Dr. Sin: Uma despedida honrosa de três músicos calejados

Resenha - Dr. Sin (Carioca Club, São Paulo, 19/03/2016)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Getúlio Souza
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Tive a oportunidade de ver o Dr. Sin pela primeira vez na Virada Cultural do ano passado. Por volta do meio-dia o trio Andria Busic (baixo), Edu Ardanuy (guitarra) e Ivan Busic (bateria) subiu no palco, e para o delírio, do paulistano - refém da quantidade ínfima de eventos culturais gratuitos na sua cidade – foi ao delírio. Foi um show divertido, enérgico e muito empolgante.

Busic: banda divulga terceiro videoclipe; confiraIron Maiden: "Aces High" em versão tocada na Vuvuzela!

Após seus membros informarem que a banda iria acabar, a noticia sobre a sua dissolução e posterior turnê de despedida pelo Brasil ganhou destaque na cena e causou grande comoção entre os fans, por causa do seu legado e influência para o rock n’ roll brasileiro.

Apesar daquela tarde de domingo ter ficado para trás, pude presenciar o penúltimo show de despedida da banda no Carioca Club, zona oeste de São Paulo.

A abertura da noite ficou por conta do Seventh Seal, que há mais de 15 anos na estrada vêm chamando a atenção do publico e critica com seus riffs graves e pesados e suas influências que vão desde o Power até o Death/Thrash metal.

Composta atualmente por Leandro Caçoilo (vocal, ex-Eterna, Soulspell), Thiago Oliveira (guitarra), Tiago Claro (guitarra), Victor Prospero (baixo) e Roberto Moratti (bateria), a banda fez uma apresentação convincente, divulgando seu terceiro álbum “Mechanical Souls”, além de outros clássicos da carreira.

Afiada, cheia de energia e disposição, pronta para mostrar todo o sua virtuosidade e talento, o Dr. Sin entrou com o pé direito e garantiu uma despedida honrosa, recheada de profissionalismo, técnica e versatilidade de três músicos calejados por 24 anos de luta e companheirismo que poucos grupos possuem atualmente.

O setlist contou com material do mais recente disco “Intactus” (2015), “além dos conhecidos clássicos como “Fire” (1995) de Brutal e da excelente “Emotional Cathastrofe”, do homônimo “Dr. Sin” (1993), que fechou a noite de forma magistral.

Dentre tantas emoções ao longo da noite e do iminente desabafo de Andria “A gente ama todos vocês de coração!”, mal dava para acreditar, ao ver as cortinas do palco se fechando e sinalizando um adeus que ninguém desejaria dar para alguém.

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Top 5
Discos de metal nacional com nomes de outros estilos

Busic: banda divulga terceiro videoclipe; confiraVitrola Verde: em vídeo, entrevista com Ivan BusicTodas as matérias e notícias sobre "Dr Sin"

Café com Ócio
Os melhores discos do Metal Nacional de 2000 a 2010

Rock nacional
10 solos de guitarra essenciais

Virada Cultural
O Metal entrou em peso na programação

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Dr Sin"Todas as matérias sobre "Seventh Seal"

Iron Maiden
O clássico "Aces High" em versão tocada na Vuvuzela

Nirvana
Bebê de Nevermind recria a capa (de novo) 25 anos depois

Invisible Oranges
Os 5 melhores momentos metal dos filmes

Fotos de Infância: os primórdios da banda SepulturaDeu show: Headbanger canta Frozen em "The Voice britânico"AC/DC: A origem do nome da bandaDimebag Darrell: suas sete conquistas em concursos de guitarraDavid Lee Roth: strippers, cocaína, maconha e Jack Daniel'sSupernatural: Drifter Rock seleciona as músicas da série

Sobre Getúlio Souza

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online