Encontrando Deus: Brian Welch, Dave Mustaine e Alice Cooper convertidos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Rangel, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Troy Anderson do LA Daily News reporta: como guitarrista do KORN, Brian Welch foi catapultado até a fama como parte de uma sombria banda de Nu Metal que se tornou a voz dos jovens enraivecidos por todo mundo com suas letras controversas sobre alienação e abuso.

Linkin Park: Mike Shinoda fala como Chester se sentiaPlanet Rock: 40 melhores discos ao vivo de todos os tempos

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Mas após uma década tocando com um grupo multi-platinado que afundou-se na decadência, Welch chocou o mundo musical dois anos atrás quando anunciou que tinha encontrado Deus. "Eu tive um encontro espiritual que me deixou mais alto do que qualquer droga que eu já tomei", disse. "Foi real - 100 por cento sem dúvida de que eu tive um encontro com Deus. Eu sai do KORN e dentro de algumas semanas eu estava livre das drogas e álcool".

O tatuado, barbudo e cabeludo Welch está entre outros vários roqueiros que encontraram Deus recentemente e disseram se livrar miraculosamente dos vícios. ALICE COOPER, que ficou sóbrio anos atrás, agora figura como presidente do Solid Rock Foundation no Arizona ajudando jovens problemáticos. Outros exemplos são: o prodígio do blues Jonny Lang, fundador do MEGADETH Dave Mustaine e Bono, do U2.

"É encorajador que os mais radicais roqueiros também sejam os mais radicais seguidores de Jesus", disse Craig Detweiler, diretor do Reel Spirituality no Fuller Theological Seminary em Pasadena, um instituto que estuda a conexão entre fé e a cultura Pop. "E honestamente, não existe um Cristão mais influente no planeta hoje, do que Bono. Ele é provavelmente o maior exemplo vivo de como um anjo pós-moderno seria".




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção CuriosidadesTodas as matérias sobre "Korn"Todas as matérias sobre "Megadeth"Todas as matérias sobre "Alice Cooper"Todas as matérias sobre "Dave Mustaine"


Megadeth: as pérolas mais polêmicas ditas por MustaineMegadeth
As pérolas mais polêmicas ditas por Mustaine

Kiko Loureiro: O Megadeth percebe o que trago da experiência do AngraKiko Loureiro
"O Megadeth percebe o que trago da experiência do Angra"


Linkin Park: Mike Shinoda fala como Chester se sentiaLinkin Park
Mike Shinoda fala como Chester se sentia

Planet Rock: 40 melhores discos ao vivo de todos os temposPlanet Rock
40 melhores discos ao vivo de todos os tempos


Sobre Vitor Rangel

Um carioca apaixonado pela boa música que no momento está cursando o 5º período de Publicidade na PUC-Rio. Teve seu primeiro contato com o rock ainda na infância, quando sua irmã colocava os discos de Iron Maiden e Pantera no toca-fitas de sua casa. Nos últimos anos, tem se dedicado inteiramente à música e à guitarra. Sua banda favorita é Metallica e também é fã incondicional de Zakk Wylde, Steve Vai e John Petrucci. Escuta de tudo um pouco, desde Madonna até Sepultura. Espera que um dia o Metallica ainda venha fazer um show no Brasil e não tem vergonha em dizer que chorou no show do Black Sabbath, em 2004, no Ozzfest.

Mais matérias de Vitor Rangel no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor