Matérias Mais Lidas


Max Cavalera e o vergonhoso incidente que o fez deixar de usar drogas e beber

Por Bruce William
Postado em 19 de junho de 2022

Max Cavalera esteve recentemente no podcast "Hardcore Humanism With Dr. Mike", onde contou, em detalhes, como acontecia sua guinada para fora do mundo das drogas e do álcool. A transcrição foi feita pelo Blabbermouth.

Sepultura - Mais Novidades

Foto: Divulgação - Napalm Records
Foto: Divulgação - Napalm Records
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Meu caminho para o straight edge é meio bizarro, porque eu fui completamente louco", começa Max. "Tenho algumas histórias do Brasil. Eu me lembro de uma vez em que tocamos em Manaus - isso é, na Floresta Tropical na Amazônia - e eu usei a melhor cocaína que você poderia conseguir. Depois do show, apareceu um cara com o mais puro pó branco boliviano. Eu fiquei acordado a noite toda. Acabei indo para o telhado do prédio onde cantei e toquei inteiro o 'Beneath The Remains', acabando por ver o sol nascer enquanto estava totalmente chapado de cocaína. Foi uma experiência incrível, cara. Talvez a cocaína fosse apenas boa, não sei. Mas foi uma experiência incrível. E eu tive muitas interações assim ao longo da minha vida".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Foto: Divulgação - Napalm Records
Foto: Divulgação - Napalm Records

Prossegue o músico: "Meu irmão era straight edge, mas nunca tentou me forçar a seguir este caminho, o que é meio triste, de certa forma, pois (ele disse no passado) 'Eu não podia beber porque eu tinha que cuidar de você. Se nós dois bebêssemos, nós dois iríamos morrer. Foda-se, vamos morrer juntos, então eu tive que ser um pouco mais responsável e não beber para poder cuidar um pouco dele'. Daí quando ele se casou, ele passou a bola pra minha esposa: 'Você lida com ele, agora esse é um compromisso seu'. E foi uma luta durante muitos anos, pois eu era uma pessoa difícil de lidar em relação a esta merda. Há histórias épicas, toda aquela merda (que dizem) realmente aconteceu, festejar com os caras do Ministry e vomitar em Eddie Vedder, tudo aquilo aconteceu. É foda e é insano, mas aconteceu".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Aos poucos, fui envelhecendo", conta Max. "E odiava ficar de ressaca. Se tivessem inventado um remédio pra ressaca, provavelmente nunca deixaria de beber, pois gosto da sensação. Mas como eu odiava, era muito difícil lidar com aquilo. Daí passei a tomar remédios durante o dia, eles curavam a ressaca e você ficava de boa novamente".

Quando Max Cavalera atingiu o fundo do poço dos vícios em drogas e álcool

Então Max relata um incidente "particularmente louco" que aconteceu e que fez com que ele decidisse mudar de vida: "Estávamos em uma turnê pela Europa e eu queria muito beber e não tinha nada no ônibus. Fui pro banheiro e comecei a beber sabonete líquido pras mãos. Me pegaram bebendo aquilo. Minha mulher abriu a porta do banheiro e me pegou com o frasco na mão. 'Que porra é essa?', ela perguntou. 'Estou bebendo sabonete líquido. Preciso de ajuda'. Foi um momento absurdamente insano".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"A partir dali, aos poucos, fui passando pelas diferentes fases de deixar de beber, primeiro deixando de usar drogas. Um dos procedimentos foi aquela coisa clichê de ir pra um lugar próprio, longe de tudo", conta Max. "Mas todos são diferentes. Alguns conseguem sair por conta própria, tem essa força de vontade. Eu não conseguia. Então fui pra um lugar, onde fiquei entre seis e oito meses, um lugar na Flórida. E foi uma experiência miserável, aprender do zero. Eles ficam de olho em você 24 horas por dia, senti muita falta da minha família. Mas justamente por causa daquilo eu percebi o que eu realmente mais amava. Gostava de ficar doidão e beber e me drogar, porém amava mais a música e a minha família. Quando saí eu havia mudado minhas prioridades. E voltei ao primeiro amor de minha vida - Metal, música. Simples assim".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - WHIP
Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

O vocalista conta ainda que recebeu o ultimato de um médico: "Ele falou pra minha esposa que se eu continuasse do jeito que estava, morreria em alguns anos, sem sombra de dúvida. Essas coisas abrem os nossos olhos, são um choque de realidade que a gente recebe. Comecei a colocar as coisas em perspectiva e eu, tipo, trabalhei duro a vida inteira, consegui sair do Brasil. As chances eram de uma em um bilhão. E eu estava jogando fora tudo aquilo que conquiste por causa de drogas e álcool? Não, cara, não quero isso não. Mas é difícil resistir".

Por fim, Max conclui: "Provavelmente sou um viciado por natureza, então está tudo apenas adormecido. Não estou totalmente curado, o vício continua ali e sempre continuará".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps




publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Bruce William

Quando Socram chegou no Whiplash.net era tudo mato, JPA lhe entregou uma foice e disse "go ahead!". Usou vários nomes, chegou a hora do "verdadeiro". Nunca teve pretensão de se dizer jornalista, no máximo historiador do rock, já que é formado na área. Continua apaixonado por uma Fuchsbau, que fica mais linda a cada dia que passa ♥. Na foto com a Melody, que já virou estrelinha...
Mais matérias de Bruce William.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS