Matérias Mais Lidas

Megadeth: Dave Mustaine, agora, é faixa roxa em jiu-jitsu brasileiroMegadeth
Dave Mustaine, agora, é faixa roxa em jiu-jitsu brasileiro

Rock in Rio: há 30 anos, Axl Rose exigia VJ desconhecida da MTV para entrevistá-loRock in Rio
Há 30 anos, Axl Rose exigia VJ desconhecida da MTV para entrevistá-lo

Iced Earth: Fãs que apoiaram vaquinha de Schaffer querem dinheiro de voltaIced Earth
Fãs que apoiaram vaquinha de Schaffer querem dinheiro de volta

Loudwire: o melhor álbum de thrash metal de cada ano, de 1983 até 2020Loudwire
O melhor álbum de thrash metal de cada ano, de 1983 até 2020

Robert Fripp: novo cover de Billy Idol, agora com esposa vestida de cheerleaderRobert Fripp
Novo cover de Billy Idol, agora com esposa vestida de cheerleader

Dream Theater: Show de comeração de 25 anos do Images & Words será transmitidoDream Theater
Show de comeração de 25 anos do Images & Words será transmitido

Iced Earth: Jon Schaffer se entrega e é preso por estar em invasão ao CapitólioIced Earth
Jon Schaffer se entrega e é preso por estar em invasão ao Capitólio

Metallica: Dave Lombardo diz que tocar com o Metallica ao vivo foi históricoMetallica
Dave Lombardo diz que tocar com o Metallica ao vivo foi histórico

Van Halen: Michael Anthony diz que Eddie era uma pessoa muito humildeVan Halen
Michael Anthony diz que Eddie era uma pessoa muito humilde

Iced Earth: fotos mostram Jon Schaffer segurando spray de urso no CapitólioIced Earth
Fotos mostram Jon Schaffer segurando spray de urso no Capitólio

Inesquecíveis: 50 grandes sucessos do rock e do metal que nunca saem de modaInesquecíveis
50 grandes sucessos do rock e do metal que nunca saem de moda

In Flames: Peter Iwers diz que não se arrepende de ter saído da bandaIn Flames
Peter Iwers diz que não se arrepende de ter saído da banda

Megadeth: entenda todas as referências existentes na letra da música VictoryMegadeth
Entenda todas as referências existentes na letra da música "Victory"

AC/DC: eles tentavam cooptar fãs antes de viciarem em Pink Floyd na faculdadeAC/DC
Eles tentavam cooptar fãs antes de viciarem em Pink Floyd na faculdade

Phil Spector: Brilhante produtor, péssimo marido, diz ex-esposa Ronnie SpectorPhil Spector
"Brilhante produtor, péssimo marido", diz ex-esposa Ronnie Spector


Matérias Recomendadas

Donald Trump: os roqueiros que apoiam o presidente eleitoDonald Trump
Os roqueiros que apoiam o presidente eleito

Rolling Stone: as melhores músicas com mais de sete minutosRolling Stone
As melhores músicas com mais de sete minutos

Guitarristas: os sete mais influentes de todos os temposGuitarristas
Os sete mais influentes de todos os tempos

Vocalistas: belíssimos timbres de alguns cantores de rockVocalistas
Belíssimos timbres de alguns cantores de rock

Excessos: como os rockstars gastam os seus milhõesExcessos
Como os rockstars gastam os seus milhões

Tunecore

Behemoth: Subvertendo ainda mais a ideia de inocência religiosa

Resenha - I Loved You at Your Darkest - Behemoth

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ricardo Cunha
Enviar Correções  

publicidade

10

Indiscutivelmente uma das melhores bandas da Polônia. o Behemoth foi formado em 1991 por Nergal (Adam Darski), que em meio a muitas mudanças de formação é a constante na banda. Em sua trajetória, a banda experimentou sonoridades diversas partindo do Black Metal primário, influência dos noruegueses; passando pelo composto híbrido de Black e Death Metal que lhe rendeu popularidade no globo; até o Death Metal implacável dos dias atuais.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A trajetória da banda, nesse sentido, pode ser dividida em 3 momentos que representam transições entre sonoridades. Liricamente, entretanto, sua música é Black Metal em essência.

O primeiro momento é o período compreendido entre os discos And The Forests Dream Eternally EP (1993) e Bewitching The Pomerania EP (1997); o segundo, o período de Pandemonic Incantations (1998) e Thelema.6 (2000); e o terceiro, Zos Kia Cultus - Here And Beyond (2002) até o momento atual.

No decurso desta trajetória, o nome da banda esteve envolvido em mais de um zilhão de controvérsias, onde os destaques vão de curiosidades como "aparecer numa lista de bandas proibidas no ano de 2007" até a "luta de Nergal contra a leucemia entre os anos de 2010 e 2011".

Nergal foi curado após transplante de medula óssea. A despeito dos contratempos vividos do descobrimento da doença até sua completa cura, a mente por trás do Behemoth e sua banda voltaram em 2014 com o The Satanist, aclamado como um dos melhores álbuns da banda.

Quanto a I Loved You at Your Darkest (2018), era apenas uma questão de tempo antes que a banda ousasse inserir um coral infantil em sua música para subverter ainda mais a ideia de inocência religiosa. Em Solve eles o fizeram e com ela devem levar um certo horror a todos os conservadores e ortodoxos de um modo geral; Wolves ov Siberia surge como uma bomba de curto alcance, mas de impacto avassalador; Ecclesia Diabolica Catholica tem um refrão acústico antes de uma crescente cacofonia na qual a música se mantém dilacerante; Bartzabel tem um elemento soturno que te prende a uma espécie de melancolia sinistra com corais hetéreos-infernais; If Crucifixion Was Nor Enough tem uma hamonia simples, mas uma letra que capaz de torturar friamente os corações mais fervorosos; Angelvs XIII é Behemoth em essência: climas apocalípticos, blastbeats caóticos e vocais que preenchem a música como um instrumento a parte; Sabbath Mater tem um conceito obscuro e poético no qual o talento de Nergal para escrever fica latente; Havohej Pantocrator com violões acústicos e guitarras estridentes cria um clímax doomático transcendental; Rom 5_8 remete aos melhores dias do Hypocrisy com umas partes lentas e outras avassaladoras; We Are the Next 1000 Years pesada, violenta e arrogante, nos prepara para a instrumental Coagvla, última canção do disco e uma das mais atormentadoras já feitas pela banda.

Sem concessões, licenças poéticas e/ou pausas pra respirar, a música do Behemoth se mostra uma das mais dinâmicas e poderosas entre as bandas do estilo na atualidade. Mais uma vitória merecida para uma banda que se afastou do esquecimento para soar mais forte do que nunca.


Outras resenhas de I Loved You at Your Darkest - Behemoth

Behemoth: fazendo o satanismo conversar com a cultura pop

Behemoth: abrindo novos caminhos dentro do estiloBehemoth
Abrindo novos caminhos dentro do estilo