Em 01/12/1993: Ray Gillen, vocalista da banda Badlands, morre de AIDS

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Enviar Correções  


Em 01/12/1993: Ray Gillen, vocalista da banda BADLANDS, que participou durante curtos espaços de tempo do BLACK SABBATH em 1986, onde teve suas gravações rejeitadas e nunca lançadas oficialmente, morre de AIDS aos 33 anos de idade.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

De acordo com o Wikipedia, Ray Gillen, nascido em 12 de maio de 1958, após passar por diversas bandas durante sua fase na escola, finalmente atingiu a sorte grande quando entrou na banda solo do ex-baterista do RAINBOW Bobby Rondinelli. O ano era 1985, e enquanto gravava um album de estréia com essa banda, Ray Gillen recebeu dois convites inusitados: para ser o vocalista principal do famoso musical CATS e para ser o vocalista da banda inglesa BLACK SABBATH.

Ele então deixou o RONDINELLI e, recusando o convite do musical, entrou no BLACK SABBATH, tornando-se o sucessor do Glenn Hughes no grupo, que após uma briga durante a turnê 'Seventh Star', sofreu uma lesão na cavidade nasal que inundava de sangue suas cordas vocais. Em seguida, a banda entrou em estúdio para gravar o disco 'Eternal Idol'. Por diversos problemas, principalmente financeiros, o baterista Eric Singer e o baixista Dave Spitz decidiram sair. Ray Gillen também resolveu partir, estando o disco praticamente já pronto, e se juntou a John Sykes no BLUE MURDER.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Tony Martin foi chamado para substituir Ray Gillen e regravar o disco no BLACK SABBATH. Após poucos meses no BLUE MURDER, Ray Gillen foi mandado embora e gravou uma participação no segundo disco do projeto PHENOMENA, criado por Glenn Hughes, que lançado em 1987, foi o primeiro registro oficial do Ray Gillen no mundo da música.

No ano seguinte, junto do ex-companheiro Eric Singer, do Jake E. Lee (ex-guitarrista do Ozzy Osbourne) e do desconhecido baixista Greg Chaisson, Ray fundou o BADLANDS. O primeiro disco, auto-intitulado, foi um sucesso nos Estados Unidos e Europa. Seu sucessor, "Voodoo Highway", vendeu mal devido à onda grunge. Já debilitado pela Aids, Ray entrou em estúdio para gravar o terceiro disco da banda, que não foi aprovado pela gravadora na época, tendo sido lançado anos mais tarde, sob o título "Dusk".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em 1998 a SRS Records lançou um tributo a Ray chamado "5th anniversary/Memorial Tribute/Ray Gillan" e parte dos lucros das vendas foi doado a uma fundação que estuda a cura pra AIDS.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Slash: guitarrista fala sobre a origem da sua cartolaSlash
Guitarrista fala sobre a origem da sua cartola

Planet Rock: As músicas com os melhores solos de guitarraPlanet Rock
As músicas com os melhores solos de guitarra


Cli336 CliHo Cli336 Cli336