Matérias Mais Lidas

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemSystem of a Down: por que Serj Tankian não joga mais nenhum vídeo game?

imagemKiko Loureiro defende surgimento de banda que seria "Greta Van Fleet do Iron Maiden"

imagemMetallica faz doação para complexo de saúde e educação em Curitiba

imagemOzzy Osbourne diz que está bem aos 73 anos, mas sabe que sua hora vai chegar

imagemO clássico dos Rolling Stones que levou mais de 30 anos para ser tocado ao vivo

imagemRitchie Blackmore revela como o impactou a chegada de Jimi Hendrix na Inglaterra

imagemA simpatia de James Hetfield ao conversar com pais de bebê que nasceu durante show

imagemRobert Trujillo conta como uma abelha e "migué" quase causaram treta com James Hetfield

imagemOzzy Osbourne é visto caminhando com dificuldade ao sair de estúdio

imagemLuciano Hang processa vocal do Fresno e quer indenização de R$ 100 mil por danos morais

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemFreddie Mercury revelou em 1985 como foi conciliar carreira solo e o Queen

imagemSyd Barrett em 1967 analisando os principais singles lançados em julho

imagemDaniel Cavanagh, do Anathema, sobrevive a tentativa de suicídio


Sabaton: Uma aula de como se faz Heavy Metal em Porto Alegre

Resenha - Sabaton (Bar Opinião, Porto Alegre, 09/09/2014)

Por Guilherme Dias
Em 13/09/14

A banda de Power Metal SABATON esteve em Porto Alegre para o seu segundo show no Brasil. Dando continuidade a "Heroes World Tour", que já havia passado por São Paulo antes desse show.

Fotos: Liny Oliveira

A abertura ficou por conta de duas bandas. Elas participaram de uma enquete realizada pela produtora do evento. A princípio apenas uma banda ganharia, porém ambas receberam muitos votos, e ficaram muito acima de bandas medalhões do heavy metal gaúcho.

A primeira atração da noite estava agendada para iniciar às 21 horas e 30 minutos, porém às 21 horas em ponto a PLATINUS subiu ao palco do bar Opinião. O thrash metal cantado em português pela PLATINUS animou bastante quem já estava presente no local. William Lovato (VOCAL/ BAIXO), Igor Cézar (GUITARRA), Yuri Rigo (GUITARRA) e Pedro Gargioni (BATERIA) fizeram um excelente show. Destaque para "Sapiens ou Não" e "Vida Psicótica", nessa última ocorreu um problema técnico que acarretou na mudança de uma das guitarras, porém sem comprometer em nada o show.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Alguns minutos após a PLATINUS deixar o palco, o CHARLAR subiu quebrando tudo, mas tudo mesmo. Maurício Marques (VOCAL) entrou no palco extremamente eufórico, agradecendo a todos pela votação que permitiu a presença da banda no evento. Além de jogar cerveja no público, ele mesmo se jogou do palco para a pista no fim da apresentação, por sorte o público fez questão de segurá-lo. Com um Thrash Metal bastante técnico, a banda também conseguiu agradar bastante o público que ainda chegava calmamente ao local. Além de Maurício, o Charlar é composto por Paulo Liro (GUITARRA), Cristiano Kappaun (BAIXO) e Eduardo Chaves (BATERIA)

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Os relógios estavam se aproximando das 23 horas, e os fãs não aguentavam mais a espera para ver o SABATON. Após as previsíveis introduções de "Final Countdown" (Europe) e "The March To War", os "Comandos em Ação do heavy metal" (devido às roupas camufladas) iniciaram o show com "Ghost Division" (The Art of War) e sem parar emendaram "To Hell and Back" (Heroes) e "Carolus Rex" (Carous Rex).

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

O início do show deixou os fãs bastante emocionados. Mas não só os fãs, a banda estava visivelmente deslumbrada com o público que estava lá para vê-los. Joakim Brodán (VOCAL) disse, inclusive, que não esperavam tanto de uma cidade que nunca haviam estado antes. Joakim agradeceu muito o público e os suecos continuaram o show com "Gott Mit Uns" (cantada em sueco, presente no disco Carolus Rex, também) que teve participação de Chris Rörland (GUITARRA) e ThobbeEnglund (GUITARRA) nos vocais.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

A presença de palco da banda foi muito empolgante, mesmo em um palco pequeno, a banda deu conta de se mexer bastante e andar de um lado para outro. O único que estava sem sair do seu lugar era Hannes Van Dahl (BATERIA), porém trabalhando bastante, principalmente com os seus dois bumbos da batera. O mais alegre da banda com certeza era Pär Sundström (BAIXO) que não tirava o sorriso do rosto.

Do último disco da banda "Heroes", a banda ainda tocou "Resist and Bite", "Soldier of 3 Armies", "Smoking Snakes" e "Night Witches". Já do disco "The Art of War", além da faixa título e da que abriu o show, tocaram também "40:1" após Joakim ouvir o pedido de um fã que estava na pista.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Hannes foi xingado por Joakim quando tocou algo semelhante a "disco music", então o batera tocou a introdução de "Painkiller" (Judas Priest), para alívio de Joakim e risadas gerais por todo o bar Opinião. A mesma introdução que o guitarrista Chris Rörland tocou na bateria um pouco mais tarde. Seriam eles fãs de Judas Priest?

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Chris recebeu dos headbangers gaúchos uma bandeira do Rio Grande do Sul, que foi colocada em cima dos bumbos de Hannes. Nesse momento todos os fãs cantaram o Hino Riograndense, deixando uma pulga atrás da orelha de cada integrante da banda, pois eles não entendiam nada.

Aproximando-se do fim do show, Joakim tirou os seus óculos pela primeira vez para enxergar bem o público. Depois disso não colocou de volta, deu seus óculos de presente para um fã, em seguida uma pulseira e parou por ali mesmo, apenas ameaçando tirar o seu colete e dizendo que não daria as calças para ninguém. Tudo isso em um tom muito bem humorado. O show foi encerrado com duas arrasa quarteirões: Primo Victoria (Coat of Arms) e Metal Crüe (Attero Dominatus)

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Uma aula de como se faz um show de heavy metal foi dada pelo SABATON. Um Power metal moderno com muitas influências do passado e a temática de guerras são o que diferenciam positivamente o SABATON, em meio a tantas bandas repetitivas que existem no mercado nos dias de hoje.

SETLIST:
The March To War
Ghost Division
To Hell and Back
Carolus Rex
Gott Mit Uns
Uprising
Attero Dominatus
Resist and Bite
The Art of War
Soldiers of 3 Armies
40:1
Swedish Pagans

Night Witches
Smoking Snakes
Primo Victoria
Metal Crüe

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Heavy Sword: O Power Metal morreu? (vídeo)

Crypta e Sabaton no episódio 36 do podcast Papo Metal




Sobre Guilherme Dias

Fanático por heavy metal e hard rock desde os 12 anos de idade. Coleciona CDs e LPs, principalmente do Helloween e seus derivados. Colabora com o site desde 2013. Nasceu em Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul.

Mais matérias de Guilherme Dias.