Marty Friedman: uma boa idéia mal executada

Resenha - Future Addict - Marty Friedman

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Walter Alfredo
Enviar correções  |  Ver Acessos


Marty Friedman ganhou fama como guitarrista do Megadeth de 1990 até 2000, e manteve uma boa carreira solo nesse período. Antes de entrar para a banda de Dave Mustaine, ele participou de outras bandas, como o Hawaii e o Cacophony, onde tocou com Jason Becker, e, após o fim do Cacophony, em 1988, lançou seu primeiro trabalho solo, "Dragon's Kiss". Pouco tempo depois, entrou para o Megadeth, e o resto da história os fãs conhecem, pois Marty Friedman participou de excelentes trabalhos, como o aclamado "Rust in Peace", de 1990.

Marty Friedman: "estou mais ligado à música pop que ao metal", afirma guitarristaMTV: experts indicam as maiores bandas de Heavy Metal

"Future Addict" é o sétimo trabalho solo de Friedman, onde o guitarrista apresenta versões revisadas de algumas músicas de toda sua carreira, além de três músicas novas. Porém, algo saiu errado. "Tornado of Souls" e "The Killing Road", ambas do período em que Friedman esteve no Megadeth, ficaram muito diferentes das versões Thrash originais, e se considerar a voz de Jeremy Colson, ficaram horríveis. "Burn the Ground" e "Where my Fortune Lies", do Cacophony, perderam a energia que era comum das versões originais, ficando muito enjoativas neste CD.

As canções novas, "Barbie", "Simples Mystery" e ""Tears of a Angel", são boas, porém, quem já ouviu outros trabalhos solo de Marty Friedman sabe que ele é competente o bastante para criar músicas melhores, como "ThunderMarch", "Forbidden City", "Tibet", "Realm of the Senses" e "Last September". Canções como "The Pit and the Pendulum" e "Static Rain" entram na mesma categoria, são boas, mas, poderiam ser melhores.

Fica difícil entender o que aconteceu com Friedman neste álbum. Ele lançou ótimos trabalhos solo, como o já citado "Dragon's Kiss", de 1988, "Scenes", em 1992 e "True Obsessions", em 1996. "Future Addict" é um CD que dificilmente agradará os fãs antigos de Marty Friedman, não acrescentando nada à carreira do músico. A idéia de apresentar músicas novas ao lado de versões novas de canções antigas poderia ter sido boa, se ao menos tivesse sido bem executada.

Marty Friedman - Future Addict - 2008

Barbie
Simple Mystery
Tornado of Souls
Burn the Ground
Where my Fortune Lies
Breadline
The Pit and the Pendulum
The Killing Road
Static Rain
Secret of the Stars
Massive
Tears of an Angel

Marty Friedman- Guitarra
Jeremy Colson- vocal, bateria
Billy Sheehan- baixo
Masaki- baixo




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Marty Friedman"


Marty Friedman: estou mais ligado à música pop que ao metal, afirma guitarristaMarty Friedman
"estou mais ligado à música pop que ao metal", afirma guitarrista

Marty Friedman: Ele era baixinho demais para tocar no KissMarty Friedman
Ele era baixinho demais para tocar no Kiss

Marty Friedman: estou mais ligado à música pop que ao metal, afirma guitarristaMarty Friedman
"estou mais ligado à música pop que ao metal", afirma guitarrista

Marty Friedman: o que seria preciso para ele voltar ao Megadeth?Marty Friedman
O que seria preciso para ele voltar ao Megadeth?


MTV: experts indicam as maiores bandas de Heavy MetalMTV
Experts indicam as maiores bandas de Heavy Metal

Slipknot: para cada Mustaine falando merda há um HetfieldSlipknot
"para cada Mustaine falando merda há um Hetfield"

Metallica: Casal toca Master no casamento e encontra a bandaMetallica
Casal toca "Master" no casamento e encontra a banda

O amor: 10 músicas para roqueiros apaixonadosO amor
10 músicas para roqueiros apaixonados

Edu Falaschi: o fax com convite de seleção para o Iron MaidenEdu Falaschi
O fax com convite de seleção para o Iron Maiden

Red Hot: Flea faz tatuagem em homenagem a David BowieRed Hot
Flea faz tatuagem em homenagem a David Bowie

Derrick Green: Você é o que come!Derrick Green
"Você é o que come!"


Sobre Walter Alfredo

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adClio336|adClio336