Skid Row: "Gene Simmons foi uma das influências!"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Rafael Tavares, Fonte: The Gateway Online, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

O canadense The Gateway Online publicou a seguinte pauta de John Kmech.

510 acessosMarcos de Ros: Gene Simmons, o Capitalista Malvadão5000 acessosAC/DC: "Chuck Berry foi o maior babaca que já vi na vida"

Poucas pessoas realmente vivem a experiência de acelerar os corações de 20 000 fãs histéricos em uma arena e também cruzar a linha de chegada em um dragster. Mas Rachel Bolan, baixista da veterana banda de Hard Rock SKID ROW, é um roqueiro e também um piloto.

Sua paixão por dirigir começou mais ou menos na mesma época que sua paixão pela música, e não diminuiu - mesmo estando na estrada por duas décadas.

“Meu irmão mais velho curtia [corridas]; ele sempre me levou a corridas de arrancadas e de stock car quando eu morava em New Jersey quando criança,” explica Bolan, ao telefone. “Eu virei fã do Dale Earnhardt através dele, assim como da NASCAR, que eu ainda amo. É legal agora pois eu conheço um monte dos pilotos.”

Nascido James Southworth, Bolan fundou o Skid Row em 1986 com o guitarrista Dave “The Snake” Sabo. A banda foi uma das últimas do movimento Hair Metal a encontrar o sucesso no mainstrem do cenário musical, quando seu auto-intitulado debut ganhou multi-platina, e o sucessor "Slave to the Grind" foi também um grande sucesso nos EUA.

Seguindo alguns problemas internos que lideraram a mudanças no line-up, a saída do vocalista SEBASTIAN BACH, um período de hiato, e um número de mudanças de bateristas, que bolan classifica de “muito Spinal Tap,” a banda sossegou em um relativamente tranquilo lineup nos últimos anos. O grupo fez turnês com grandes nomes do rock, incluindo AEROSMITH, GUNS N' ROSES, TESLA, e um grupo de rock stars de caras pintadas que Bolan descreve como de muita influência.

“Fazendo a turnê com o Kiss — não há nada para falar a respeito disso, tendo sido um fã do KISS desde criança,” Bolan diz com entusiasmo. “[Gene Simmons] Foi uma das minhas grandes influências. Digo, eu nem sabia o que era um baixo [quando era pequeno], mas eu queria tocar com o cara que cuspia sangue. Nós tocamos, eu acho, 130 shows com eles, e eu devo ter assistido-os em uma grande parte desses shows. Foi ótimo.”

Diferente do KISS, Skid Row continua como uma banda ativa, lançando um novo álbum, "Revolutions Per Minute", em 2006. A banda continua em turnê e já escreve material para o próximo disco, e apesar do envolvimento contínuo de Bolan com a banda, ele arruma tempo pra atacar como produtor, e está atualmente escrevendo um livro sobre suas experiências na estrada, contendo histórias e memórias dos vários rockstars que ele conheceu e as celebridades com as quais ele quase se divertiu.

“A pessoas mais interessante com a qual eu quase me diverti foi DAVID LEE ROTH,” Bolan relembra aos risos. “Eu o conheci um dia [em um clube]. Foi um encontro ao acaso, e ele me ofereceu uma bebida. Ele acabou indo embora sem ter pago a bebida.” Quando não está em turnê com a banda, Bolan dedica parte de seu tempo a seu outro robby: queimar pneu atrás da bandeira quadriculada. Sua paixão pelas corridas o inspirou a criar sua própria empresa de esportes a motor, a qual lhe deu uma chance de se conectar aos seus fãs além de sua presença nos palcos.

“Eu iniciei a Rachel Bolan Motorsports para que os fãs do Skid Row vissem o que eu faço fora da banda. Eu dirijo carros chamados Carros Lenda. Eu também dirigo thunder roadsters e go-karts. Quando eu tenho uma chance de correr, eu sempre disponibilizo minha agenda para que os fãs possam me ver correr. Eu ainda faço muito barulho, mas eles podem me ver fazendo algo além de ficar pulando em cima do palco.”

Depois de 22 anos de grandes performances, tocar música ainda não se tornou algo velho para Bolan. Ele diz que ainda sente a mesma empolgação de quando começou, e aí está uma certa familiaridade entre suas duas grandes paixões na vida.

“Correr e tocar são coisas muito parecidas. Colocar meu macacão de corrida é como montar meu equipamento no palco. Andar em direção ao palco é como me preparar para entrar na pista. É a mesma coisa: você pisa no pedal, e é como, ‘Senhoras e Senhores, Skid Row.’ Exceto que eu não preciso me preocupar com batidas quando estou no palco.”

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 05 de março de 2013

Paul StanleyPaul Stanley
"Guitarristas não aprendem a fazer base"

510 acessosMarcos de Ros: Gene Simmons, o Capitalista Malvadão487 acessosAce Frehley: "Anomaly" ganha versão deluxe; ouça música inédita764 acessosKiss: bicicleta de triathlon em edição limitada0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Kiss"

ListedListed
TV americana elege os maiores bad boys da música

Donald TrumpDonald Trump
Os roqueiros que apoiam o presidente eleito

KissKiss
Veja Gene Simmons em cosplay de Sidney Magal

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Skid Row"0 acessosTodas as matérias sobre "Kiss"

AC/DCAC/DC
"Chuck Berry foi o maior babaca que já vi na vida"

Gene SimmonsGene Simmons
Declarações polêmicas sobre bandas de sucesso

StephanieStephanie
Ex de Axl Rose mostra ótima forma aos 44

5000 acessosIron Maiden: Nado sincronizado ao som de "The Trooper"5000 acessosLGBT: confira alguns músicos que não são heterossexuais5000 acessosMetallica: banda pensou em demitir Lars Ulrich?5000 acessosNirvana: 20 coisas que você não sabia sobre "Nevermind"5000 acessosFotos: blog elege o Top 10 das mais emblemáticas do Rock5000 acessosPink Floyd: os álbuns da banda, do pior para o melhor, pela UCR

Sobre Rafael Tavares

Nascido em 1987, descobri o rock and roll já cedo, aos 6 anos de idade, quando ouvi "I Don't Care About You" com o Guns N' Roses em algum momento de 1993. De lá pra cá minha paixão pela música pesada e, especialmente pelo Guns N' Roses (que estará para sempre marcado em minha pele, alma e coração) cresceu exponencialmente. Sebastian Bach me fez querer virar cantor e o resto é história. Produtor fonográfico, formado em Letras e professor. Tão diversificado quanto o Rock and Roll, essa é minha vida, esse é meu clube. =D

Mais informações sobre Rafael Tavares

Mais matérias de Rafael Tavares no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online