Massacration: esclarecimentos sobre show em BH

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos

O Whiplash! Rocksite esteve em contato com Mônika Cavalera, empresária do MASSACRATION, que prestou o seguinte esclarecimento sobre o ocorrido em BH, quando a banda não tocou em um evento no Lapa Multishow.

Massacration: A sua oportunidade de entrar para a história do Heavy Metal chegouSpin: os 40 melhores nomes de bandas de todos os tempos

"Não há muito a ser dito. Quero deixar claro que foi uma decisão minha o cancelamento, devido a uma série de eventos que estavam errados. Assinamos o contrato em novembro de 2005 para esse show, e seria ótimo voltar a BH, aonde o Massacration fez seu primeiro show como banda principal. Tudo foi definido previamente: prazos para pagamento, banda, transporte e hotel. Porém o contratante do evento nos informou que acertaria todos os débitos no dia do show, porque o mesmo estava vendendo muitos ingressos. Saímos de SP já cientes disso, pois não havíamos recebido tudo o que fora combinado.

Chegando em BH, notei que a situação estava diferente. Quanto tocamos anteriormente, o ingresso custava 15 reais, e agora, estávamos num festival com quatro bandas e com preço do ingresso variando de 30 a 35 reais.

Não sabíamos que as vendas não estavam indo a contento, só fomos avisados no hotel, meia hora antes de irmos para o show, quando todas as bandas de abertura já haviam se apresentado. O produtor que locou o Lapa Multishow nos falou que só poderia pagar aquilo que tinha em mãos, não honrando com o combinado.

Nessa hora eu assumo que decidi pelo cancelamento, pois houve má-fé por parte da produção local, e o Massacration possui uma equipe que precisa ser paga. Não é justo mobilizar 12 pessoas para depois deixá-las sem receber. Poderíamos ter conversado sobre isto, e até resolver o assunto de forma mais amena, se a verdade tivesse sido dita desde o começo. Fiz um Boletim de Ocorrência (B.O.) sobre o incidente e o disponibilizo para quem quiser ver".

Já Bruno, vulgo Detonator, enviou a seguinte mensagem para o Whiplash! Rocksite: "Queremos nos desculpar com os fãs mineiros. Não queríamos que isso acontecesse... jamais foi nossa intenção deixar de tocar para vocês, e esperamos voltar em breve a BH para um grande show".




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Massacration"


Massacration: A sua oportunidade de entrar para a história do Heavy Metal chegouMassacration
A sua oportunidade de entrar para a história do Heavy Metal chegou

Bruno Sutter: resumo da carreira em fotos e vídeoBruno Sutter
Resumo da carreira em fotos e vídeo

Massacration: Luiz Fernando Guimarães ou Língua de Trapo?Massacration
Luiz Fernando Guimarães ou Língua de Trapo?

Massacration: Blondie Hammet explica como ser um bom guitarristaMassacration
Blondie Hammet explica como ser um bom guitarrista


Spin: os 40 melhores nomes de bandas de todos os temposSpin
Os 40 melhores nomes de bandas de todos os tempos

Nicko McBrain: pedal duplo é pra caras como Aquiles PriesterNicko McBrain
Pedal duplo é pra caras como Aquiles Priester

Slayer: Kerry King explica como se deve balançar a cabeçaSlayer
Kerry King explica como se deve balançar a cabeça

Derek Riggs: Eddie vende mais do que Mickey MouseDerek Riggs
"Eddie vende mais do que Mickey Mouse"

Lars Ulrich: As mulheres da vida do bateristaLars Ulrich
As mulheres da vida do baterista

Aquiles Priester: Posters, action figures e latinhas de coca-colaAquiles Priester
Posters, action figures e latinhas de coca-cola

Malmsteen: nome inspirado em Deus nórdico com pênis giganteMalmsteen
Nome inspirado em Deus nórdico com pênis gigante


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336