Mustaine: "não posso fazer o mesmo álbum duas vezes"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Paulo Nesso, Fonte: Megadeth World, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 30/11/08. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Tradução do post de Mustaine no dia de Ação de Graças onde ele fala muito sobre o novo álbum e faz um forte desabafo sobre as pessoas que o criticam e que se passam por ele na internet.

3344 acessosMegadeth: cinco vezes onde a banda foi melhor que o Metallica5000 acessosNightwish: Participação de Dawkins em álbum irritou alguns fãs

"Droogies!

Feliz Dia de Ação de graças para todos vocês que escolheram celebrar este dia. O post de hoje abrage toda a semana, ao invés de apenas um único dia.

Andy Sneap voltou para o Reino Unido, e Shawn Drover voltou para a terra dos mosquitos, a Georgia. Eu estou em casa em San Diego, assim como James. Chris na estrada por 2 horas até Los Angeles. Nosso último dia inteiro juntos foi terça-feira. E foi muito produtivo.

Sei que provavelmente existam dúvidas sobre como estou indo com as músicas, mas eu nunca tive dúvidas, e as músicas que ouvi até agora são excelentes na minha opinião, continuamos a fazer pequenos ajustes os quais aperfeiçoam a música - na maioria das vezes. Também acho que tive humildade o suficiente para saber quando uma alteração torna ou não uma música melhor, e continuar com o que é melhor. Também, respeito Andy o bastante para ouvi-lo se ele acha que algo está faltando.

Nas quatro músicas que fizemos demos (sem letras) existem elementos rápidos e lentos em cada uma. Estou bem com o jeito com que as partes estão se encaixando, e uma vez que o projeto terminado é sempre melhor que o rascunho, agora vou relaxar, sentar e ver como as coisas vão se revelar. Se torna muito cansativo com todas as cobranças de 'como fazer o próximo álbum' e 'o que estou fazendo de errado' e agora estamos 'muito disso' ou 'muito daquilo' para o que importa aos fãs de metal, então apenas balanço minha cabeça e dou risada.

De volta ao estúdio, adoro quando estou falando sobre como uma parte da bateria precisa de um pedal duplo mais forte ou uma parte mais frenética e como Shawn entende, 'Sei o que ele quer' e então corre até a 'Live Room' e faz. Que luxo o ter sentado aqui e ter sua ajuda no 'feeling' das pequenas nuances e fazê-los tão melhor quando tocada da maneira certa! Eu sabia que este seria um trabalho muito melhor do que o projeto anterior assim que o começamos, desde que estamos juntos, estamos muito melhor agora do que antes do 'United Abominations'. Deixando vocês felizes ou não, eu não posso fazer o mesmo álbum duas vezes. Paralelamente, tive que superar a enorme dificuldade física que o problema no meu braço causou e tem quase 30 anos desde que escrevi estas músicas que todos levam consigo. Não será um álbum speed metal/thrash metal dos anos 80, 90 ou mesmo 2000. Já é quase 2010 e estou muito feliz com minha musicalidade, especialmente desde que tive que reaprender a tocar uma vez que não conseguia mais, acho que estou ficando melhor - não rápido - apenas melhor.

Então, tenho muita gratidão, Sim, é desapontante ler posts que estão constantemente criticando a mim, Megadeth, minha música ou qualquer outra coisa que venho a fazer com minha vida, e sei que tem muita gente aqui que percebe isso também, e discorda. Apenas peço que se lembrem, a fim de não ser considerado injusto, permitimos que um certo nível de opiniões 'contra-Megadeth' sejam postadas aqui [Fórum Oficial]; é que as vezes as pessoas vão além. Amo vir aqui e interagir com vocês todos. Realmente me faz sorrir, mas as vezes tem coisas que me fazem coçar a cabeça. Como por exemplo, porque eu não toco rápido como antes? Eu continuo tocando rápido. Talvez não tão rápido como Shawn Drover - o guitarrista mais rápido do mundo, Mas eu continuo rápido.

Peguem esse novo álbum. Metade das reclamações vem de pessoas que não conseguem tocar um instrumento e não tem idéia do quanto são difíceis essas partes, porque elas não são o que parecem ao ouvido humano. Diabos, eles nunca ouviram uma nota sequer e já estão criticando. Eu desafio vocês a perguntarem a qualquer ex-aluno, perguntem a qualquer monstro herói guitarrista que tocou no Megadeth e eles lhes dirão que é muito mais difícil do que parece. Quem em sã consciência deixa uma reclamação de fã mudar a maneira de como ele expressa sua música, sua alma. Isto não é apenas criar material para fazer dinheiro.

Atualmente amo tocar e estar na frente de vocês e entretê-los. Mais, é totalmente estúpido achar que depois de completa perda de movimento do meu braço esquerdo ele não ficaria com danos de velocidade, destreza e habilidade sacrificados com o acidente ocorrido. Quero dizer, vejo alguns caras que se machucam e não podem tocar, e as pessoas entram em vígilia por eles. Quando me machuquei era mais como, 'agora vamos ver o que ele vai fazer' que era provavelmente irrecuperável, mas me sinto mais como, 'Jesus, Estou feliz, ainda posso tocar depois de tudo'".

Confira na íntegra o post traduzido no Megadeth World.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MegadethMegadeth
Cinco vezes onde a banda foi melhor que o Metallica

3050 acessosHeavy Metal: os 10 melhores riffs dos anos noventa505 acessosMarty Friedman: ouça "Miracle", single do novo álbum solo3510 acessosMetallica: e se James Hetfield cantasse no Megadeth?0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Megadeth"

Kerry KingKerry King
"Nunca imaginei voltar a tocar com o Megadeth!"

MegadethMegadeth
Carta aberta de Dave Mustaine ao Metallica

ClipesClipes
10 vídeos de rock/metal bem legais lançados em 2016

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Megadeth"

NightwishNightwish
Participação de Dawkins em álbum irritou alguns fãs

SinceridadeSinceridade
E se as capas de discos dissessem a verdade?

Sons Of AnarchySons Of Anarchy
A obra-prima televisiva e sua fantástica trilha!

5000 acessosSlayer: Gary Holt é realmente um cara mal-agradecido5000 acessosFãs de Rock: você conhece o estilo de se vestir de cada um5000 acessosMetal: as oito maiores tretas entre músicos do gênero5000 acessosGuitar World: os 100 melhores guitarristas de hard rock5000 acessosBlack Sabbath: Ozzy relembra quando sucesso virou pó5000 acessosIron Maiden: "A banda está mais forte do que nunca"

Sobre Paulo Nesso

Paulo Nesso, ou apenas Nesso, é paulista, mora em Americana-SP, profissional da área de T.I. Sempre trabalhou com informática. Aos 13 anos conheceu o metal e ao ouvir os primeiros acordes de "Holy Wars" apaixonou-se pelo thrash do Megadeth. Fundador do megadethworld.com, um portal com mais de uma década de história, acompanha a evolução do Whiplash! desde seu início. São Paulino doente, adora carros e tecnologia, faz de suas paixões seus hobbies e tem um enorme prazer em levar conhecimento aos fãs de Dave Mustaine & Cia.

Mais informações sobre Paulo Nesso

Mais matérias de Paulo Nesso no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online