Guitarra: O que estudar, e como?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Herick Sales, Fonte: Herick Sales Guitar
Enviar correções  |  Comentários  | 

Está aí, uma pergunta que ouço com frequência, e sempre surgem respostas muito vagas, então vou abordar meus pontos de vista. Acredito que aprender a tocar guitarra seja dominar uma gama de técnicas, nem que sejam algumas, para ficarem na ''manga'' para quando necessário for, serem usadas. Acho que abster-se de alguma técnica, de aprender algo, é fechar-se idiotamente para uma ferramenta nova, uma forma de se expressar. Já vi alunos dizerem ''eu não vou aprender tapping, pois o Slash não usa'', ou ''porquê vou usar o dedo mindinho se o Eric Clapton não usa?'' . Bem…você não é o Slash e nem o Clapton, que possuem uma linguagem própria e ajudaram até mesmo a redirecionar os rumos da guitarra. Então, vamos nos recolher à nossa posição, e deixemos quem tem genialidade ''divar'' merecidamente. Nós, pobres mortais, vamos estudar. Então, como fazer isso?

112 acessosRobert Baker: cinco dicas de como melhorar suas frases de guitarra5000 acessosNirvana: divulgadas novas fotos da cena da morte de Kurt Cobain

Tempo de estudo: isso, antes de tudo, considero tão importante quanto o estudar, treinar, ler sobre: tempo e a frequência! Vou dar um exemplo: todo mundo deve ter um amigo assim, que vai para academia um dia, malha descaralhadamente 5 horas, depois não aparece durante dias, depois volta dias pingados e fica fazendo ''reposições'' com cargas mais puxadas. Isso além de trazer problemas, não vai render tanto. Melhor seria se ele nem fosse para a academia, mas caminhasse 30 minutos todo dia. Seria muito mais saudável para o corpo. O mesmo vale para a guitarra. É bem melhor você conseguir treinar 1 hora todo dia, com calma, do que pegar 2 vezes na semana o dia todo. A rotina e frequência, acostumam sua musculatura, faz ela se desenvolver melhor, você absorve melhor o treino e conhecimento, e conseguirá raciocinar mais rápido na hora de aplicar.

Conteúdo: dividir o conteúdo, com o tempo que você tem disponível. Se você aprendeu uma sequência de acordes nova, possui escalas para treinar, e está estudando uns licks, e improvisa usando essas coisas, é importante você dividir seu tempo, para estudar tudo de forma equilibrada. Não adianta você estudar uma semana as escalas, elas evoluírem bem, porém, na hora de fazer um licks de blues simples, o bend sair errado, e o vibrato inconstante. Na semana seguinte, treinar só os licks, esquecer das escalas, e depois fazê-las cagadas. O equilíbrio de todos os conceitos, e a sua evolução de forma conjunta, traz resultados melhores, e maior gama de ferramentas ao seu dispor;

Disciplina: existirão exercícios que, após um tempo, você verá que não precisa fazer todo dia para fazer bem. Ok. Mas você notará que certas coisas ( escalas, padrões, licks, sweep, sincronia ), se você não fizer todo dia, você vai perdendo um pouco o jeito, a habilidade naquilo. Mas dentro da disciplina, acho válido comentar sobre uma coisa: seu amiguinho vai te chamar para ir para festa, vai passar um filme bom na tv, a preguiça atacará pois está frio, o facebook terá recadinhos e amigos querendo bater papo, etc. Tudo vai estar contra você, digamos assim, outros compromissos, etc. Mas vamos lá. Você trabalha? Estuda? Faz isso pois tem essa rotina, e separa esse horário para isso, e é algo que você se ''obriga'' a fazer… Que seja assim também com a música e seus treinos, afinal, é chato certas vezes? Sim. Mas somente a rotina e a repetição traz avanços e melhoras;

Divirta-se: pode ser estranho terminar assim, mas não se esqueça que você toca guitarra para se divertir! Porquê gosta! Procure pegar o que estudou, e separar um momento, para tocar sem muito compromisso, juntando coisas, e tente improvisar sobre uma música ou sozinho, aplicando o que aprendeu e o que está estudando. Só assim você verá o que precisa melhorar, e o que está evoluindo.

Todos possuem capacidade plena de desenvolvimento no instrumento, o que vai diferenciar os homens dos meninos nesse aspecto, é como se planeja, direciona, e aplica a capacidade.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 29 de janeiro de 2016

PreçoPreço
Quanto mais caro, melhor o instrumento?

112 acessosRobert Baker: cinco dicas de como melhorar suas frases de guitarra204 acessosGuitarras: Steve Stine explica como fazer seu solo soar mais rock148 acessosGuitarpedia: 11 dicas para um comportamento mais profissional - Pt2179 acessosRecorde: sujeito toca guitarra por mais de 114 horas seguidas368 acessosBateria: como mudar a afinação da caixa no meio do show0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Instrumentos"

GuitarristaGuitarrista
Recordista é capaz de tocar 600 notas por minuto

Zakk WyldeZakk Wylde
"Caixão-guitarra" ou "guitarra-caixão"?

Black SabbathBlack Sabbath
"Iron Man" em inusitado baixo artesanal

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Instrumentos"

NirvanaNirvana
Divulgadas novas fotos da cena da morte Cobain

LGBTLGBT
Confira alguns músicos que não são heterossexuais

MetallicaMetallica
Rock In Rio explica pane que ocorreu durante o show

5000 acessosMetallica: A reação de James a famosos usando camisetas da banda5000 acessosFotos de Infância: Kurt Cobain, do Nirvana5000 acessosRaul Seixas - Perguntas e Respostas5000 acessosKiss: o que acontece por trás das cortinas antes do show?4579 acessosPantera: As 10 melhores canções da banda5000 acessosBaphomet: a polêmica estátua em frente ao Capitólio em Oklahoma

Sobre Herick Sales

Herick Sales, professor de guitarra e violão há 12 anos, amante de blues e rock em geral.

Mais matérias de Herick Sales no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online