Resenha - Eduardo Falaschi (Praia Sport Bar, Santos, 22/01/2003)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando De Santis
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Muitos fãs do metal já estão acostumados a participar de workshops de guitarristas, baixistas e bateristas, afinal, já é uma tradição no cenário ver a troca de informação entre os músicos profissionais e os aspirantes a músicos, porém, faltava algo voltado para os vocalistas, faltava alguém que desse dicas e falasse um pouco mais sobre a alma das bandas. Foi então que o vocalista do Angra, Eduardo Falaschi, resolveu dar aulas e dicas para os vocalistas de todo o Brasil.
4037 acessosAngra: Rafael Bittencourt reflete antes de se manifestar...5000 acessosKing Diamond: O que significa ser Satanista?

No dia 22 de janeiro, num evento fechado para aproximadamente 250 pessoas, Eduardo Falaschi deu uma aula de carisma e técnica para os fãs e vocalistas de Santos. Sozinho num palco, apenas com um violão e um microfone, Edu fez um workshop de mais de duas horas, num ambiente totalmente descontraído e ao mesmo tempo didático. A palestra ou o workshop abordou vários temas, que muitas vezes passam batidos pelos vocalistas. Edu explicou exercícios de alongamento que devem ser feitos antes de subir no palco, passou uma série de exercícios para aquecimento da voz, ensinou postura de palco, truques para os vocalistas, entre outras dicas de muito valor. Todos os aprendizes estavam sentados em cadeiras e podiam a qualquer momento interromper o vocalista, para fazer perguntas ou comentários.


Edu falou a respeito de vários vocalistas, sempre dando exemplos com trechos de músicas e respondendo a perguntas. Num clima amigável, Falaschi até arriscou dar uma de Daniel (sim, o cantor brega-sertanejo), que rendeu boas risadas do público. Porém, o assunto ficou mais interessante quando o vocalista do Angra falou de ‘vibrato’, dando exemplos de Michael Kiske (ex-Helloween) ou Tobias Sammet (Edguy) e quando falou da polêmica do ‘falsete’. Aliás, ‘falsete’ foi o tema que tomou mais tempo e gerou mais discussão, pois foi usado como exemplo o ex-vocalista do Angra, Andre Matos. Porém, o vocalista em todos os momentos fez questão de explicar que falsete é apenas mais uma técnica vocal para se atingir determinados tons mais altos, e que dependendo da música ou da ocasião é algo extremamente natural. Além de perguntas técnicas, algumas outras perguntas referentes à banda foram feitas: Falaschi falou como surgiu o convite para ele cantar no Angra, de shows e momentos curiosos da turnê, do novo CD ao vivo gravado em São Paulo, do primeiro DVD da banda que será lançado no início de fevereiro e ainda falou do atraso do show de São Paulo, no Credicard Hall.

O workshop ainda contou com performance do vocalista que cantou “Nova Era” do disco “Rebirth”, enquanto ele explicava postura e presença de palco para os “alunos”, “Acid Rain”, com direito a rápidas explicações durante a música e terminou com uma versão acústica da música “Rebirth”. Ao final do workshop foram sorteados diversos brindes para o público presente e depois, o vocalista ficou mais de uma hora só atendendo aos fãs, dando autógrafos e tirando fotos.


Esse workshop para vocalistas, promovido pelo Eduardo Falaschi, é mais uma forma de estar ajudando a crescer o cenário do Metal no Brasil e formando músicos com uma identidade mais profissional. Eduardo além de estar dando dicas e técnicas vocais, fez questão de lembrar aos fãs, que a melhor forma de se trabalhar é com honestidade e dedicação.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

AngraAngra
Rafael Bittencourt reflete antes de se manifestar...

721 acessosKiko Loureiro: vídeo completo de workshop online do guitarrista322 acessosRio Rock City: melhores introduções de baixo da atualidade0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Angra"

Kiko LoureiroKiko Loureiro
Ele intimidou Chris Adler quando mostrou CD solo

AngraAngra
Show no Rock In Rio 2011 é "Triste de lembrar"

AngraAngra
Aquiles detona ex-companheiros de banda em workshop

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de Shows0 acessosTodas as matérias sobre "Angra"

King DiamondKing Diamond
"Satanista é quem sacrifica animais? Isso é loucura!"

The OsbournesThe Osbournes
Sharon conta como Ozzy tentou assassiná-la

Rock e MetalRock e Metal
E se as capas dos álbuns fossem honestas?

5000 acessosMike Mangini: um dos bateristas mais rápidos do mundo?5000 acessosKerrang: os melhores singles já lançados5000 acessosCorey Taylor: Verdades sobre Joey Jordison e Jim Root3649 acessosMike Portnoy: os dez maiores álbuns clássicos da história5000 acessosWhen Gabriel lies down on Genesis5000 acessosHell Divine: site elege os 10 "não-óbvios" melhores discos

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Fernando De Santis

Paulistano, nascido em 1979, Fernando De Santis passa grande parte do seu tempo viajando entre São Paulo, Santos e Curitiba. Nas horas de viagens dentro de ônibus ou aviões, costuma ouvir Hard Rock, Heavy Metal e demos de qualquer estilo. Atualmente trabalha como webdesigner para o Estado de São Paulo. Mantém o site "We Burn", dedicado ao Helloween desde 1998, que nunca lhe trouxe nenhum dinheiro, mas rendeu muito amigos.

Mais informações sobre Fernando De Santis

Mais matérias de Fernando De Santis no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online