Matérias Mais Lidas

imagemRock in Rio: Pitty alfineta a produção do festival ao revelar qual seria sua exigência

imagemQuando Derico, do Programa do Jô, descobriu que Ian Anderson tocava tudo errado

imagemO hit da Legião que Renato Russo compôs para Cássia Eller e traz coincidência trágica

imagemRock in Rio libera ingressos extras e novamente dia do metal é único que não esgota

imagemNova Fã que descobriu Metallica por Stranger Things quer cancelar banda e reúne provas

imagemJoão Gordo se reencontra com o amigo Iggor Cavalera; "Agora falta zerar com o vovô"

imagemO clássico dos Paralamas do Sucesso que Lobão acusou de plágio

imagemJimmy Page conta como convenceu Robert Plant a formar o Led Zeppelin

imagemIron Maiden e o Rock in Rio: em detalhes, o que exatamente a banda pediu para o evento

imagemKing Diamond fala sobre retorno do Mercyful Fate; "Isso não é uma reunião"

imagemRob Halford compartilha a foto mais metal da semana; "O Rei e Eu"

imagemBruce Dickinson revela qual é sua música preferida do Iron Maiden

imagemA opinião de Marcelo Barbosa sobre cancelamento de Metallica e Pantera por racismo

imagemO hit de Nando Reis inspirado em clássico do Led Zeppelin e na relação com sua mãe

imagemOzzy Osbourne revela de qual de seus álbuns Lemmy Kilmister mais gostava


Dream Theater 2022

Resenha - El Camino del Fuego - Rata Blanca

Por Paulo Finatto Jr.
Em 27/08/03

Nota: 9

Completando em 2003 quinze anos de carreira, a banda Rata Blanca (vinda da Argentina) aportou no Brasil via Hellion Records, trazendo consigo o décimo primeiro lançamento da carreira da banda (incluindo CDs, CDs ao vivo e EPs), "El Camino Del Fuego". A produção deste disco foi bem longa, feita entre março de 2001 e março de 2002, mas a qualidade de gravação faz valer tanto atraso, ainda mais se levarmos em conta a masterização feita no Finnvox Studios (Finlândia), por onde já passaram grupos como Nigthwish e Stratovarius.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Desfilando o seu hard/heavy com letras em espanhol, algo que parece estar ganhando espaço nos últimos anos, o Rata Blanca apresenta neste seu "El Camino del Fuego" uma nova formação, contando agora com Adrián Barilari (vocal), Walter Giardino (guitarra), Guillermo Sánchez (baixo), Hugo Bistolfi (teclado) e Fernando Scarcella (bateria). Mesmo sendo uma nova formação, a banda parece estar bem entrosada em estúdio, e apesar de possuir letras em espanhol (o que não cai no agrado de todo mundo, mas pessoalmente, acho a idéia interessante) o hard/heavy da banda é muito bom, com direito a passagens pesadas estilo Iron Maiden, com outras mais hard à lá Rainbow e intercalando até partes progressivas na linha Deep Purple. Por ser uma banda bem reconhecida no seu país (e bem famosa), o Rata Blanca investe em algumas composições bem comerciais, o que não fica muito ruim se levarmos em conta a ótima performance do vocalista Adrián Barilari (perfeito para o cargo, lembra muito Ian Gillan nos seus melhores tempos) e o guitarrista virtuoso Walter Giardino, este, "praticamente" o dono da banda.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Felizmente muitas músicas chamam a atenção. A primeira, "El Amo Del Camino", é perfeita para abrir um disco, bem ao estilo de um Rainbow da vida e com uma participação espetacular do vocalista Adrián. Já a faixa "Volviendo a Casa", mesmo sendo quase uma balada (e possuindo um videoclipe muito bem feito – presente no CD para se ver no computador) é um bom exemplo do lado comercial da banda. Uma composição perfeita para tocar nas rádios e ter o clipe vinculado na MTV Argentina. "La Canción Del Guerrero" tem um início que muito lembrará novamente o Rainbow, música esta mais direta, certeira e pesada. Por fim, o último destaque vai para a pesadíssima e muitíssimo bem criada "Em Nombre de Diós?", lembrando um pouco o Iron Maiden na fase "Piece of Mind" (pelo instrumental) e com ótimos toques progressivos na sua introdução. De bônus, o disco ainda conta com uma versão acústica da faixa "Mujer Amante", originalmente lançada em "Magos, Espadas Y Rosas" de 1990 e uma boa faixa instrumental (parecida com as instrumentais do Stratovarius) "La Danza Del Fuego", que saiu primeiramente no disco solo do guitarrista Walter Giardino em 1998.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Um disco que num todo merece a atenção de todos os fãs por hard e heavy tradicional aqui no Brasil. Dedicado aos amantes de bandas como Baron Rojo, Tierra Santa (esta da Espanha e mais melódica), mas também aos que gostam de um bom som. De quebra a Hellion também lançou o último registro ao vivo da banda por aqui também, este intitulado "Poder Vivo".

Site oficial: www.rataweb.com.ar

Line-up:
Adrián Barilari (vocal);
Walter Giardino (guitarra);
Guillermo Sánchez (baixo);
Hugo Bistolfi (teclado);
Fernando Scarcella (bateria).

Track-list:
01. El Amo Del Camino
02. Volviendo a Casa
03. La Canción Del Guerrero
04. Abeja Reina
05. Lluvia Púrpura
06. Señora Fúria
07. Sinfonia Fantástica
08. Cuando la Luz Oscurece
09. Em Nombre de Diós?
10. Caballo Salvaje
11. Mujer Amante (bônus – versão acústica)
12. La Danza Del Fuego (bônus – instrumental)
13. Volvindo a Casa (bônus – videoclipe)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Outras resenhas de El Camino del Fuego - Rata Blanca

Resenha - El Camino Del Fuego - Rata Blanca

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Heavy metal poliglota: dez músicas cantadas em idiomas diferentes do inglês

Idioma: bandas que já cantaram em sua língua natal

Vocalistas: As maiores vozes esquecidas do Metal

Iron Maiden: Perguntas e respostas e curiosidades diversas

King Diamond: O que significa ser Satanista?


Sobre Paulo Finatto Jr.

Reside em Porto Alegre (RS). Nascido em 1985. Depois de três anos cursando Engenharia Química, seguiu a sua verdadeira vocação, e atualmente é aluno do curso de Jornalismo. Colorado de coração, curte heavy metal desde seus onze anos e colabora com o Whiplash! desde 2000, quando tinha apenas quinze anos. Fanático por bandas como Iron Maiden, Helloween e Nightwish, hoje tem uma visão mais eclética do mundo do rock. Foi o responsável pelo extinto site de metal brasileiro, o Brazil Metal Law, e já colaborou algumas vezes com a revista Rock Brigade.

Mais informações sobre

Mais matérias de Paulo Finatto Jr..