Unleashed: Death competente, porém previsível

Resenha - Warrior - Unleashed

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Christiano K.O.D.A., Fonte: Som Extremo
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


A Unleashed sempre trilhou o caminho do death metal sem muitas inovações. Com “Warrior” a coisa não foi muito diferente. Taí uma banda tradicional que faz um som tradicional em seu gênero.
5000 acessosUltraje a Rigor: Roger diz que foi tratado como lixo pela equipe dos Stones5000 acessosFãs de Rock: você conhece o estilo de se vestir de cada um

Começa com uma ótima levada de “War Machine”, acompanhada por riffs bem legaizinhos. A faixa seguinte, “Hellfire”, também capricha nos riffs e aposta em algo cadenciado, porém empolgante. Quando “Mediawhore” se inicia, você pensa que se trata de uma música lenta, mas pouco depois, a banda dá aquela acelerada e impõe um ritmo violento à canção. Em “Down Under Ground”, nova surpresa com um excelente riff à lá Black Sabbath, com direito a solo e tudo mais. Grande música!

“My Life for You” é um tanto parada e cansativa, mas depois, retornam à violência sonora com a mais porrada do trabalho, corretamente chamada “Death Metal Victory”, curta e direta. Depois, a coisa volta a ficar mais calma (menos extrema) com “Hero of the Land”.

Ao som de teclados sinistros, começa “Löngt Nio”, que se desenvolve com um inspirado instrumental, lento e até épico, o som mais trabalhado da obra. Muito boa. Depois dela, a ultra-porrada “Born Deranged”, que se desdobra em outros bons arranjos. Novo descanso em “I Have Returned” e seu andamento arrastado, para vir em seguida “Ragnarök” com um bumbo marcante, que indica uma música agonizante.

A penúltima faixa – “Your Pain My Gain” – apresenta guitarras pesadíssimas, com direito a paradinhas, que conduzem a música de forma não muito usual para os padrões da Unleashed. Funcionou. E fechando “Warrior”, outra música com ritmo empolgante, “The End”, com bumbos duplos muito bem utilizados e outro solo bem feitinho.

Falando da obra como um todo, destaques latentes para os riffs bem executados. Já a arte do encarte é um show à parte. A capa é bonita, e ao desdobrá-lo, forma um mini-pôster com uma foto da banda, coisa que eu já não via há anos! Contudo, quando tudo parecia conspirar a favor, vem a produção. Essa sim deixa a desejar, com um som pouco sujo demais, vocal abafado e até certa falta de peso. Para um disco feito à luz dos anos 2000, a gravação que parece meio anos 80 incomodou.

Por fim, em seus mais de 40 minutos de duração do CD, os suecos despejam aquele death competente, porém previsível e meio prejudicado pela qualidade sonora. Para quem procura isso, deleite-se.

TRACKLIST
1. Warmachine
2. In Hellfire
3. Mediawhore
4. Down Under Ground
5. My Life for You
6. Death Metal Victory
7. Hero of the Land
8. Löngt Nid
9. Born Deranged
10. I Have Returned
11. Ragnarök
12. Your Pain My Gain
13. The End

http://www.myspace.com/unleashed

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Unleashed"

HailMetal.comHailMetal.com
Os cinqüenta melhores álbuns de Death Metal

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Unleashed"

Ultraje a RigorUltraje a Rigor
Roger diz que foi tratado como lixo pela equipe dos Stones

Fãs de RockFãs de Rock
Você conhece o estilo de se vestir de cada um

Michael KiskeMichael Kiske
Ex-Hellowen: "O Iron Maiden vende a morte às pessoas!"

5000 acessosGuitar Hero: veja como o jogo desgraçou uma geração inteira5000 acessosSolos: Alguns dos mais bonitos do Heavy Metal5000 acessosSeparados no nascimento: Paul Stanley e Sidney Magal5000 acessosRock brasileiro: por que ele perdeu espaço para o funk e o pop?5000 acessosKerry King: "não gaste com caixão, as minhocas me comerão!"2478 acessosAngra: veja Rafael Bittencourt "ensinando" Bruno Valverde a tocar bateria

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online