Hate In Flesh: De Portugal, mas com 5 membros brasileiros

Resenha - Wandering Through Despair - Hate In Flesh

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Pedro Humangous
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


A banda Hate In Flesh vem de Portugal, apesar de quatro dos seus cinco integrantes serem brasileiros. De forma independente, os músicos Maiko Ramos (vocais), Paulo Oliveira (guitarras), César Silva (guitarras), Pedro Bastos (baixo) e Euler Morais (bateria), acabam de lançar seu primeiro álbum, o “Wandering Through Despair”.
5000 acessosHistória do rock: Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatos5000 acessosRefrãos: alguns dos mais marcantes do Rock/Metal

Muito bem gravado e produzido, o disco é bastante coeso e extremamente pesado. Logo de cara nota-se a honestidade desse trabalho. Uma mistura de Death e Thrash Metal, com bastante melodia, sendo considerado por muitos um Melodic Death Metal.

O que podemos extrair dessas dez faixas apresentadas, são excelentes e criativos riffs de guitarra – de fácil assimilação e que grudam na cabeça rapidamente – além das linhas vocais raivosas e bastante inspiradas. Falando em guitarras, elas funcionam como a guia do disco, pois são o ponto forte e mais marcante do álbum como um todo. As músicas oscilam entre o Metal tradicional e o mais moderno, obtendo um resultado final bastante interessante. Para o leitor se situar um pouco, eu diria que a sonoridade do Hate In Flesh fica entre o Arch Enemy e o Legion Of The Damned.

A bela capa foi feita por Carlos Fides - que já trabalhou com as bandas Shaman, Sacrario, Narnia, Underpain, etc – o que deu um brilho a mais ao disco. Uma excelente surpresa vinda de terras lusitanas com selo de qualidade brasileiro. Confira sem medo!

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Hate In Flesh"

CuriosidadesCuriosidades
Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatos

RefrãosRefrãos
Alguns dos mais marcantes do Rock/Metal

MetallicaMetallica
Músicos regravam o St. Anger "da forma correta" - ouça

5000 acessosBruce Dickinson: sua coleção de clássicos do Metallica5000 acessosPink Floyd: o maior concerto de rock já produzido5000 acessosOs fãs mais chatos do mundo da música5000 acessosIGN Music: os álbuns de Metal mais influentes segundo o site4108 acessosIron Maiden: "Não sabíamos se haveria futuro para nós"5000 acessosGuns N' Roses: "não sei se isto pode ser chamado de reunião", diz Gilby Clarke

Sobre Pedro Humangous

Pedro Humangous, 28 anos, publicitário headbanger. Dono e editor chefe da revista Hell Divine. Santista apaixonado por música e uma boa cerveja. Atualmente reside em Brasília e não poupa esforços para fazer o metal se fortalecer no país. Já colaborou com as revistas portuguesas Versus e Horns Up, além da coluna “Rolo Compressor” na rádio Nucleo Base. Colecionador de CD´s, DVD´s, Livros e Action Figures, concentra suas forças no metal extremo, sem deixar de lado os demais estilos. Fanático por Opeth, Iron Maiden, Trivium, Kreator, Dream Theater, Baroness, Suicide Silence, entre tantas outras. Siga: @PedroHumangous

Mais matérias de Pedro Humangous no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online