James Brown

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Enviar correções  |  Comentários  | 

James Brown foi um dos grandes responsáveis pela valorização do ritmo sobre a melodia na música pop (valorização de baixo e bateria que culminariam com a música dance e techno atuais). Sua música hormonal, baseada em vocalizações de gospel, e seus shows cheios de energia foram influência direta ou indireta de praticamente todos os estilos que se seguiram. Participou decisivamente da criação do soul e mais tarde do funk. Sua influência no rock moderno é inegável.

5000 acessosThe Wall - Uma obra de arte conceitual5000 acessosGuns N' Roses: a verdadeira história de "Rocket Queen"

Nascido de uma família miserável do sul dos Estados Unidos, ainda na adolescência foi preso por assalto. Sua fiança foi paga pelo cantor Bobby Byrd, com quem montou a banda de blues The Flames no início dos anos 50. O destaque de Brown sobre os outros membros logo faria a mudar de nome para James Brown and the Famous Flames. Em meio à explosão do rock and roll no início dos anos 50 a banda gravou alguns singles sem grandes destaques. Pouco antes de ser despedido pela gravadora, em 1958 James Brown conseguiu emplacar um hit em primeiro lugar nas paradas, Try Me. O primeiro álbum de sucesso seria Live At The Apollo de 1963 (bancado pelo próprio Brown, pois álbuns ao vivo eram raros na época e ninguém achava que algo assim valesse os custos).

Com uma nova gravadora que não o prendia artisticamente (depois de um ano sem poder lançar nada em virtude de um contrato anterior com sua primeira gravadora) Brown pode, a partir de meados da década de 60, investir em seu próprio estilo musical. Finalmente saiu das paradas de r&b para se consolidar na preferência de brancos e negros (e se tornar um representante e militante pelos direitos dos negros, liderando o movimento Black Pride, orgulho negro, e criando músicas como Say It Loud, I'm Black And I'm Proud). Além de músico excelente Brown foi um grande empresário, conseguindo sempre se manter em evidência.

Com o surgimento da dance music (ironicamente influenciada por ele mesmo) James Brown começou a perder espaço. Ao mesmo tempo passava por problemas sérios com a justiça americana por não declarar corretamente sua renda. Seguiu-se assim um longo período de ausência de Brown nos estúdios ou apresentações ao vivo.

Os samples de suas músicas usados no rap dos anos 80 porém trouxe de novo à luz o seu nome, o que permitiu sua volta triunfal em 1986 (no single Unity, gravado com o DJ Afrika Bambaataa).

Em 1989 novamente Brown teve problemas com a justiça. Acusado pela ex-mulher de agressão e com a prisão decretada Brown se envolveu em uma perseguição de carros com a polícia (James estava armado com um revólver e ameaçou pessoas). Foi condenado a seis anos de prisão e libertado em condicional após cumprir dois anos. Desde então não tem gravado ou se apresentado.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "James Brown"

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "James Brown"

Pink FloydPink Floyd
The Wall: uma obra de arte conceitual

Guns N RosesGuns N' Roses
A verdadeira história de "Rocket Queen"

GênerosGêneros
O rock se firmou com características machistas

5000 acessosRed Hot Chili Peppers: as melhores músicas segundo o Loudwire5000 acessosHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 19805000 acessosEm 09/12/2004: Dimebag Darrel é assassinado a tiros durante show5000 acessosGuns N' Roses: Tommy Stinson sai em defesa de Axl Rose5000 acessosRenato Russo: a história registrada em fotos desde a infância5000 acessosBlack Sabbath: o talvez mais bizarro cover de "Paranoid"

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online