Matérias Mais Lidas

imagemBruno Valverde diz que preconceito contra ele veio mais da igreja do que dos metaleiros

imagemRegis Tadeu se garante e não retira uma palavra do que disse sobre Di'Anno e Iron Maiden

imagemDez ótimas músicas do Iron Maiden escritas pelo agitado guitarrista Janick Gers

imagem"A ingenuidade do fã do Iron Maiden é um negócio que beira o patético", diz Regis Tadeu

imagemPaul Di'Anno detona Regis Tadeu após vídeo em que critica seu encontro com Iron Maiden

imagemA "traumática" e "desagradável" experiência de ser preso, segundo Arnaldo Antunes

imagemA inesperada música do Whitesnake que serviu de inspiração para "Carry On" (Angra)

imagemQuando Chorão, do Charlie Brown Jr, quase levou porrada do Rick Bonadio

imagemGeezer Butler, Heavy Metal e a clássica canção do Black Sabbath inspirada por Jesus

imagemNando Reis: Como falta de luz e jogo de cartas inspiraram arranjo de "Malandragem"

imagemAC/DC: Angus Young recorda como fazia para ouvir rock em seus tempos de garoto

imagemEpisódio de Stranger Things 4 relembra Ozzy Osbourne e a "mordida do morcego"

imagemFãs protestam contra Claustrofobia após banda fazer versão de música do Pantera

imagemHelloween divulga vídeo de "Best Time", com participação de Alissa White-Gluz

imagemA estratégia usada por Mille Petrozza, do Kreator, para "reaprender" músicas antigas


Stamp

Iron Maiden: "Filme mostra o que fãs significam para nós!"

Por Rafael Glezer
Fonte: Rhapsody Blog
Em 25/06/09

Jen Guyre, do Rhapsody Blog, conduziu recentemente uma entrevista com o baterista do IRON MAIDEN, Nicko McBrain. Um trecho da conversa pode ser visto abaixo.

Rhapsody Blog: Conte-nos sobre "Flight 666".

McBrain: "O que eu posso dizer, além de 'mas que grande filme'? Um punhado de 'hooligans' na estrada, e nós tivemos mais um punhado de 'hooligans criadores de documentários' conosco, filmando tudo. Foi como um misto de emoções e um pouco de preocupação sobre ter alguém vindo e vivendo conosco na estrada com uma câmera por dois meses, porque nós somos pessoas reservadas. Mas foi uma tour muito histórica. Nenhuma outra banda no mundo customizou um 757 para levar 12 toneladas de equipamento e para servir à equipe, à banda, aos amigos, à mídia e tudo mais, nós decidimos documentar isso. Então foi sugerido que nós levássemos esses caras para ver um pouco sobre o trabalho do IRON MAIDEN, o que todo mundo faz na rotina da tour. Não é mais um DVD do MAIDEN tocando ao vivo em algum lugar; É a filmagem de um documentário/concerto, [que documenta] a aventura que nós tivemos, chamada de 'Somewhere Back in Time'. E Sam Dunn e Scotty McFadyen fizeram um trabalho absolutamente fenômenal para nós. Apesar de nós hesitarmos sobre leva-los conosco, nós somos orgulhosos de dizer que agora eles são parte da família".

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Rhapsody Blog: O que você achou do filme?

McBrain: É impressionante - brilhante. Não só os pequenos trechos sobre o que nós fazemos no nosso tempo livre (o documentário mostra algumas cenas conosco nos divertindo e tudo mais), mas a filmagem dos shows - a filmagem dos concertos mesmo - eu nunca vi nada tão incrível do IRON MAIDEN no passado. Até o 'Rock in Rio', que tem uma filmagem sensacional, não tem a mesma qualidade de... Eu não sei o que é, não consigo apontar uma coisa; eles simplesmente fizeram um trabalho esplêndido. Eles realmente fizeram todos aparecerem muito bem - especialmente o baterista, quero dizer, ele é um sujeito bonitão de qualquer jeito, mas... [risos]".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Rhapsody Blog: O que você espera que o fãs levem desse filme?

McBrain: "É bem o jeito que o IRON MAIDEN realmente é. Eles podem ver os trabalhos internos do IRON MAIDEN; eles podem ver o sangue, suor e lágrimas, e eu acho que eles também levam o que eles [os fãs] significam para nós. Para mim, esse filme é sobre os fãs, realmente é - ele mostra o amor, a paixão, o suor, a melancolia. E mostra que nós fazemos as coisas com paixão e que acreditamos na essência do IRON MAIDEN, que somos as seis pessoas subindo no palco e tocando".

Rhapsody Blog: E você realmente se relacionam como uma família...

McBrain: "Eu estou há 26 anos na banda - ainda não ganhei o meu relógio de ouro de 25 anos, e estou realmente ficando puto por causa disso [risos] - não, mas isso mostra como nós acreditamos individualmente e coletivamente no IRON MAIDEN: nós amamos a música. Eu tenho essa velha analogia: é como um caso de amor, e o sexo é a música e, nesse caso é muito como isso. É claro que nós temos nossos altos e baixos - não tem nada realmente no filme que mostre que estamos brigando. As brigas são normalmente muito triviais; acho que só houve uma ou duas vezes em que o temperamento subiu. É simplesmente total respeito e amor, sabe? A energia e o elo do IRON MAIDEN é a música, e nós realmente nos damos bem um com o outro. EU amo todos esses caras. Não é nada gay - eu posso abraçar eles e beijar eles na bochecha, mas sem língua [rindo muito]. Mas você sabe, tem uma coisa - quando você é jovem e começa a tocar música, você toca com muitas pessoas e às vezes tem que se esforçar para a sua música sair. Nós estamos todos no mesmo nível musical. Ninguém está abaixo de ninguém. Todos são iguais no que estão fazendo porque cada um é uma parte do outro; nós somos 1/6 cada um. E isso, eu acho, é a diferença - isso e o fato da classe, da qualidade... Para mim é isso".

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Iron Maiden: como Steve Harris fazia os riffs das músicas nos primórdios



Sobre Rafael Glezer

Estudante de engenharia elétrica pela POLI-USP, começou a ouvir rock com o show do Guns N' Roses no Rock in Rio III em 2001 e nunca mais parou. É fã de automobilismo e de guitarristas como David Gilmour, Slash, Jimmy Page entre outros. Escreve as matérias como hobby e nunca imaginou ter tantos leitores. Encontrado no twitter em @rafaelglezer.

Mais matérias de Rafael Glezer.