Matérias Mais Lidas

imagemSlash falhou em seguir o conselho de Keith Richards, que mesmo assim foi lá e o apoiou

imagemA visionária melhor música do Genesis na opinião de Steve Hackett

imagemJulian Lennon relembra quando Paul McCartney escreveu "Hey Jude" para ele

imagemRandy Rhoads gostava de tocar as músicas do Black Sabbath?

imagemTony Iommi: surpreendendo ao eleger seu "Deus do Rock"

imagemA opinião de Rita Lee sobre a fenomenal Cássia Eller

imagemO dia que Ivete Sangalo arrasou cantando Slayer com João Gordo na TV aberta

imagemAmilcar Christófaro diz que chegou a sondar Vitor Rodrigues para retornar ao Torture Squad

imagemNoel Gallagher revela seu único arrependimento em sair do Oasis

imagemCinco discos de heavy metal para ouvir sem pular nenhuma faixa

imagemA hilária crítica de Roberto Frejat contra fala cheia de "pretensão" do Bon Jovi

imagem"Raimundos nunca quis ser manual de conduta para ninguém", diz Digão

imagemOs curiosos dois significados da expressão "Eu quero ver o oco", segundo Digão

imagemTuomas Holopainen achou que o Nightwish fosse acabar após saída de Marko Hietala

imagemDicionário do Metal: cinco bandas com a letra A


Samael Hypocrisy
Lift Detox

A música do Black Sabbath em que Ozzy se despede de seu pai

Por André Garcia
Postado em 26 de outubro de 2022

Já em seu álbum de estreia, de 1970, o Black Sabbath mudou o mundo da música com seu som pesado e arrastado, marco zero do heavy metal. Ao longo da primeira metade da década, foi uma obra-prima atrás da outra, mas em 78 a coisa já tinha mudado: a relação entre os integrantes já havia se desgastado, o abuso químico já havia saído do controle, e fazer parte da banda já não tinha mais graça.

Foto: Divulgação - Warner Bros. Records
Foto: Divulgação - Warner Bros. Records

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Never Say Die!" (1978) foi um álbum particularmente difícil para a banda, marcado por uma breve saída de Ozzy no início da produção. Em seu lugar entrou o ex-Fleetwood Mac Dave Walker. Ao retornar, o vocalista original se recusou a cantar as músicas feitas com o substituto, o que resultou em trabalho confuso e disperso que não agradou aos fãs, à crítica, e nem mesmo à banda.

Conforme publicado pela Rock and Roll Garage, em entrevista dada na época do lançamento do álbum, Ozzy falou sobre como a perda de seu pai e o excesso de trabalho influenciaram sua decisão de sair:

"O maior motivo da minha saída foi que meu pai morreu", contou ele ao Record Mirror. "Ele tinha 64 anos e estava com câncer. Tem uma música no disco novo, 'Junior's Eyes', que é uma canção de despedida a meu pai — sobre meu luto. Éramos próximos como irmãos. Ele morreu no sexto aniversário da minha filha, no mesmo hospital onde ela nasceu. Só agora eu consigo falar sobre isso com alguém. Eu fiz vergonha no funeral, foi horrível. Eu pensei que ele só estava doente, nem imaginava que estivesse morrendo. Não consegui lidar com aquilo. Estávamos planejando ir para o Canadá."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Tinha outro motivo também: eu precisava de um tempo. Isso é como um emprego 24 horas por dia. Eu não conseguia dormir, Estava bebendo, tomando remédio pra caramba… Então eu estava para acabar como mais um suicida do rock n roll. Era estimulantes, calmantes… dando voltas e mais voltas. Eu tive dois colapsos nervosos nos últimos 10 anos."

Jack Osbourne, o pai de Ozzy, já tinha feito parte da história do Black Sabbath antes. Geezer Butler, para a Metal Hammer em 2012, contou que, no começo dos anos 70, uma misteriosa bruxa alertou a banda que ela havia sido amaldiçoada por uma seita satânica. Preocupado, Jack, que trabalhava em uma metalúrgica, fez para proteger o filho e seus colegas os crucifixos que eles usaram por toda a década.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Siga Whiplash.Net: Facebook | Instagram | Twitter | YouTube

Receba as novidades do Whiplash.Net por WhatsApp


Stamp
Summer Breeze


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Randy Rhoads gostava de tocar as músicas do Black Sabbath?

Tony Iommi alerta para guitarras com autógrafos falsamente atribuídos a ele

Rob Halford relembra momento Spinal Tap em show com o Black Sabbath

Lars Ulrich poderia tocar músicas do Rush com Geddy Lee e Alex Lifeson?

Tony Iommi diz que Ronnie James Dio deu um sopro de vida ao Black Sabbath

Tony Iommi não queria mandar Ozzy Osbourne embora, mas demissão foi inevitável

Ozzy Osbourne em cenas inéditas no vídeo de "War Pigs" do "Survivor Series WarGames"

Ozzy Osbourne explica porque o Black Sabbath não pode mais voltar

Ian Gillan diz que ficou desapontado com "Born Again" e jogou álbum pela janela do carro

Tony Martin diz que discos do Black Sabbath gravados por ele serão relançados em 2023

Nem Vanusa, nem John Entwistle: a possível verdadeira origem de "Sabbath Bloody Sabbath"

O curioso álbum de covers do Black Sabbath elogiado por Tony Iommi

Geezer Butler: "Minha impressão inicial de Ozzy foi que ele não batia bem da caixola"

Tony Iommi sobre ele e Ozzy: "Quase não nos falamos porque somos inúteis no celular"

Black Sabbath lança versão deluxe de "Mob Rules", com faixas bônus

Black Sabbath: 7 momentos curiosos que nem todos sabem

Black Sabbath: "nós nunca fomos satanistas", diz Iommi

Lista: 50 bandas de heavy metal com "nomes compostos" - Parte 1

Bateristas: os dez músicos mais loucos de todos os tempos

Iron Maiden: "pequena falha" em outdoor na Russia em 2011


Sobre André Garcia

Sou redator e tradutor freelancer e escritor, autor do livro de contos Liber IMP. Ouço rock desde pequeno, leio coisas sobre bandas desde sempre e escrevo sobre ela já tem anos. Cresci como fã de Iron Maiden e paladino do rock, mas já me tratei. Hoje sou fã de nomes como Beatles, David Bowie, The Cure, Kraftwerk e Velvet Underground, e de cenas como a Londres psicodélica, a Nova Iorque proto-punk e a Manchester pós-punk. Escrevo notas e notícias rápidas para o Whiplash.Net visando compartilhar conteúdo relevante sobre música e cultura pop.

Mais matérias de André Garcia.