Sempre vi Paul Stanley como se fosse Paul McCartney, assim como Gene Simmons como se fosse John Lennon, Ace Frehley como George Harrison e Peter Criss como Ringo Starr, então pra mim há muitas coisas parecidas entre o Kiss e os Beatles quando eles surgiram.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Assim como os Beatles, você tinha quatro personalidades bem distintas, como se fossem quatro superheróis na mesma banda, então era um conceito similar, e para um garoto de 10 anos nos anos setenta isto era mágico. O primeiro álbum do Kiss, lendário, trazia muitas grandes canções. 'Strutter', 'Deuce'... a produção não era das melhores, e eu acho que foi ainda pior no 'Hotter Than Hell' (disco seguinte). A mixagem é de fato muito difícil de ouvir, apesar de muitas grandes músicas. Adoro 'All The Way', ainda pretendo fazer cover um dia destes.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Então chegou a vez deste grandioso 'Alive!' (o primeiro ao vivo de 1975), e eu tenho minha velha cópia pendurada na parede, com assinaturas dos quatro integrantes originais que peguei ao longo dos anos, mas este aqui é o relançamento que veio com todos os encartes e extras do original. Um dos grandes discos ao vivo de todos os tempos, e que provavelmente sequer foi gravado ao vivo, mas não importa pois ele captura tudo que era grandioso na banda e com as melhores músicas dos três primeiros álbuns.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

'Destroyer' (1976) provavelmente foi a obra prima da banda nesta época, embora não seja meu favorito. Produzido por Bob Ezrin, que depois foi fazer o 'The Wall' do Pink Floyd. 'Love Gun' (1977), foi na turnê deste álbum que assisti a banda ao vivo pela primeira vez. Fui vê-los em dezembro de 1977, então eles ainda estavam na turnê do 'Love Gun', mas eu acho que o 'Alive II' já havia saído, e foi a primeira vez que os vi - Madison Square Garden, 14 de dezembro de 1977. Lembro que eles abriram o show com 'I Stole Your Love', e era fantástico estar ali no mesmo lugar que eles mesmo antes do show começar, só de ver o logotipo do Kiss no palco na época, já em tom metálico mas ainda sem as luzes, e sentir o cheiro do ambiente, aquilo tudo era mágico, incrível. E foi pra mim um daqueles momentos tipo os Beatles no Ed Sullivan, eu gravei, registrei em fita K7 e tenho até hoje uma cópia pirata em algum lugar.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

E então tem este que é um dos trabalhos mais odiados do catálogo da banda, o 'Music from 'The Elder'' (1981), odiado especialmente por Gene e Paul. Eu adoro este álbum, acho-o incrivelmente subestimado. Eles estavam com um visual brega na época, vocês sabem, a gente cresce - quando me apaixonei por este Kiss, quando ele surgiu, eu estava me interessando por outras coisas, ouvindo Motorhead e AC/DC, então meu gosto estava mudando, e todos aqueles garotos também estavam crescendo e passando a procurar coisas diferentes. Mas ouvindo hoje, acho que é um grande álbum, adoro as músicas dele, adoro 'Odyssey', outra que quero fazer uma releitura, e acho que há grandes músicas ali. 'World Without Heroes' é linda, 'Only You' uma grande música, então ainda sou um grande fã do 'Elder'".

publicidade

FONTE: Ultimate-Guitar.com
https://www.ultimate-guitar.com/news/general_music_news/mike...

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Heavy Metal: os 10 melhores solos de guitarra de todos os temposHeavy Metal
Os 10 melhores solos de guitarra de todos os tempos

Black Sabbath: Tony Iommi explica como tocar ParanoidBlack Sabbath
Tony Iommi explica como tocar "Paranoid"


Sobre Bruce William

Bruce William pensava em ser um motoqueiro rebelde mas descobriu que é um Wieder Blutbad nerd apaixonado por uma Fuchsbau. Avy jorrāelan, CatW!

Mais matérias de Bruce William no Whiplash.Net.

WhiFin CliHo Cli336 Cli336 Cli336 Cli336 WhiFin Cli336