Resenha - Evil Lives - True Metal Tribute to Black Sabbath

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

Me lembro que no ano de 1994 saiu o primeiro e ótimo tributo ao Black Sabbath e também o que seria o início de uma onda de tributos para tudo quanto é banda que invadiria as prateleiras das lojas do mundo todo. Obviamente uma grande parcela destes lançamentos era de qualidade bastante duvidosa, servindo para a autopromoção de bandas ou puro caça-níqueis mesmo. E esta mania já vem durando mais de uma década...

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Agora este "Evil Lives" consegue ser relevante em meio aos registros do gênero, pois a idéia aqui são bandas de True Metal tocar músicas do Black Sabbath. O primeiro ponto positivo é que as músicas que compõem este tributo são de todas as fases da banda, ótimas canções que não são clássicos absolutos também estão aqui, sejam com Dio, Ian Gillan, Tony Martin ou ainda Glenn Hughes.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O álbum possui bandas que simplesmente tocam um cover e também conjuntos que tiveram as manhas de deixar transparecer as características de sua banda original nas músicas do Sabbath. E, na opinião deste que vos escreve, estes são os grupos que se enquadram melhor no termo "tributo", pois mostram a influência do Black Sabbath em sua música.

Dentre as que se destacam e que optaram por seguir uma versão mais fiel às originais temos o Iced Earth ainda com Matthew Barlow na canção Black Sabbath. Jag Panzer também impressiona numa versão ao pé da risca, com destaque ao cantor Harry Conklin com seu desempenho cheio de energia. Vince Neil/George Lynch (ué?! Não seriam somente bandas de metal?) se enfiaram neste tributo com "Paranoid", que ficou bem simples, um mero cover.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Um destaque para uma banda desconhecida é o conjunto Icarus Witch, que tem um vocalista-clone de Bruce Dickinson, tocando uma boa "Falling Off The Edge Of The World". Steel Prophet detonou "Neon Knights", idêntica e tão empolgante quanto a original e uma das melhores deste tributo.

As bandas que deixam a marca de seu conjunto na versão em que tocam são o Primal Fear, com um instrumental que fez bonito em "Die Young"; a voz de Ralf Scheepers é muito forte, conseguindo se impor neste disco. Racer X não fica atrás, os trabalhos das guitarras estão estupendos na faixa "Children Of The Grave". Agent Steel transforma "Hole In the Sky" em quase thrash, sendo a faixa que ficou mais diferente da original.

publicidade

E como nem tudo são maravilhas, o Order Of Nine conseguiu avacalhar "Disturbing The Priest", cantada originalmente por Ian Gillan e uma das canções mais tétricas do Sabbath. Os gritos avassaladores de Gillan foram substituídos por uns resmungos irritantes, o que prejudicou muito o bom instrumental do resto da banda. October 31 também não foi feliz em "Danger Zone". Também, para se sair bem numa música cantada por Glenn Hughes em Seventh Star...

Outro detalhe que honra ainda mais o termo Tributo é o fato de o encarte conter uma pequena biografia e também um box com todos os músicos que passaram pelo Black Sabbath, além de informações e fotos das bandas que aqui participam.

Evil Lives não é o primeiro e nem será o último tributo aos pais do Heavy Metal, mas é um bom disco que pode ser conferido sem receios.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

EVIL LIVES – A True Metal Tribute to Black Sabbath
(2004 - MV8 Music)

01. Black Sabbath - Iced Earth
02. Die Young - Primal Fear
03. Children Of The Sea - Jag Panzer
04. Children Of The Grave - Racer X
05. Paranoid - Lynch/Neil
06. Falling Off The Edge Of The World - Icarus Witch
07. Sabbath Bloody Sabbath - Forever Say Die!
08. Disturbing The Priest - Order Of Nine
09. Neon Knights - Steel Prophet
10. Hole In The Sky - Agent Steel
11. N.I.B. - Dofka
12. Glory Ride - Twisted Tower Dire
13. Danger Zone - October 31

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metal Hammer: 10 ótimos álbuns que marcaram o retorno de grandes bandas

Lista: 30 discos de heavy metal para ouvir sem pular nenhuma faixa - Parte 2Lista
30 discos de heavy metal para ouvir sem pular nenhuma faixa - Parte 2

Black Sabbath: quando Geezer Butler saiu porque estava faltando peso à bandaBlack Sabbath
Quando Geezer Butler saiu porque estava faltando peso à banda

Vanusa e Black Sabbath: riff plagiado já existia há alguns anosVanusa e Black Sabbath
Riff "plagiado" já existia há alguns anos

Lista: 30 discos de heavy metal para ouvir sem pular nenhuma faixaLista
30 discos de heavy metal para ouvir sem pular nenhuma faixa

Lista: álbuns de rock e metal que nunca saem de moda - Parte 1Lista
álbuns de rock e metal que nunca "saem de moda" - Parte 1

Playlist: Do black ao metalcore, 50 músicas (muito) tristes do metalPlaylist
Do black ao metalcore, 50 músicas (muito) tristes do metal

Ozzy Osbourne: mais próximo de Iommi nos últimos 18 meses do que na vida todaOzzy Osbourne
Mais próximo de Iommi nos últimos 18 meses do que na vida toda

Black Sabbath: Jimi Bell fez música para banda, não foi creditado e não ganhou nadaBlack Sabbath
Jimi Bell fez música para banda, não foi creditado e não ganhou nada

Lista: álbuns perfeitos para apresentar o metal para iniciantesLista
álbuns perfeitos para apresentar o metal para iniciantes


Black Sabbath: o que Iommi sente ao ouvir as músicas com Dio tantos anos depoisBlack Sabbath
O que Iommi sente ao ouvir as músicas com Dio tantos anos depois

Black Sabbath: Ian Gillan conta como foi gravado o Born AgainBlack Sabbath
Ian Gillan conta como foi gravado o "Born Again"


Lars Ulrich: As mulheres da vida do bateristaLars Ulrich
As mulheres da vida do baterista

Punk Rock: seja feio, beba muito, e nunca penteie o cabeloPunk Rock
Seja feio, beba muito, e nunca penteie o cabelo


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

Cli336 Cli336 Cli336 WhiFin CliHo Cli336 Cli336