Matérias Mais Lidas

imagemA melhor música de heavy metal lançada a cada ano desde 1970, em lista do Loudwire

imagemA música do Raul Seixas com erro gramatical que parece um plágio mas é uma homenagem

imagemFrank Zappa surpreende ao eleger seus dez álbuns favoritos

imagemAntes do Led Zeppelin, Robert Plant tentou entrar em outra banda famosa

imagemPantera tocará no festival Knotfest Brasil, segundo jornalista

imagemO arrependimento que David Bowie carregava em relação a Elvis Presley

imagemLed Zeppelin: O motivo pelo qual Jimmy Page não gosta de "All My Love"

imagemA reação do pai de Neil Peart quando ele se juntou ao Rush

imagemRolling Stones: Keith Richards compara tocar com Brian Jones, Mick Taylor e Ron Wood

imagemMustaine diz que tentou criar ambiente agradável para gravação de novo álbum do Megadeth

imagemO motivo pelo qual Frank Zappa não gostava de Jim Morrison e o The Doors

imagemMetallica e as músicas fantásticas que sempre ficam escondidas nas playlists

imagemTitãs: como surgiu o título do hit "Bichos Escrotos", segundo Nando Reis

imagemSteve Grimmett não estava doente antes de morrer, diz esposa

imagemA reação de Stevie Ray Vaughan ao ouvir Jimi Hendrix pela primeira vez


2022/07/09
2022/08/18

My Dying Bride: Sonoridade cada vez mais tocante, emotiva e bruta

Resenha - Feel the Misery - My Dying Bride

Por Junior Frascá
Em 04/10/16

Nota: 9

Décimo segundo trabalho dos ingleses do MY DYING BRIDE, lançado no final de 2015, "Feel the Misery" marca os 25 anos da banda, e mostra que os caras ainda estão em grande forma, nos presenteando com um material forte e carregado, e que traz intactas todas as características que marcaram sua sonoridade no decorrer de todos esses anos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Como uma das precursoras do death/doom metal, a banda realmente sabe como fazer música de qualidade, emocional e cheia de peso e melancolia.

O disco abre com "And My Father Left Forever", uma típica faixa da banda, com clima arrastado e melancólico, melodias tristes, muito peso, e uma letra que fala sobre a perda do pai, e todo o sofrimento que isso representa na vida dos filhos.

Outro destaque é a faixa título, com um refrão que se repete constantemente durante toda a faixa, mas bem contextualizado, e com um peso sobressalente que faz toda a diferença, em um brilhante trabalho de guitarras.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"I Almost Love You" é a mais carregada do disco, com apenas voz e piano, e parece tocar a alma do ouvinte, com um clima deprê de impressionar.

Vale ainda citar a faixa de encerramento, " Within a Sleeping Forest", que remete aos primeiros trabalhos da banda, com mais de 10 minutos de duração, sendo um verdadeiro épico arrastado e angustiante, no melhor sentido do termo, com melodias fortes e marcantes (o riff de guitarraque se inicia a partir dos 5:40 é uma das coisas mais hipnóticas já compostas nos últimos anos - o retorno do guitarrista Calvin Robertshaw realmente fez bem para a banda!).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Mais um grande disco na carreira o MDB, consistente do começo ao fim, e que mantém intactas suas raízes no mais profundo e mórbido doom metal, valendo cada minuto da audição, que é árdua, sofrida, carregada, porém recompensadora!

Feel the Misery - My Dying Bride
(2016 - Shinigami Records)

1. And My Father Left Forever
2. To Shiver in Empty Halls
3. A Cold New Curse
4. Feel the Misery
5. A Thorn of Wisdom
6. I Celebrate Your Skin
7. I Almost Loved You
8. Within a Sleeping Forest

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Doom Metal: os dez trabalhos essenciais do estilo

Loudwire: os dez melhores álbuns de metal de 1995

Loudwire: as dez melhores bandas de Doom Metal da história

Kiss: como foi demitir Eric Carr em seu leito de morte

O Whiplash.Net protege algumas bandas e prejudica outras?


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá.