Suécia: país reconhece downloads como religião

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Site do LoKaos Rock Show
Enviar correções  |  Comentários  | 


5000 acessosPhotoshop: Luan Morrison, Ivete Osbourne, Axl Teló e mais5000 acessosHelter Skelter: a música que Charles Manson "roubou" dos Beatles

Uma igreja sueca baseada no compartilhamento de arquivos foi oficialmente reconhecida pelo governo do país em 2012.

A IGREJA DO KOPIMISMO, que acredita que copiar informação através do compartilhamento de arquivos é como um serviço religioso, e teve sua autenticidade oficial garantida pouco antes do Natal, diz o canal inglês BBC.

A igreja, que acredita que CTRL+C e CTRL+V – os atalhos para copiar e colar em um computador – deveriam ser símbolos sagrados, teve que requerir o reconhecimento por três vezes antes de ser finalmente Uma igreja sueca baseada no compartilhamento de arquivos foi oficialmente reconhecida pelo governo do país em 2012..

O fundador, Isak Gerson, de 19 anos, disse: “Para a Igreja do Kopimismo, a informação é sagrada e a cópia é um sacramento. A informação tem valor, por si própria e no que contém e nos múltiplos valores através da cópia. Portanto, a prática de copiar é central para a organização e seus membros”.

Ele ainda declarou: “ser reconhecido pelo estado sueco é um grande passo para todos da Kopimi. Tomara que seja um passo adiante para o dia em que poderemos viver nossa fé sem medo de perseguição.”

Entretanto, experts da industria menosprezaram a significância da classificação oficial e sugeriram que muito pouco mudaria quanto ao compartilhamento de arquivos. O analista musical Mark Mulligan disse que o conceito da igreja foi ‘alienado da realidade’ e que não refletia o ‘sistema legislativo sueco’.

“Isso não quer dizer que compartilhamento ilegal de arquivos de tornará legal, mais do que se ‘Jedi’ fosse reconhecido como uma religião todo mundo sairia andando pela rua com sabres de luz”, ele afirmou. “De algum modo esses caras parecem obsoletos. Compartilhamento como uma maneira de piratear conteúdo está se tornando uma tecnologia do passado”.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 26 de janeiro de 2017

0 acessosTodas as matérias da seção Curiosidades

PhotoshopPhotoshop
Luan Morrison, Ivete Osbourne, Axl Teló e mais

Helter SkelterHelter Skelter
A música que Charles Manson "roubou" dos Beatles

Guns N RosesGuns N' Roses
O que ninguém deve fazer ao se tornar um rockstar

5000 acessosContra-baixo: as melhores introduções do Heavy Metal5000 acessosBlack Sabbath: mais uma do Tony Iommi pra cima do pobre Bill Ward5000 acessosSlipknot: Ana Maria Braga surpreende em abertura do Mais Você5000 acessosMegadeth: "Eu amo você não importa o quão babaca você seja"5000 acessosDimmu Borgir: "Somos uma banda satânica"5000 acessosSepultura: drum cam de Igor Cavalera tocando "Territory"

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online