Álbum do Hangar é bem recebido no Japão

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 30/01/08. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Press-release

Masa Ito, jornalista japonês que há mais de 30 anos atua no mercado musical, elogiou a banda HANGAR e disse que o disco “The Reason Of Your Conviction” é uma obra-prima do Heavy Metal mundial. O crítico nipônico é considerado o mais importante de seu país e já participou de documentários de DVDs de bandas como METALLICA e IRON MAIDEN.

4834 acessosAngra: Rafael explica situação sobre a turnê Angra Years de Falaschi5000 acessosGhost: uma foto assustadora dos bastidores do Rock In Rio

Confira abaixo o texto assinado por Ito:

"Finalmente apareceu uma banda que se aproxima do ANGRA, a melhor e única banda do Brasil. Sob o fundamento da bateria cheia de dinâmica, com muitas levadas interessantes e a linha de baixo monstruosa, a banda HANGAR ataca com músicas poderosas, muito bem elaboradas, e melodias impressionantes, empolgando muito pela expressão latina. Depois de seis anos do seu último lançamento, "The Reason Of Your Conviction", o terceiro álbum da banda pode ser chamado de uma obra-prima.

"Os fãs de ANGRA já sabem que Aquiles Priester (baterista) e Fábio Laguna (tecladista de apoio) são membros do HANGAR. Todos sabem que a banda fez a abertura de um show do ANGRA na tour do disco "Fireworks", e logo em seguida Aquiles entrou para o Angra como um novo membro, e isso acabou resultando numa desacelerada nas atividades do HANGAR.

"A banda foi formada em Porto Alegre, a capital do Rio Grande do Sul, em novembro de 1997. Depois que Aquiles entrou para o Angra, devido às longas turnês e por causa da sua mudança para São Paulo, parecia difícil as atividades do HANGAR continuarem. Mas, aproveitando todo o tempo livre, Aquiles, Fábio, Mello e Martinez começaram as composições do novo disco em 2003, e em janeiro de 2004 definiram os arranjos finais das músicas. Mesmo com a dificuldade de arrumar tempo para fazer as atividades das duas bandas ao mesmo tempo, Aquiles e Fábio cooperaram muito nas composições.

Em 2005, o vocalista Michael Polchowicz saiu da banda. Eles demoraram para decidir o novo vocalista, pois fizeram audições com mais de 50 candidatos no decorrer de um ano, e em 2006 Nando Fernandes foi selecionado como novo vocalista. Nando, quem tem a amizade com o Edu Falaschi (ANGRA, ALMAH), também foi cogitado para assumir o posto de vocalista do ANGRA quando Andre Matos quase saiu da banda em 1998, antes de gravar o disco "Fireworks". O Hangar apresentou-se com Nando ao vivo pela primeira vez durante a Expo Music em São Paulo em 2006 e foi muito bem recebido pelos fãs, já de cara chamando muita atenção pela capacidade de expressão do novo vocalista. Eles começaram a gravação do novo disco em São Paulo nos intervalos da turnê do ANGRA. O álbum foi finalizado em janeiro de 2007, mixado e masterizado por Tommy Newton na Alemanha em março de 2007 e finalmente finalizado um álbum incrível.

O novo disco, "The Reason Of Your Conviction", saiu como um álbum conceitual que Aquiles concebeu. Aliás, a trilogia "The Massacre" foi também o eixo da obra no segundo disco da banda chamado "Inside Your Soul", lançado em 2001, o qual foi escrito com o tema pesado da descoberta da terra nova e a colonização da história do seu país. Quando decidiram fazer um álbum conceitual, os membros demonstraram suas capacidades como compositores e também como músicos. Eles são capazes de compor músicas elaboradas utilizando de forma única a sua técnica, pois tocam de forma livre e criam grooves únicos no universo musical.

"Sobre o conceito do álbum, eu quero recomendar que todos vocês tentem interpretar a história do Aquiles, onde existe a união das músicas com a agressão das melodias, que faz tudo fluir naturalmente e posso definir isso numa única palavra: Maravilhoso!

"A música 'Hastiness' apresentada pelo ritmo que a bateria impõe, ultrapassa os limites do 'Power Metal Melódico', e consegue explorar um estilo próprio mesmo o mostrando o espírito renovado do Heavy Metal tradicional. No entanto, a qualidade das músicas se mantém em altíssimo nível do começo até o final do álbum. A música "When The Darkness Takes You" é o ápice do clímax, pois é uma das canções mais dramáticas do disco com grande interpretação vocal. O estilo da música do HANGAR é o grande diferencial.

"Quero falar especialmente do novo vocalista Nando Fernandes, que tem uma voz muito poderosa, e ao mesmo tempo excelente senso de expressão. Ele põe seu sentimento no conceito do álbum e dá vida à história de forma muito ampla, onde podemos imaginar a cena como se fizéssemos parte dela. Sua habilidade vocal dá vida ao álbum.

"Neste álbum que mostrou a capacidade e o talento do Hangar, ainda há os bônus 'Your Skin And Bones', registrando um outro final da historia, e 'Breaking All The Rules' do álbum com o mesmo título de Peter Frampton lancado em 1981. O disco com edição limitada traz o DVD com o vídeo e o making of 'Call Me In The Name Of Death'.

"Desejo para Aquiles muito sucesso nas atividades da banda Hangar e imagino que muitos fãs japoneses esperam assistir o show da banda, pois recebemos este disco como uma obra prima. Espero que os fãs realizem o seu desejo de ver a banda ao vivo no Japão."

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

AngraAngra
Rafael explica situação sobre a turnê Angra Years de Falaschi

770 acessosKiko Loureiro: vídeo completo de workshop online do guitarrista367 acessosRio Rock City: melhores introduções de baixo da atualidade0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Angra"

Edu FalaschiEdu Falaschi
Deus, ex-colegas do Angra e 25 anos de carreira

AngraAngra
De quem é o direito de fazer a Holy Tour 2016?

KrisiunKrisiun
"Edu Falaschi não viveu o underground"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Hangar"0 acessosTodas as matérias sobre "Angra"

GhostGhost
Uma foto assustadora dos bastidores do RIR

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Robert Plant, do Led Zeppelin, muito antes da fama

HangarHangar
Os discos que marcaram o baterista Aquiles Priester

5000 acessosLars Ulrich: O motivo pelo qual o Big Four tocou "Am I Evil"5000 acessosIron Maiden: Nado sincronizado ao som de "The Trooper"5000 acessosGuns N' Roses: os Jovens Pistoleiros, sexo, drogas e RnR5000 acessosOzzy Osbourne: "Eu nunca demiti Zakk Wylde", diz o madman4015 acessosDimebag: em entrevista citando principais influências musicais4179 acessosRandy Blythe: puto com fã no memorial de Oderus Urungus

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online