RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemRoger Waters se defende, mas David Gilmour fica do lado da esposa e confirma tudo

imagemEm 1974, Raul Seixas explicava detalhes dos significados por trás da letra de "Gita"

imagemRodinha de mosh gigantesca em show do System of a Down viraliza e impressiona

imagemQuem ganhou e quem devia ter ganhado o Grammy de metal desde 1989, segundo Loudwire

imagemVeja o que esperar da turnê do Mayhem no Brasil

imagemJimmy Page diz não haver gênio no rock - mas um gênio fez ele se contradizer

imagemMegadeth é processado por artista que criou capa do último disco da banda

imagemAs 20 melhores músicas do Nightwish, em lista da Metal Hammer

imagemA reação de King Diamond ao ouvir Metallica tocando músicas do Mercyful Fate

imagemRússia pede para que Roger Waters fale com a ONU sobre a situação da Ucrânia

imagemA opinião de Humberto Gessinger sobre movimentos separatistas da região Sul do Brasil

imagemQuando Roberto Carlos foi alfinetado por Raul Seixas, mas o Rei gostou do que ouviu

imagemBruce Dickinson explica como cuida de sua voz

imagemIron Maiden está atrás de George Michael e Cyndi Lauper em votação do Rock Hall Of Fame

imagemO ponto fraco de Yngwie Malmsteen segundo Ronnie James Dio, em 1985


Def Leppard Motley Crue 2

Amorphis: ainda uma das mais diferenciadas da cena metálica atual

Resenha - Circles - Amorphis

Por Junior Frascá
Postado em 24 de maio de 2013

Em uma das fases mais criativas de sua carreira (desde 2006 foram 5 discos de estúdio, uma coletânea de regravações, e um box ao vivo), os finalandeses do AMORPHIS vêm mantendo uma ótima regularidade em seus lançamentos, mesclando diversas influências e criando uma musicalidade riquíssima e variada. E a história não é diferente com esse seu 11º disco de estúdio, que acaba de ser lançado.

Embora muitos dos antigos fãs ainda prefiram a fase mais agressiva e obscura da banda, em especial no seu início de carreira (quando lançaram seu clássico absoluto, "Tales From the Thousand Lakes"), é fato que, desde a entrada do vocalista Tomi Joutsen a banda ampliou muito seus horizontes musicais, trazendo novos elementos até então não explorados. E nesse novo disco a coisa não é diferente, pois a banda transita por uma variedade de influências, que vão do death metal tradicional ao folk, tudo com muita naturalidade.

"Shades of Grey", a faixa que abre o disco, por exemplo, tem um clima bem soturno e melancólico, remetendo à fase inicial da banda (inclusive com vocais guturais), embora seu refrão seja mais melódico e "grudento", lembrando o disco "Skyforger" (2009).

Mas essa nova fase da banda se destaca mesmo nos momentos mais experimentais e viajados, como nas ótimas "The Wanderer", "Hopeless Days" e "Nightbird’s Song", que têm linhas de teclado muito bem encaixadas, e contam com ótimos riffs e solos do guitarrista do líder Esa Holopainen, além de algumas das melhores vocalizações do disco.

A produção do disco, feita pelo mestre Peter Tagtgren mantém o padrão de qualidade da banda, que se mantém como uma das mais diferenciadas da cena metálica atual e, embora não traga aqui nenhuma inovação em relação aos trabalhos anteriores, consegue se manter muito competente em sua proposta! Confira.

Circles - Amorphis
(2013 –Nuclear Blast - Importado)

CD:
1. Shades of Gray
2. Mission
3. The Wanderer
4. Narrow Path
5. Hopeless Days
6. Nightbird s Song
7. Into the Abyss
8. Enchanted by the Moon
9. A New Day

DVD:
. Making of Circle
. Nightbird Song (Video Clip)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Amorphis: capa de Skyforger foi inspirada em outro disco?

Metal: 100 músicas para começar a ouvir bandas que não estão entre as mais populares

Arte Gráfica: Designer brasileiro cria versões para clássicos


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.
Mais matérias de Junior Frascá.