Viper: Pit Passarell fala sobre o encerramento da turnê

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Julia Sabbaga, Fonte: Wikimetal
Enviar correções  |  Comentários  | 


5000 acessosMetal nacional: quinze álbuns clássicos de bandas brasileiras5000 acessosHistória do rock: Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatos

Com o anúncio do show de despedida da consagrada To Live Again Tour 2012, o Wikimetal decidiu presentear os fãs do Viper com uma série de entrevistas com os 5 integrantes da banda onde todos vão responder as mesmas perguntas sobre passado, presente e o futuro do Viper. O Wikimetal sente profundo orgulho em ter feito parte dessa reunião, foi emocionante para nós e gratificante receber os elogios que recebemos. Esperamos que os fãs de SP e região lotem mais uma vez o Via Marquês no dia 2 de dezembro para mostrar que um trabalho bem feito e de qualidade sempre vai ser apoiado pelo público. Quem responde nossas perguntas agora é Pit Passarell!

WM: Como todos nós sabemos, esse realmente será o último show da To Live Again Tour. Mas o que os fãs realmente querem saber é, será o último show do Viper?

PP: Não, com certeza! Uma turnê acaba, outra começa! O Viper tem uma história muito grande com um repertório em que se formaram uma geração de rockeiros. Novos projetos virão, quem sabe um Evolution Coma Rage?! Who knows?!!

WM: Qual foi, pra você, o ponto alto dessa série de 25 shows?

PP: O contato com os fãs antigos, novos e os que estão por vir e nascer. A força da nossa equipe por me aguentar nos bons e maus momentos e a amizade da banda que é fantástica. Mais ainda, além de um grande guitarrista ganhei um novo irmão: Hugo Mariutti.

WM: O que você diria para os fãs que viajaram KMs para ver o show da banda e para aqueles que viajaram KMs para ver vários shows?

PP: Viajem mais, viajaremos mais e sempre estaremos juntos! Eu sempre viajarei para estar junto de vocês e espero que vocês viajem sempre para estar junto da gente. Juntos para sempre!

WM: Qual foi a maior lição e aprendizado que você leva dessa tour?

PP: Cuidado com as más companhias, mas perguntem o telefone delas!! Falando sério, o aprendizado: Tocar é bom demais, e saber que você é querido e respeitado por suas músicas é bom demais!

WM: O que você acha que teria acontecido com o Viper se o Andre não tivesse saído depois daquele show no Dama Xoc em SP há tantos anos atrás?

PP: Sei lá eu, meu! Só sei que o futuro a Deus pertence. Nossos caminhos se cruzam sempre porque somos grandes amigos.

WM: Um dos maiores sucessos do Viper, o excelente disco Evolution, foi lançado há exatamente 20 anos. Os fãs podem esperar algum tipo de celebração para comemorar esse grande marco e esse grande disco?

PP: É o que eu disse antes: The Evolution Tour! Eu tô dentro!!

WM: Em 2013 já foi anunciado o lançamento do DVD e do CD duplo Live in São Paulo. Como estão os preparativos para esse grande lançamento? O Viper prepara algo especial para essa ocasião?

PP: Estamos ansiosos, espero que seja um grande evento e que vocês estejam lá! É ver para crer!

WM: Vocês vão realizar algum tipo de gravação no show The Farewell Concert em SP no dia 2 de dezembro para o DVD Live in São Paulo?

PP: Lógico que sim. Queremos registrar esse momento!

WM: A To Live Again Tour foi uma tournée diferente, marcada pela emoção. Ficava claro para os fãs que viram o show, como a banda estava se divertindo no palco e como vocês continuam amigos depois de tantos anos. Qual o ou os pontos do show que mais te emocionavam?

PP: A emoção foi muito grande. Para mim pessoalmente foi uma montanha russa de emoções. Primeiros ensaios, rever os amigos, conhecer uma nova equipe, brigas, bebedeiras, viagens, quartos de hotéis tão diferentes… O mais importante foi ver como as pessoas sentiram que uma banda é feita de uma equipe que briga, que ajuda, que cobra. Só sei que dei o meu sangue e quem me viu no palco, sabe o quanto eu gosto dessa banda! Para os fãs que estiveram nos shows, agradeço a todos e saibam que ainda resta muito sangue!

WM: A To Live Again Tour vai deixar saudades?

PP: Saudades não, boas lembranças! Let´s get it on!

WM: Deixe um recado para os fãs do Viper que pedem insistantemente para que a banda não termine depois dessa tour.

PP: Bem, enquanto eu estiver vivo, existe Viper. Contem comigo porque farei the best I can for you! Thank you very fucking much!

O show de encerramento da turnê do VIPER acontece dia 02.12 no Via Marquês. Ingressos à venda na https://ticketbrasil.com.br/show/viper-sp/

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 20 de novembro de 2012

Metal nacionalMetal nacional
Quinze álbuns clássicos de bandas brasileiras

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Viper"

Andre MatosAndre Matos
Vídeo de 2000 explicando saída do Angra

ViperViper
"O álbum 'Tem pra Todo Mundo' foi um tiro no escuro"

Metal nacionalMetal nacional
Quinze álbuns clássicos de bandas brasileiras

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Viper"

CuriosidadesCuriosidades
Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatos

RefrãosRefrãos
Alguns dos mais marcantes do Rock/Metal

MetallicaMetallica
Músicos regravam o St. Anger "da forma correta" - ouça

5000 acessosBateristas: os dez músicos mais loucos de todos os tempos5000 acessosHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 19815000 acessosA História Impopular dos Rolling Stones - Livro 1 - Brian Jones5000 acessosSepultura: "Vejo os caras tocando e não tem a mesma pegada"5000 acessosThrash Metal: dicas de dez ótimas bandas underground5000 acessosAlfabeto do Rock: as 15 melhores músicas de Metal

Sobre Julia Sabbaga

Julia Sabbaga é assistente responsável pela área de marketing e conteúdo do Wikimetal. Formada em Relações Internacionais pela PUC/SP e apaixonada por música em geral. Classic Rock e Punk Rock sempre estiveram no topo das preferências, mas conhecer Heavy Metal tem sido uma grande experiência.

Mais matérias de Julia Sabbaga no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online