Slash: "Ninguém pensa em reunião do Guns"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Fonte: Broward-Palm Beach New Times
Enviar correções  |  Comentários  | 

A possibilidade de um retorno do GUNS N´ ROSES e a ligação da banda com o ALICE IN CHAINS foram dois dos tópicos abordados por Slash em entrevista conduzida por Arielle Castillo, do the Broward-Palm Beach New Times.

5000 acessosChester Bennington: Slash comenta a morte do vocalista5000 acessosOut: os 100 álbuns mais gays de todos os tempos segundo a revista

Aonde vocês estão no momento? Como está indo a turnê?

Slash: "Estamos em Dallas. A turnê se iniciou em 5 de agosto, então estamos na estrada há pouco mais de um mês. Está sendo uma das melhores turnês em que me envolvi. É legal pois somos bons amigos dos caras do ALICE IN CHAINS. Temos raízes comuns, passamos por muitas coisas juntos. Estamos nos divertindo bastante, tem sido muito legal".

Já conhecia o ALICE IN CHAINS?

Slash: "É minha banda favorita das que surgiram no início dos anos noventa; me lembro quando apareceram. Houve muitas bandas - ALICE IN CHAINS, SOUNDGARDEN, FAITH NO MORE — que gravaram grandes discos naquela época. Havia algo acontecendo, foi o início de uma cena muito legal que acabou de uma hora para outra".

Então você estava a par de toda aquela cena? Muitas pessoas acham que ela [a cena] ajudou a derrubar o [sucesso] do GUNS N´ ROSES.

Slash: "As pessoas tentam classificar tudo, algo como 'houve os anos oitenta, daí chegou a década de noventa e em algum ponto dela ocorreu este movimento'. Mas tudo era influenciado pelo GUNS N´ ROSES, embora estivéssemos tocando em estádios e coisas parecidas. A única diferença em relação a bandas como NIRVANA e ALICE IN CHAINS é que já havíamos nos tornado uma realidade comercial, não éramos mais um grupo de desajustados, e todas aquelas bandas eram contra a indústria musical, então sim, rolava uma espécie de vibração negativa. Mas, pessoalmente, entre nós e os indivíduos [das outras bandas] havia muito respeito".

A esta altura, você já considera o VELVET REVOLVER como uma banda ou ainda encara como uma espécie de "projeto", como deu a entender bem no começo?

Slash: "Nunca foi um projeto. A mídia sempre tentou categorizar, chamando de um supergrupo. Internamente nós sempre tentamos fazer algo juntos que achamos legal e encontrar a maneira correta de se fazer. Acabamos nos tornando uma banda de cinco pessoas. Fazemos de tudo para nos reunirmos para compor, e levamos a coisa tão a sério quanto alguém leva quando forma uma nova banda".

O que faz para se manter em contato com os demais integrantes do GUNS N´ ROSES? Qual sua relação com o material do passado?

Slash: "Me parece que é difícil para outras pessoas deixar o passado no passado. Mas é tudo tão normal: é como se mudar de uma casa. Há algumas coisas que você carregará consigo, mas você está conscientemente se mudando. Não deveria ser tão complicado, mas existe uma espécie de... com o GUNS N´ ROSES ocorre um fenômeno onde as pessoas são tão obcecadas com isto que acabam sofrendo no aguardo de que ocorra [uma reunião]. E para esclarecer o que é publicado na mídia e na internet, não há nenhuma conversa no sentido de uma reunião entre os integrantes originais".

O artico completo pode ser lido Broward-Palm Beach New Times.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Chester BenningtonChester Bennington
Slash comenta a morte do vocalista

1702 acessosGuns N' Roses: os 30 anos de Appetite na capa da nova Kerrang!2621 acessosWagner Nascimento: Tocar como o Slash?? Muito fácil!!0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Guns N' Roses"

LágrimasLágrimas
25 músicas para chorar

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Homenagem a Axl em álbum de Slash?

Guns N RosesGuns N' Roses
"Tínhamos raiva e atitude", diz Slash

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Guns N' Roses"0 acessosTodas as matérias sobre "Velvet Revolver"

OutOut
Os 100 álbuns mais gays segundo a revista

SlipknotSlipknot
12 histórias que retratam o quão insana a banda é

Elvis PresleyElvis Presley
A filmografia do Rei do Rock

5000 acessosMetal: As bandas mais expressivas surgidas nos últimos 15 anos5000 acessosAC/DC: isso sim é uma bela estrada para o inferno5000 acessosTwisted Sister: segundo Dee, "ser pobre e famoso é uma merda"3694 acessosVídeo: A mais brutal bateria natalina do ano5000 acessosLed Zeppelin: sexo explícito na entrega de discos de ouro em 19735000 acessosEddie Van Halen: "Eruption foi um acidente"

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online