Matérias Mais Lidas

imagemBeatles: A música que Paul McCartney compôs para calar a boca de Pete Townshend

imagemO hit dos Engenheiros sobre Humberto não querer ser guru dos jovens igual Renato Russo

imagemRoger Waters sobre tocar Pink Floyd sem David Gilmour: "Não tenho problema algum"

imagemTony Iommi diz que Geezer Butler sofreu acidente de barco e quebrou costela

imagemAs 10 músicas mais estranhas do Guns N' Roses, em lista do Ultimate Classic Rock

imagemBlaze achava que Bruce jamais voltaria para o Iron Maiden

imagemBatera do Polyphia perde click e técnico salva marcando o tempo em sua perna

imagemAs obscuras músicas favoritas do Red Hot Chili Peppers de John Frusciante

imagemO hit do Engenheiros do Hawaii frequentemente confundido com confissão de aborto

imagemDream Theater: confira possível setlist dos shows da banda no Brasil

imagemMaranhão Open Air anuncia line-up com 24 bandas em dois dias

imagemA opinião de Dave Mustaine sobre a clássica "The Unforgiven", do Metallica

imagemAudioslave: Tom Morello recorda seu sinistro primeiro encontro com Chris Cornell

imagemDez clássicos do thrash metal que não foram gravados pelo "Big Four" - Parte I

imagemCinco músicas lançadas após o ano 2000 que se tornaram clássicos do rock - Parte III


Dream Theater 2022

Resenha - Theme For A Dying World - Blastmat

Por Drustan
Em 22/03/02

Nota: 8

Rótulos são uma desgraça!

Quando recebi este CD, e li no press-release que a banda se auto-intitula "a politically motivated hardcore metallic punk band", com influências do Discharge, Motörhead, Misfits, GBH, Ramones e AC/DC, achei que se trataria de um daqueles Crossovers que tentam mesclar tudo e muitas vezes saem uma bela "caca"... mas bastou uma breve audição para constatar que se trata na realidade de uma banda que pratica uma espécie de Hardcore beirando o Metal, porém com vocais límpidos, sem nada de berros e urros como muitas com som parecido, e ainda por cima com um pezinho no Rock'N'Roll a la Motörhead (em seus primeiros discos) e AC/DC - tanto que o último som do CD se trata de um cover de "Dog Eat Dog" de Angus Young & Cia...

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Embora o que eu tenha em mãos se trate de uma demo, achei injusto incluir este CD na seção supra do site, pois o nível de produção e o bom trabalho gráfico (embora minha cópia aparente ter sido xerocada), superam muitas coisas que existem por aí.

As origens do Blastmat podem ser encontradas em 1987, quando o baixista Keith "Grave" Donaldson, com passagens por diversas bandas punks desde o início da década, resolveu montar o Sanity Assassins, que após inúmeras formações e vários álbuns lançados através da própria gravadora de Keith, acabou por contar com a presença do guitarrista Andy Reitano. Mais tarde, Reitano sairia do grupo e acabaria por se juntar ao vocalista Philip Swanson e ao baterista Ed LaGraize, no que viria a se tornar o Blastmat, com a entrada de Donaldson no baixo, já em 2001.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

A parte "política" da banda fica por conta das letras, que disparam para todos os lados: autoridades, governos, igrejas, etc e tal. Porém, embora não as tenha analisado muito a fundo, deu para sacar que o lance deles em relação às críticas é mais numas de "tirar um sarro" do que ficar se lamuriando e reclamando o tempo todo... aliás, eu diria que o lado "punk" da coisa advém mais das letras em si que do som.

Em suma: se o leitor não é um "headbanger" ou um "punk rocker" radical, vale a pena encarar! Eu particularmente, estou no aguardo do lançamento do CD, previsto para meados deste ano, pois com certeza vou batalhar minha cópia... :o))

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Faixas:
1) New Messiah
2) Desensitized
3) Lives For Lies
4) Theme For A Dying World
5) Taliban Fight Song
6) Church And State
7) You And Yours
9) Fire In The City
10) Jesus Saves
11) It All Comes Down
12) Dog Eat Dog (cover AC/DC)
Total time: 30:44

Keith Grave (baixo)
Ed Lagraize (bateria)
Andy Reitano (guitarra)
Philip Swanson (vocal)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Iron Maiden: Perguntas e respostas e curiosidades diversas

King Diamond: O que significa ser Satanista?