Virgin Steele: Em 1993, polêmicas e "Epic" Hard Rock ?!

Resenha - Life Among The Ruins - Virgin Steele - Resenha

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Sobreira
Enviar Correções  

9


A banda estadunidense Virgin Steele, formada no inicio dos anos 80 praticando uma mescla de Heavy Metal com temas épicos e Hard Rock 70's, lançou e ainda lança álbuns marcantes até os tempos atuais, mesmo sempre adicionando novos elementos em sua musica. Porém, com o inicio dos anos 90, e, mudanças gerais no mundo do Rock/Metal, o grupo também não ficaria de fora dessa.

Lançado em Março de 93, Life Among The Ruins nos mostra um som diferenciado dos discos anteriores (que eram mais Heavy/Epic Metal), com o líder David DeFeis revelando uma faceta mais Hard (talvez querendo beliscar o momento de alta do estilo na época, ou mesmo por vontade própria). Mas, o que importa é que esse acaba sendo um dos melhores do grupo, com músicas bem executadas, pesadas e feitas com paixão. Belas faixas como "Never Believed In Goodbye", "Wild Fire Woman", "Cry Forever" (lançada originalmente no álbum anterior) e "Last Rose Of Summer" apresentam o lado mais emocional/'comercial' do 'play', enquanto a abertura com "Sex Religion Machine" e "Jet Black" são as mais fortes, mostrando muito peso e malicia. A animação dá as caras em "Too Hot To Handle", resgatando o clima festeiro dos anos 80 e mostrando a renovação da nova década. Já a marcante "Love Is Pain" acabou ganhando um vídeo oficial. Porém, toda sua qualidade, o álbum não fez com que a banda decolasse o quanto deveria, fazendo o grupo repensar no som a ser seguido futuramente (tanto que no ano seguinte lançaram 'The Marriage Of Heaven Hell - Part I', fazendo um som Heavy Metal bem direto, mesmo ainda com os seus inseparáveis e característicos elementos Hard).

publicidade

Muitos fãs torcem o nariz para esse precioso disco, mas não seja um deles e dê lhe uma chance. Prometo que não se arrependerá !

Track List :

1. Sex Religion Machine
2. Love Is Pain
3. Jet Black
4. Invitation
5. I Dress in Black
6. Crown of Thorns
7. Cage of Angels (instrumental)
8. Never Believed in Good-Bye
9. Too Hot to Handle
10. Love's Gone
11. Wild Fire Woman
12. Cry Forever
13. Haunting the Last Hours (instrumental)
14. Last Rose of Summer

publicidade

Total Play Time : 54:12

Line Up :

David DeFeis - Vocals and Keyboards
Edward Pursino - Guitars
Rob DeMartino - Bass
Joey Ayvazian - Drums and Percussion

Guest Session : Teddy Cook - Bass on tracks 2, 5, 8, 9, 10, 11)

Lançamento : Março/93 - Shark Records



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Heavy Metal: as 10 capas mais de macho de todos os temposHeavy Metal
As 10 capas mais "de macho" de todos os tempos

David DeFeis: os álbuns que marcaram o vocalistaDavid DeFeis
Os álbuns que marcaram o vocalista


Bruce Dickinson: sua coleção de clássicos do MetallicaBruce Dickinson
Sua coleção de clássicos do Metallica

Raul Seixas: Por trás da letra de Carimbador MalucoRaul Seixas
Por trás da letra de "Carimbador Maluco"


Sobre Vitor Sobreira

Moro no interior de Minas Gerais e curto de tudo um pouco dentro do maravilhoso mundo da música pesada, além de não dispensar também uma boa leitura, filmes e algumas séries. Mesmo não sendo um profissional da escrita, tenho como objetivos produzir textos simples e honestos, principalmente na forma de resenhas, apresentando e relembrando aos ouvintes, bandas e discos de várias ramificações do Metal/Heavy Rock, muitos dos quais, esquecidos e obscuros.

Mais matérias de Vitor Sobreira no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin