Matérias Mais Lidas

imagemBill Hudson diz que tatuagem pode ter sido entrave para entrar no Megadeth

imagemMarcos Mion conta história de encontro (e manjada) com Bon Jovi no banheiro

imagemQuando Angus Young, do AC/DC, detonou o Led Zeppelin e os Rolling Stones

imagemO que mais impede Kiko Loureiro de voltar ao Angra? (Não tem nada a ver com o Megadeth)

imagemBeatles: Paul McCartney conta a história por trás de "Ob-La-Di, Ob-La-Da"

imagemEdgard Scandurra, do Ira!, explica atual sumiço do rock nas rádios brasileiras

imagemPhil Campbell conta como era fácil "comprar" Lemmy pra fazer qualquer coisa

imagemRage Against The Machine vem ao Brasil em dezembro, diz José Noberto Flesch

imagemApós viralizar com anúncio, Harppia revela identidade do novo baixista

imagemAutor de "God Save The Queen", Johnny Rotten diz que sente orgulho da Rainha Elizabeth

imagemA curiosa opinião de Ozzy sobre cover do Metallica para "Sabbra Cadabra"

imagemJimmy Page dá opinião sobre streaming e enaltece desconhecido herói dos músicos

imagemBruce Dickinson diz o que o surpreendeu quando retornou ao Iron Maiden

imagemKiko Loureiro explica por que acha uma merda seu solo de guitarra em "Rebirth"

imagemChad Smith chama matéria sobre Taylor Hawkins de "sensacionalista e enganosa"


Stamp

Resenha - Kill The Musicians - Screeching Weasel

Por Marcelo Valença
Em 27/11/03

Ano: 1995

Kill The Musicians é um disco que já se mostra intrigante desde a sua capa. Uma pintura sem sentido, cujo motivo da escolha nem os próprios integrantes sabem explicar. Abrindo o disco, a coisa continua a mesma. O Weasel, símbolo da banda, aparece enforcado no meio do deserto no desenho do CD e, no encarte, consta uma pequena resenha sobre a história da banda, seus discos, mudanças e influências, enfim, um breve apanhado de sua história contada por ninguém menos que Bem Weasel. Só por isso o disco já vale a pena. Mas ainda tem mais.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Este é um dos trabalhos mais marcantes da carreira dos veteranos do Screeching Weasel, pois a banda acabou logo após a gravação de "How To Make Enemies and Irritate People". "Kill The Musicians" mostra toda a evolução da banda liderada pelo antológico Ben Weasel (vocais e guitarra) e que conta ainda com Vapid (backing vocals, baixo/guitarra), Panic e Brain Vermin se alternando na bateria, Dave Naked (baixo) e Johnny Personality (baixo) com faixas gravadas em estúdio e ao vivo, ao longo dos anos de 1989 e 1995; mas nem por isso deve se esperar uma coletânea. O que eles fizeram foi pegar um apanhado de tudo já feito por eles e tacar tudo num único CD. O resultado foi uma das obras primas do punk rock.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

O disco é marcado pelas diversas influências da banda, inclusive a maior de toda, os Ramones, que são homenageados em diversas faixas como "Judy is a Punk", "Chainsaw" e "Havana Affair". Como se não bastasse, o trabalho tem também uma versão, bem rápida e crua (mas excelente), de "I Can See Clear Now", clássico do reggae jamaicano e que se pintou nas bandeiras do punk três acordes dos Weasel, parecendo uma autêntica criação da banda, além de covers de outras bandas, como o The Authorities.

Não obstante a tudo isso, "Kill the Musicians" ainda mostra versões dos maiores clássicos compostos pela bem sucedida parceria Weasel/Vapid: "Veronica Hates Me", "I think We're Alone Now", "Celena" e "Hey Suburbia", entre muitas, muitas outras, totalizando 31 músicas e cerca de 40 minutos de puro punk, para os fãs se deliciarem, em gravações das demos das músicas. Nada da produção dos discos normais, a versão que o Musicians traz é a mais fiel do show dos caras.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Isso sem contar ainda a influência que a banda teve e ainda tem nas outras que se seguiram. O Screeching Weasel é parceira de turnê de bandas que despontaram na cena americana, como o The Queers, que tem muitas músicas creditadas a Bem Weasel, e o Grouvie Ghoulies, que contava com Vapid e Panic em sua formação, e, claro, o Riverdales, com Weasel, Vapid e Panic se soltando e mostrando que tudo o que o Screeching Weasel fez, foi graças a existência do Ramones.

Faixas:
Kamala's Too Nice (Vapid/Weasel)
Punkhouse (Jughead/Weasel)
Fathead (Jughead/Vapid/Weasel)
Good Morning (Weasel)
I Need Therapy (Weasel)
I Think We're Alone Now (James)
Something Wrong (Screeching Weasel)
This Bud's For Me (Screeching Weasel)
I Wanna Be Homosexual (Jughead/Vapid/Weasel)
She's Giving Me The Creeps (Vapid/Weasel)
I Fall To Pieces (Cochran/Howard)
Celena (Weasel)
Radio Blast (Vapid/Weasel)
Girl Next Door (Weasel)
Achtung (Authorities)
Judy Is A Punk (Ramones)
Chainsaw (Ramones)
Now I Wanna Sniff Some Glue (Ramones)
Havana Affair (Ramones)
Soap Opera (Weasel)
Stab Stab Stab (Weasel)
Six A.M. (Weasel)
Hey Suburbia (Jughead/Vapid/Weasel)
American Dream (Weasel)
Mary Was An Anarchist (Weasel)
Around On You (Vapid/Weasel)
Goodbye To You (Vapid/Weasel)
Veronica Hates Me (Weasel)
I Can See Clearly (Nash)
Supermarket Fantasy (Weasel)
Science Of Myth (Weasel)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

PRB
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Marcelo Valença

Estudante de Direito na PUC-Rio. Ouve Ska, Surf Music, HC, Guitar e Punk Rock, tocava baixo no Milhouse. Não dispensa um bom bate boca. Está preparando o lançamento de sua nova banda, Peter Gunn & The Neighbor's Rockin' Band. Bandas favoritas: Weezer, Ramones, Queers, Ira!, MxPx, Pixies, Brian Setzer Orchestra, NUFAN, Bouncing Souls, Specials, Madness, Hillvalleys, Autoramas, Randal Grave, Dumbs e Stukas Lazy.

Mais matérias de Marcelo Valença.